Gostaria de convidar você hoje a imaginar duas situações:

Situação 1:

A irmã chega ao gabinete para pedir aconselhamento pastoral. Ela começa a derramar seu coração e a conversar com o pastor:
– Pastor, estou muito triste.
– Veja bem, amada, se a irmã observar os pontos TULIP, de Calvino, vai poder compreender melhor as razões de sua situação.
– Ahn?!
– Analisando a depravação total do homem, torna-se factível compreendemos os reflexos hamartiológicos que lhe afligem.
– Sei… não, pastor, na verdade… bem, é que estou muito deprimida, sabe?
– Minha irmã, quando Tomás de Aquino cristianizou Aristóteles, ele sistematizou, à luz da revelação específica de Deus, a metodologia científica. Destarte, ciência e fé coadunam numa unidade que tem seu auge nas cinco vias em que Aquino deu provas imanentes do transcendente.
– Ahn… pastor, eu… éééé… Na verdade, pastor, tem horas em que o sofrimento é tanto que minha fé é abalada.
– Imagina, minha irmã! Segundo o pensamento do movente não movido, associado à ideia dos graus de perfeição e à contingência dos seres, fica transparente que sua cosmovisão distorcida carece de fundamento.
– (…)
– Não faça essa cara, amada! Anselmo de Cantuária foi claro sobre isso em seu “Credo ut intellegam”.
– Sei… Na verdade, pastor, eu queria saber se o senhor podia me dar uma palavra de esperança, entende? Alguma palavra da Bíblia…
– Sem dúvida, minha irmã. Perceba: segundo as melhores teologias sistemáticas, no que tange à esperança escatológica, podemos ter a segurança de que, a despeito da crença assumida, seja amilenista, pré-milenista ou pós-milenista, dentro da cosmovisão cristã é certo que o reino de Deus (que encontra sua expressão no “já” e no “ainda não”), se fará pragmatismo em sua vida, irmã!
– Ahn… Tá, pastor… Bom, sabe, obrigada, eu vou ali na outra igreja conversar com o pastor de lá.
– Que isso, irmã, não faça isso! Segundo a eclesiologia, a…
– Deixa, pastor, deixa. Obrigada, viu?
– Imagina, amada! Sempre que precisar, estou ao seu dispor! E que o Totalmente Outro apontado por Karl Barth manifeste sua graça sobre a irmã!
– Amém… eu acho…

Situação 2:

A irmã chega ao gabinete para pedir aconselhamento pastoral. Ela começa a derramar seu coração e a conversar com o pastor:
– Pastor, estou muito triste.
– Que isso, irmã! A vitória é tua!
– Ahn?!
– Claro! Toma posse da tua bênção e segue nessa fé pra Canaã!
– Sei… não, pastor, na verdade… bem, é que estou muito deprimida, sabe?
– Que falta de fé é essa, minha irmã! Tá amarrado! Repreende essa seta! Se a irmã tiver fé do tamanho do grão de mostarda Deus abrirá as águas e o varão de branco vai trazer numa bandeja de prata a tua vitóóóória!
– Sei… não, pastor, na verdade… bem, é que estou muito deprimida, sabe?
– Xiiii… A irmã deve estar em pecado. Crente de verdade não tem depressão, isso é coisa do Inimigo. É falta de fé, é opressão! Isaías 53, irmã, Isaías 53! Toma posse! A irmã tá muito carnal! Vamos agendar umas sessões de libertação.
– Ahn… pastor, eu… éééé… Na verdade, pastor, tem horas em que o sofrimento é tanto que minha fé é abalada.
– Então feche os olhos e cante comigo: “Rompendo em fééééé, minha vida se revestirá do teu poder!!! Rompendo em fééééé!!!!”. Canta, irmã! Isso! E vai dando glória! Dá glória, irmã! Dá glória!!!
– (…)
– Irmã de pouca fé! Solta o cabo da nau! E navega com fé em Jesus! E dá glória, irmã, dá glória!
– Sei… Na verdade, pastor, eu queria saber se o senhor podia me dar uma palavra de esperança, entende? Alguma palavra da Bíblia…
– Claro, amada! Lembre-se que não cai uma folha da árvore se Deus não deixar!
– Ahn… Tá, pastor… Bom, sabe, obrigada, eu vou ali na outra igreja conversar com o pastor de lá.
– Que isso, irmã! Tá desviada? Vou ter de botar a irmã em disciplina! A irmã anda vendo filmes da Disney?! Que história é essa de outra igreja, lá só tem crente frio, não tem poder de Deus!
– Deixa, pastor, deixa. Obrigada, viu?
– Amém, irmã, vai cantando vitória!!! Você é a menina dos olhos de Deus!!! Aleluiasss!!! E dá glória, irmã, dá glória!!!
– Amém… eu acho…

* * *

O objetivo da reflexão de hoje é pensar sobre a importância do estudo da Teologia para a nossa vida prática de fé. As duas situações acima são uma caricatura do que vejo hoje em muitos e muitos âmbitos da Igreja brasileira: de um lado, os que idolatram a Teologia. De outro, os que demonizam a Teologia.

Acredito que o estudo da Teologia é essencial. Mas tenho certeza que só Teologia não basta. Teologia nos diz quem é o Curador das feridas, o Salvador das almas, o Restaurador; mas só o conhecimento sobre Ele não é suficiente: é preciso aplicação prática. Que só vem mediante o amor, lágrimas derramadas pelo próximo, mãos cheias de calos e pés sujos de barro.

Por outro lado, sem Teologia a devoção do crente é mirrada. A falta de estudo teológico nos deixa à mercê de um Deus que não sabemos quem é e, por isso, não sabemos como Ele deseja que nos relacionemos consigo e com o próximo. Só a prática não basta, visto que Deus se revelou pela Palavra e ela precisa ser compreendida e estudada. Isso só é possível mediante o conhecimento da Teologia.

Portanto, só Teologia é intelectualismo inútil e infantil; mas zero Teologia é misticismo inútil e infantil. Um coração cheio de Teologia mas destituído de amor é vaidoso, arrogante e egocêntrico. Um coração vazio de Teologia é ignorante, errático e perdido.

Há três tipos de indivíduos no meio dos cristãos e devemos escolher qual deles queremos ser:

1. Quem não ama pessoas prega só Teologia.

2. Quem odeia Teologia prega frases feitas e vazias.

3. Mas quem ama pessoas e também ama Teologia prega… o evangelho.

Paz a todos vocês que estão em Cristo,
Maurício

comentários
  1. Cris disse:

    Obrigada pela reflexão.
    Uma ótima semana pra você!

  2. Graça e paz irmão Maurício!
    Fato. Crescer na graça e no conhecimento de Cristo Jesus Nosso Senhor é fundamental para conhecer ao Senhor e às pessoas.
    Teologia sem o Espírito é inútil. É firmar a fé das pessoas em homens.
    Quando alguém procura um sacerdote (um regenerado independente de posição eclesiástica), procura o coração de Deus, e não um doutor ou uma criança.
    É preciso ouvir e falar o que Deus diz em sua palavra. E sem maturidade Cristã isso é impossível.
    Abraço em Cristo.
    Pr Jeferson Rangel

  3. Nadia Malta disse:

    Caro irmão Zágari, compartilho da sua visão quanto ao que escreveu. Infelizmente esta é uma realidade, especialmente da igreja brasileira. Que Deus nos dê clareza de entendimento e equilíbrio de ação. Glorifico ao Senhor por sua vida. Deus o abençoe sempre.

  4. Henrique disse:

    Glória a Deus, Maurício!

    Mano, meus olhos marearam!

    Que conclusão linda, meu querido irmão! É do Evangelho que precisamos!

    E com a tua permissão, parafraseando um irmão em Cristo:
    “Evangelho da Condenação? Evangelho do Inferno? Não! Evangelho da Graça de Deus!”

    Precisamos do Evangelho da Graça de Deus, revelada ao homem através de Cristo, o Verbo de Deus.

    Um abraço, com amor em Cristo.

    Henrique

  5. Jose Junior disse:

    A paz de Deus, nobre amigo e irmão.

    Jesus bem conhecia essa casta de homens, ao dizer que eles “erravam por não conhecer as Escrituras e nem o poder de Deus”. Mateus 22.29

    E o tapinha nas costas… com a finalização “tamo orando pelo irmão… Deus é fiel e tudo ta cooperando pelo irmão”.

    (…)

    Oro a Deus para que possamos continuar a amar e pregar, para a glória de Deus.

    No amor de Cristo Jesus,
    José.

  6. Hamilton disse:

    Ótimo texto, irmão Maurício!
    Conciso, mas bem completo e profundo.
    Situações engraçadas pelo exagero, mas preocupantes pela triste realidade.
    Oremos e preguemos de forma equilibrada o verdadeiro evangelho da salvação.
    A paz do Senhor seja conosco.
    Abraço =]

    • Olá, Hamilton,
      .
      obrigado pelo carinho, você é gentil. Muitas vezes a caricatura revela a realidade com cores que nenhum outro recurso permite.
      .
      Oremos e preguemos como você disse.
      .
      Paz, mano, Deus te abençoe,
      mz

  7. India Nunes disse:

    A Paz de Cristo!! Meu irmão como eu tenho visto isso acontecer! Mas Fiel é Deus que sempre providencia irmãos equilibrados para nos aconselhar de modo bíblico e amoroso, Louvado seja o Nome do Senhor Jesus!! Que Deus continue te usando sabiamente para edificar a nossa vida através de seus artigos! Saúde e Paz Plena no Senhor Jesus, para você e sua família!!

  8. Alessandra disse:

    Maurício, como é bom acordar com suas mensagens sensíveis, inteligentes, equilibradas, sensatas. Traz paz e esperança! Obrigada!

  9. Olá Mauricio,

    Disse tudo.
    Em outras palavras, precisamos de teoria e prática. Teoria é Teologia, que é conhecer os preceitos do Senhor. Prática, como você disse, é amor, que se traduz em lágrimas derramadas pelo próximo, mãos cheias de calos e pés sujos de barro.
    Em suma, uma completa a outra.

    Abraço fraterno!!

  10. Heloyza disse:

    Mas uma excelente reflexão Mauricio! Parabéns pelo dom de comunicar a palavra de Deus de forma simples e compreensível.

  11. Fabio Cardoso disse:

    Tem aquele também que de 5 em 5 minutos diz: ” Esta palavra no grego significa isso e aquilo”
    Me colocando no lugar do incrédulo ou novo na fé, pode chegar a pensar que a Bíblia foi traduzida com muitas falhas.
    Aprendi que jamais levante assuntos polêmicos de púlpito que possam não edificar.
    Abraço.

    • Olá, Fábio,
      .
      creio que o uso das línguas originais é importante, mas tem hora e lugar certo para se referir a elas. Se for expressão de vaidade é condenável. Se ajuda a transmitir o evangelho é bem-vindo. Busquemos o equilíbrio.
      .
      Grande abraço, mano, na paz,
      mz

  12. Boa reflexão Zagari, Temos que manter o equilíbrio !
    Estou lendo o livro (Pense do Piper) e ele diz assim: A mente serve para conhecer a verdade que inflama as afeições do coração.
    Que Deus nos ajude a compreender cada vez mais isso !

    Abraços! 🙂

  13. Alexandre Nobre disse:

    Paz Maurício, tudo bem?
    Rapaz, essas situações são cômicas e trágicas ao mesmo tempo, porém infelizmente reais demais … ótima ilustração da realidade mano!
    Estou começando a ler um livro do Dr. Martyn Lloyd Jones chamado “Os Puritanos, suas origens e seus sucessores” e ele trata, pelo menos no começo, sobre essa questão. Fico feliz, de verdade mano, que você tenha enxergado o mal desse “intelectualismo ortodoxo” e, apesar do estudo teológico ser de suma importância, sem amor ele se torna estéril.
    Abração … que Deus te use cada vez mais para fazer essa diferença tão importante!

    • Oi, Alexandre, tudo joia?
      .
      fico feliz que você capta a mensagem, querido. Gente pra ser gente tem que ter cérebro e coração. Senão vira uma aberração.
      .
      Obrigado pelo carinho.
      .
      Abraço, na paz de Deus,
      mz

  14. sueli. disse:

    Maravilhoso seu texto,me vi dentro dele,porque ja ouvi muitas dessas miserias daí.continue sevindo de forma sábia e coerente ao Deus de maravilhas.

  15. Zulmira Borges disse:

    Olá Mauricio,

    É para rir ou chorar? Nesse momento vou preferir rir mano. Saudades do Apenas, fiquei sem internet pelo motivo de mudança.
    Eu já vivenciei algo semelhante, passei meus momentos de depressão profunda, resolvi procurar ajuda, com psiquiatra, com o Apenas, com amigos , e por ultimo o pastor, e sabe o que ouvi ?
    – você orou pouco, tem que orar mais!
    Ainda bem que eu já estava mais, digamos resistente na época, mais leitora assídua de seus post, e pensei comigo: Já chega o diabo que é o nosso acusador, eu é que não vou cair nessa de auto acusação.
    O Senhor tem sido, e sempre será meu auxílio, tenho aprendido mais com uma tia “batistona”. Como já comentei antes, acabei ficando onde estou pelos meus adolescentes que estão inseridos no meio, e temo procurar outro lugar por enquanto.
    Estou buscando o equilíbrio,e se conheço a Palavra, menor a probabilidade de sair machucada.

    Paz querido.

    • Oi, Zulmira,
      .
      fico feliz por saber que você está bem. “Estou buscando o equilíbrio,e se conheço a Palavra, menor a probabilidade de sair machucada” é uma frase perfeita. A resposta está na Palavra de Deus e bem-aventurados somos nós se temos em nossa comunidade de fé pessoas que nos amparam e aconselham alicerçadas nela.
      .
      Paz, bom retorno!
      mz

  16. MARCOS FALCON disse:

    Grande Zaggar ! A Paz ! Como sempre muito edificante! Palavras sem amor , sem verdade, sem conhecimento que vem do alto, são palavras vazias, que ao invés de edificarem , muitas vezes afastam algumas pessoas de Deus ! Seguir os exemplos de CRISTO é o melhor caminho. Valeu! M. Falcon

  17. Bruno Vilela disse:

    Muita gente dessas igrejas tem zelo apesar da falta de conhecimento: não enxergo o ódio como sendo a causa exclusiva da pobreza teológica (pobreza e não vazio), mas também temos o desleixo e o anafalbetismo funcional associado a passividade, dentre outros, porém apesar de todas as limitações a misericórdia de Deus e seu poder são tão grandes que mesmo em um contexto como este frutos são gerados, apesar das limitações muitos destes irmãos dão a cara pra bater, e isso eu admiro, afinal não é qualquer um que tem coragem de abrir uma igreja do lado da boca de fumo ou de frente pra centros de macumba. Fica pra reflexão, já que muito blog dito apologético senta a madeira nesta parcela da igreja mas não tem humildade o suficiente pra aprender com ela e tirar o cisco do próprio olho, isso é o que me deixa fulo porque malhar o Judas virou moda… não é o seu caso, mas fica pra reflexão como já disse 🙂

    Um abraço e desculpe se falei d+

  18. Greize disse:

    Perfeito, só quem passou pela duas situações sabe, dá vontade de rir um pouco quando lemos, mas saiba na hora é de chorar.Equilíbrio é amor!!!Fica na Paz Zágari!!

  19. Eliana disse:

    É isso aí!!! Muito bom, Maurício! Como sempre!

    Hoje me deu uma saudade desse blog… Ler os comentarios, quase sempre tão edificantes quanto os posts!

    Deus abençoe! 🙂

    • Querida Eliana!
      .
      Que bom ter noticias suas. Não sei se você viu, mas te mandei um e-mail no teu aniversário. Manda um abração pro Brainer!
      .
      Deus abençoe muito vocês, gente de bom coração,
      mz

      • Eliana disse:

        Maurício! Eu respondi o e-mail do meu aniversário! Não recebeu? Se não recebeu, saiba que o e-mail me deixou muito feliz, meu amigo e irmão! O abraço ao Brainer será entregue!

        Deus continue abençoando você e sua família!!!

      • Querida amiga,
        .
        a internet é uma grande pregadora de peças. Fico feliz que o email te deixou feliz rs.
        .
        Um abraço bem apertado em você e Brainer, almas carinhosas que moram no meu grato coração,
        mz

  20. Zágari, você foi cirúrgico, e o dignóstico de infantilidade de ambos os extremos foi preciso, exato. É essa a realidade mesmo, lamentavelmente.
    Escrevi um texto abordando o extremo da adoração à teologia, posso pegar carona aqui no seu blog e colocar o link 😉 rsrrs… Se puder, segue abaixo:
    http://www.leandrohdias.com/2013/12/teololatria-os-adoradores-das-suas.html
    Grande abraço, gosto do seu jeito de escrever (expor a verdade, mas sem ataque!).
    Fique com Deus.

    • Oi, Leandro, tudo bem?
      .
      Fique totalmente a vontade, querido, taí o link publicado. Fico feliz que mais e mais irmãos dediquem seu tempo e seus talentos para a edificação do Corpo mediante a palavra escrita. Te incentivo a seguir e prosseguir.
      .
      Obrigado pelas palavras, muito gentis.
      .
      Abraço a você e toda a família, na paz de Deus,
      mz

  21. Eu fico com ah de número “3”

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s