cafeMinha esposa trouxe-me uma xícara de café. Abri um largo sorriso; afinal, que marido não gosta de um paparico? Mas, então, pus a xícara na boca e fui invadido por arrepios: o café estava amargo de dar dó. Virei-me para ela e disse:

– Amor, você se esqueceu de pôr o adoçante. 

Ela fez uma cara de irritada e respondeu:

– Claro que não esqueci. Tenho certeza absoluta de que pus o adoçante.

Será que eu estava errado? Experimentei um segundo gole. Eca. Amargo. 

– Amor, tenho certeza de que esqueceu. Está amargo demais. 

Ela franziu a testa e rosnou:

– Já disse que não esqueci. Eu pus um saquinho inteiro. Tenho certeza. Posso ter esquecido de mexer, mas o adoçante está aí. É só mexer, deve estar no fundo da xícara. 

Eu costumo tomar algumas xícaras de café por dia, por isso sei bem o que é um café adoçado e o que não é, mesmo não mexido. Eu estava seguro de que ela tinha se enganado, mas resolvi dar-lhe o benefício da dúvida. 

– Tenho certeza de que não tem adoçante, mas, já que você diz, vou lá mexer. 

Levantei da cama e fui até a cozinha. De fato, havia um saquinho de adoçante aberto em cima da pia. Estaria eu errado? Mexi o café e tomei outro gole. Eca. Amargo. Voltei para o quarto. 

– Amor, já mexi e continua amargo. Você com toda certeza não pôs o adoçante. 

Aí ela se enfezou. 

– Olha só, Maurício, eu tenho certeza de que pus o adoçante. Cer-te-za! Se estou falando é porque pus! Que coisa! 

– Mas eu mexi e continua amarguíssimo! Estou dizendo, acredite em mim, não está com adoçante! Faz o seguinte: já que você não acredita em mim, prove você mesma. 

E estendi a xícara para ela. Que fez uma cara de birra e respondeu:

– Não vou provar nada. Se eu tenho certeza, pra que provar?

Estava estabelecida uma daquelas típicas discussões ridículas de marido e mulher, sabe como é? Foi quando tive uma epifania. Voltei para a cozinha e olhei dentro do saco de adoçante que estava em cima da pia. E, lá dentro, estava todo o conteúdo dele. Sucralose branca, reluzente e gloriosa. Sim, minha esposa tinha aberto o saquinho mas, distraída, se esqueceu de derramar o pozinho na xícara. O que antes era óbvio para minhas papilas gustativas agora era óbvio para os olhos. E para a razão. 

Depois que esse episódio até mesmo engraçado passou, fiquei pensando na teimosia da minha esposa. Eu tinha provado o café e afirmado que ele estava sem adoçante. Não seria óbvio acreditar no que eu estava falando? Para que eu inventaria aquilo? Eu amo café e, se estivesse bom, eu tomaria com prazer. Tudo deixava claro que eu tinha razão. Mas ela cismou que eu estava errado, e isso porque ela “achava” que tinha posto a sucralose na xícara. Porém, ela em momento algum disse que “achava”, sempre afirmou que “tinha certeza”. E estava errada. Temos de tomar cuidado com nossas “certezas”.

Você pode pensar que minha esposa é muito cabeça dura, que não custava nada ter acreditado em mim ou, na dúvida, pelo menos provado meu café para eliminar a cisma. Que mulherzinha teimosa, não é? Bem… permita-me defendê-la. Porque o que ela fez comigo todos nós fazemos com Deus. 

Deus sabe o que diz. Ele “provou o café” da eternidade e pôs nas páginas da Escritura todas as informações necessárias, para o nosso conhecimento. Mas eu e você, seres humanos teimosos e cabeças-duras, cismamos em questionar o que ele afirma, mesmo sabendo que o Senhor tem todo conhecimento de causa. 

cafe 1Deus nos manda não levantar falso testemunho, mas nós, volta e meia, estamos soltando uma mentirinha. Deus deixa claro que os arrogantes não têm parte com ele, mas vemos as igrejas repletas de gente altiva. Deus manda não devolver mal com mal, mas qual de nós não aprecia uma vingançazinha, não é mesmo? Deus diz no décimo mandamento que não devemos cobiçar nada do nosso próximo, mas a inveja é nossa companheira constante. Deus manda amar o inimigo, mas o que mais vemos são cristãos detonando quem pisa no seu calo. Deus diz que não devemos andar ansiosos por coisa alguma, mas a ansiedade não sai de nosso lado. Deus nos manda negar a nós mesmos e preferir os outros em honra, mas vivemos pondo o nosso ego e nossos interesses no pináculo do templo. Deus quer que sejamos amáveis, mansos e pacificadores, mas adoramos uma discussão sobre política ou religião que seja irada, agressiva e com palavras duras ou sarcásticas nas redes sociais. Deus fala, mas nós, teimosos, cismamos em nossas falsas “certezas”. Não seria melhor, mais sensato e mais óbvio confiar no que ele diz?

Deus conhece o gosto amargo do pecado, mas cismamos em desobedecer-lhe. Batemos pé que o amargo é doce. Afinal, tudo bem que Deus diz tal e tal coisa, mas… Repare bem nesse “mas…”. Ele é o grande problema. Nossas objeções à verdade bíblica são as maiores causas de enfiarmos os pés pelas mãos. A cisma em priorizar a nossa certeza acima da certeza de Deus é o que nos faz viver quebrando a cara. Afinal, te-mos-cer-te-za-de-que-a-do-ça-mos-o-ca-fé! Só que o café está amargo! Cabeças-duras que somos. 

Meu irmão, minha irmã, creia: Deus sabe o que diz. Não duvide das verdades bíblicas. Não procure tergiversar e dar explicações alternativas para o que é claro. Não tente afirmar que o amargo é doce ou que a doce é amargo. Se viver com coerência e confiança inabalável nas palavras do Senhor, você experimentará uma fé sólida, autêntica, fiel e verdadeiramente bíblica. 

Paz a todos vocês que estão em Cristo,
Maurício Zágari < facebook.com/mauriciozagariescritor >

Confiança inabalável_Banner ApenasClicando nas imagens acima e abaixo você vai para a livraria virtual das lojas Saraiva.

APENAS_Banner três livros Zágari

Anúncios
comentários
  1. Bruna disse:

    Parabéns Maurício! Seus textos tem sido de enorme ajuda para mim, já que passo pelo 2° divórcio por conta da minha teimosia, precipitação e falta de confiança em Deus.
    Desejo que assim como me tem feito enxergar meus erros e poder corrigí-los, esses seus textos “falem” aos corações dr muitos que como eu se achavam os “Senhores” e “Senhoras” de suas vidas.
    Que deixemos de fato e de uma vez por todas, Cristo reinar em nossas vidas.
    Obrigada!

    • Olá, Bruna,
      .
      agradeço muito a Deus por ele falar ao teu coração por meio do que escrevo. Peço a ele que ilumine tua mente e guarde teu coração, para que você tome as decisões certas e caminhe dentro da vontade do Senhor. Oro por ti.
      .
      Abraço fraterno, na paz de Deus,
      mz
      facebook.com/mauriciozagariescritor

  2. Vanda disse:

    Muito bom Maurício!
    Dá muito que pensar na nossa verdadeira teimosia! Todos nós muitas vezes somos teimosos! E como somos! Às vezes falo por mim. Custa dar a mão à palmatória, reconhecer que podemos estar errados. E também é complicado quando sabemos que estamos certos e a outra pessoa não cede! Precisamos de mudar, de ter cuidado, e principalmente com Deus! Ele tem sempre razão.
    É engraçado que tenho meditado nisso ultimamente, Deus não muda nem mudará a sua Palavra, mas para certas coisas que gostaríamos que fossem ligeiramente diferentes, à nossa medida e tentamos arranjar desculpas que não são aceitáveis. Mas temos que estar sempre de acordo com a vontade de Deus. Não é possível de outra forma.

    Abraço na paz de Cristo meu irmão,

    Vanda

  3. Dayanne Vidal disse:

    Boa Tarde
    Paz de Deus Maurício.

    Texto maravilhoso, vamos refletir as nossas atitudes diante de Deus.

    Jesus abençoe!

  4. Luiz Fernando disse:

    Olá, Maurício, graça e paz.
    Muito edificante o texto,
    Fui confrontado. Como somos cabeça dura. Eu que o diga.
    Ah, queria dizer que fiquei muito feliz de poder te conhecer pessoalmente no lançamento de seu livro “confiança inabalável”, no dia 9 que passou. Pra mim foi uma honra e grande alegria. Foi uma satisfação poder dar um abraço num irmão querido que através das letras foi o instrumento inúmeras de edificação na minha vida. Que Deus continue te iluminando, e que tudo em tua vida resulte em glória e louvor para Ele. Que tua vida seja um instrumento para o Reino sempre.
    Grande abraço, na paz de Cristo.

    • Olá, Luiz,
      .
      sou grato a Deus por as palavras do texto terem conduzido você à reflexão. Obrigado por compartilhar.
      .
      A alegria por conhecê-lo foi toda minha, meu irmão. É sempre bom conhecer o rosto por trás das letras. 🙂 Obrigado pelas palavras e pela oração.
      .
      Abraço fraterno, na paz de Deus,
      mz
      facebook.com/mauriciozagariescritor

  5. Li disse:

    Homens, kkkkkkkkkk…..Gastou tanto tempo para provar que estava certo que o café deve ter esfriado (que desperdicio, amo café), eu prefito ser feliz que ter razão, eu perguntaria uma vez, tomaria um segundo gole e após constar a amargueza, iria até o pote, colocaria o adoçante e fim da história…Mas, tu foi e voltou só pra ter razão, aff

    • Pra você ver como eu sou ruim e inferior, Li. Ainda bem que há pessoas (mulheres!) perfeitas e superiores como você, que vieram ao mundo para ensinar a nós, homens, o caminho da felicidade.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s