dieta do perdao1O que é preciso fazer para perder peso? Se você já se dedicou a uma dieta, sabe que ela exige que sigamos, essencialmente, três passos. Primeiro, é necessário compreender bem a dinâmica do emagrecimento, ou seja, inteirar-se do que diz a teoria: necessidade de ingerir menos calorias do que se gasta, importância do controle metabólico, explicação de por que se deve comer menos e mais vezes por dia etc. Sem compreender como se perde peso você jamais conseguirá emagrecer. Segundo, uma vez que entende a teoria, é hora de pôr em prática o que aprendeu. E quem já se dedicou a perder peso sabe que essa etapa não é nem um pouco fácil, pois o aspecto mais importante para emagrecer é abrir mão da sua vontade de comer o que não deve (às vezes é mais fácil um camelo passar pelo buraco de uma agulha do que recusar aquele suculento brigadeiro, não é?). Ou seja: dizer não a si mesmo é fundamental. Terceiro, além da correta escolha dos alimentos, também é preciso exercer disciplinas complementares e indispensáveis, como exercícios físicos.

Assim, se você consegue: 1) Compreender a teoria do emagrecimento; 2) abrir mão de suas vontades; e 3) praticar as disciplinas complementares tem grandes chances de atingir o objetivo e conquistar a tão almejada silhueta esbelta.

Neste ponto, gostaria de fazer um paralelo entre a dificuldade de emagrecer e a de… perdoar. Muitas pessoas não conseguem perdoar alguém que lhes tenha ferido; outras não conseguem perdoar a si mesmas por algum pecado que tenham cometido. Isso se deve a uma razão muito simples: perdoar não é fácil, é uma atitude que exige muito de nós. Contraria nossa natureza humana, muito mais inclinada a entregar-se a culpa, raiva, ressentimento, ira, mágoa, rancor e sentimento de vingança. Só que sem perdão não há vida com Cristo. Dizer-se cristão e não perdoar é uma contradição. Mais do que isso: é uma impossibilidade. Portanto, se você até hoje precisa perdoar alguém ou mesmo se perdoar por algo que tenha feito, saiba que sua vida espiritual depende disso.

Se você vive uma situação em que precisa estender perdão, mas considera muito difícil, o que deve fazer? Bem, a Bíblia trata muito sobre esse assunto e seria preciso um livro para abordar a questão com a amplidão que tem, é impossível resumir tudo em um pequeno post de blog. Mas, em síntese, posso dizer que perdoar e emagrecer têm algo em comum: os três pontos que mencionei no início deste texto.

dieta do perdao01. Assim como nas dietas é preciso conhecer a teoria, para perdoar não é diferente. Em geral, tenho visto que os irmãos e as irmãs com dificuldade de perdoar não conhecem em sua totalidade o que a Bíblia fala sobre o assunto. Têm um conhecimento parcial e, por isso, acabam sem as orientações básicas que as Escrituras sagradas dão a respeito de o que exatamente é perdoar, como perdoar, as consequências de não perdoar, os benefícios de perdoar e muito mais. Entenda: é conhecendo a verdade sagrada que somos libertos das amarras da falta de perdão e de suas terríveis consequências. Assim, o primeiro passo para conseguir perdoar e se perdoar é conhecer as diferentes informações sobre o tema contidas na Bíblia. “Se vocês permanecerem firmes na minha palavra, verdadeiramente serão meus discípulos. E conhecerão a verdade, e a verdade os libertará” (Jo 8.31-32).

Falo por experiência. Há alguns anos vivi uma grande necessidade de praticar o perdão – perdoar outros e perdoar a mim mesmo. Foi quando percebi a gigantesca importância desse tema para nossa saúde espiritual, bem-estar e felicidade, por isso dediquei-me a uma pesquisa ampla e detalhada na Bíblia sobre o assunto perdão. Essa investigação nas Escrituras acabou se tornando meu próximo livro, chamado Perdão Total – Um livro para quem não se perdoa e para quem não consegue perdoar, que será lançado em outubro pela editora Mundo Cristão. Nesse processo pessoal, vi como me ajudou enormemente saber o que a Bíblia fala sobre o assunto – na verdade, foi indispensável, pois, sem as verdades bíblicas, eu nunca conseguiria fazer isso por vontade própria. Sem esse conhecimento, é impossível qualquer um se ver livre do pesadíssimo fardo da falta de perdão. Peço a Deus que o resultado dessa minha pesquisa venha a ajudar pessoas que precisam de mais informações e entendimento sobre o assunto, para que, assim, também consigam se ver livres do amargo fardo da falta de perdão.

dieta do perdao22. Ao adquirir o conhecimento bíblico necessário, consegui partir para o segundo passo: pôr em prática o perdão. Foi, então, possível perdoar e me perdoar. Só que, para que esse perdão se tornasse realidade, foi preciso negar a mim mesmo. Do mesmo modo que fazer dieta exige abrir mão de suas vontades, perdoar exige abrir mão do seu eu e assumir a natureza de Cristo, que nos perdoa sem que haja qualquer mérito nosso. O nome disso é graça. Sem negar as inclinações, as vontades e os impulsos que nos dominam, não conseguiremos jamais ser como Jesus nem agir como ele agiu. “Então Jesus disse aos seus discípulos: ‘Se alguém quiser acompanhar-me, negue-se a si mesmo, tome a sua cruz e siga-me. Pois quem quiser salvar a sua vida, a perderá, mas quem perder a sua vida por minha causa, a encontrará'” (Mt 16.24-25).

dieta do perdao33. Por fim, para conseguir perdoar, você precisa exercitar as disciplinas espirituais, como oração e jejum. Do mesmo modo que o exercício físico é fundamental no processo de perder peso, sem uma comunhão constante com Deus em oração e sem a mortificação da sua natureza carnal, por meio do jejum, torna-se muito difícil conseguir fazer aquilo que nossa vontade humana não quer fazer.

É evidente que comparar o perdão a uma dieta de emagrecimento não passa de uma analogia altamente imperfeita. Assim como as parábolas de Jesus eram ilustrações materiais de realidades espirituais profundas, essa comparação serve apenas para chamar nossa atenção para determinados aspectos da fé. Dieta emagrece o corpo, perdão agiganta a alma. O corpo ficará, a alma seguirá pela eternidade. Se você se preocupa em emagrecer, recomendo que preocupe-se ainda mais em perdoar e se perdoar. Culpa por algo que você fez e ressentimento por algo que alguém fez contra você não geram absolutamente nada de bom, pelo contrário, trazem consequências altamente negativas para sua vida.

Conheça o que a Bíblia diz sobre perdão e remova de suas costas o fardo tão pesado da falta de perdão, que você não precisaria estar carregando. Jesus te libertou desse fardo na cruz do Calvário. Conheça a realidade que a Bíblia apresenta sobre o assunto e abrace as verdades sagradas. Se tomar essa atitude, a graça de Deus se manifestará e, creio piamente, sua vida será totalmente transformada.

Paz a todos vocês que estão em Cristo,
Maurício

Anúncios
comentários
  1. Rosana Navarro disse:

    Bom dia Mauricio

    Muito bom despertar pela manhã,conferir meu celular e encontrar boas doses de palavras quem chegam através do blog apenas. Você tem sido um instrumento do Senhor neste teu ministério. Estou praticando a “dieta” tanto uma como outra e tenho me sentido em paz com a alma e com o corpo. Como diz meu esposo em suas costumeiras “brincadeiras”: O DIFÍCIL É ENTENDER QUE É FÁCIL. Fácil e prazeirozo quando se alcançam os resultados e extremamente VITAL nesta vida e no porvir.

    Graça do Senhor para você que sempre nos edifica.

    Abraço

    • Oi, Rosana, tudo bem?
      .
      Louvo a Deus por as reflexões que compartilho aqui estarem falando ao teu coração. Que o Senhor me ajude a prosseguir compartilhando o que de fato alimenta. Gostei muito do comentário de teu esposo, homem sábio.
      .
      Abraço carinhoso, Deus siga abençoando você e sua família,
      mz

  2. Vivian disse:

    Bom dia Mauricio!

    Muito bom!!

    Uma pessoa me magoou muito a um tempo atrás. Não me pediu perdão. Mas eu oro e digo pra Deus que eu a perdoo. Mas as vezes lembro do ocorrido e sinto uma dor no coração. Acho então que não perdoei de verdade. Porque o perdão é algo libertador não é? E também é muito difícil. Que Deus me ensine de todo o coração.

    Obrigada pela palavra abençoadora. Tenha um ótimo dia com a paz de Cristo.

    • Oi, Vivian,
      .
      sim, ao perdoarmos passamos a sentir uma leveza de alma que antes do perdão não havia. Recomendo que você mergulhe nas Escrituras e veja o que a Palavra fala sobre o perdão, pois é por meio do conhecimento das verdades bíblicas que conseguimos perdoar de fato e não só de boca. Oro que você consiga.
      .
      Abraço fraterno,na paz de Deus,
      mz

  3. Nadia Malta disse:

    Há muitos anos atrás negociei com Deus um perdão que não me achava devedora. Adoeci, fiquei aprisionada pelo verdugo da depressão. E o pior, orava e as orações pareciam não passar do teto. Tudo travado. Durante todo o tempo decorrido daquela prisão quando orava em relação à questão, sempre ouvia uma voz interior que me dizia pede perdão aquela pessoa. Contra argumentava com o meu paciente e terno Senhor dizendo: não devo nada. Até que fui à nocaute quando ouvi interiormente o Senhor me dizendo: “não tenho nada a ver com os 95% de culpa da pessoa, mas com os teus 5%”. Resolvi procurar aquela pessoa e perdoar e ser perdoada. Aproveitei alí para falar da salvação em Cristo, ela o recebeu e quinze dias depois partiu em Cristo. As cadeias se romperam! Ufa, que alívio. Que o Senhor nos faça sensíveis à sua voz terna!

    • Oi, Nádia,
      .
      sua experiência mostra com clareza como perdoar é urgente, critico e indispensável. Os resultados falam por si mesmos, não é? Louvo a Deus pela quebra das cadeias.
      .
      Abraço pra ti, no amor do Cordeiro,
      mz

      • Sandra disse:

        Estou passando por uma situacao similar, ja sao 6 anos de amargura e mesmo sabendo que eu tambem errei com a pessoa que me fez mal, que muitas vezes falei mal dela para os outros, ainda acho que tenho a razao… Bom creio que ja melhorei em algo, afinal reconheco isto. A minha dificuldade e porque e um familiar e uma pessoa muito dificil de lidar, que ja me fez sofrer em outras ocasioes.

  4. andreia disse:

    MARAVILHOSA PALAVRA!!!!!!!!!!!!!

    e não vejo a hora desse livro chegar a nos para podermos aprender mais…

    Com intensas orações,

    AA

    • Oi, Andreia,
      .
      estamos na expectativa do livro, se Deus quiser vem para aliviar o fardo de muitas vidas.
      .
      Que bom que o texto te bençoou, obrigado pelas suas tão preciosas orações! Deus abençoe a toda a família,
      mz

  5. Mateus disse:

    Nosso dever de perdoar tem como base o perdão divino: “Antes sede uns para com os outros benignos, misericordiosos, perdoando-vos uns aos outros, como também Deus vos perdoou em Cristo.” – Efésios 4:32

    Ao olhar o perdão de Deus a nós, assim deveríamos agir. Pena que somos meros humanos. Mas como você conseguiu em sua experiência, Zágari, creio que com esforço podemos conseguir também.

    Texto maravilhoso. Deus te abençoe.

    • Sem dúvida, Mateus, quem perdoa consegue assumir a imagem de Cristo como nenhuma outra pessoa. Que cresçamos na prática dessa fundamental disciplina espiritual que é o perdão.
      .
      Abraço pra ti, na paz de Deus,
      mz

  6. Alexandre disse:

    Graça e Paz, Maurício!

    Há aproximadamente dois meses me tornei leitor do blog e o Senhor tem falado muito comigo por meio das suas palavras, meu irmão!

    Que Ele, em sua infinita bondade, continue abençoando a sua vida e inspirando mensagens de vida para irmãos que, como eu, buscam viver a Boa Nova em plenitude.

    Abraço!

    • Oi, Alexandre, tudo bem?
      .
      Fico grato a Deus por falar ao teu coração por meio das reflexões que aqui compartilho, que ele sempre me ilumine para abençoar sua vida.
      .
      Muito obrigado pelo carinho de sua tão valiosa oração, fico grato.
      .
      Um abraço pra ti, no amor de Deus,
      mz

  7. Monaliza disse:

    Bom dia Máurico, a Paz do Senhor!

    Há alguns meses passei por um momento muito dificil que se estende até os dias de hoje. Não tem sido muito fácil lidar com isso não, mas foi algo tão necessário em minha vida e vejo claramente que Deus permitiu para que eu voltasse a ter um relacionamento com ele e não a religiosidade de antes.
    Minha irmã sempre me ajudou muito, e a partir desse fase ela começou a me enviar seus artigos. Impressionante a forma como Deus falou comigo através de cada um deles TODOS, em todos eles Deus foi tratando comigo, e através da palavra dEle também, fiquei cada vez mais sedenta por Deus e de viver uma vida com Ele. A partir dessa busca há quase um mês atrás estudei sobre o perdão referente a um curso que temos na igreja, e percebi que deveria liberar perdão na vida de uma pessoa. Depois daquele momento em que perdoei e também perdi perdão milhares de toneladas sairam das minhas costas e eu fui liberta para viver tudo o que estou vivendo de sobrenatural na presença de Deus até hoje. É incrivel o poder que isso tem de mudar, avivar e moldar as nossas vidas, já não sou a mesma pessoa.

    Agradeço imensamente ao meu amado Deus pela vida da minha irmã e por usar suas publicações para falar tão profundamente ao meu coração. Ele me ama.

    Agora acesso o blog todos os dias esperando um novo artigo rs’.

    Obrigada por deixar Deus te usar como um instrumento nas mãos dELE.

    • Oi, Monaliza, a paz!
      .
      Louvo comovido ao Senhor por usar este blog para falar ao teu coração e edificar tua vida, ele é, sim, muito bom.
      .
      Alegro-me muito mais por saber que você conseguiu estender perdão e obter todos os magníficos benefícios que essa prática promove. O perdão liberta, dá paz e nos assemelha a Cristo. Deus te abençoe por isso.
      .
      Para sua comodidade, caso prefira você pode assinar o blog e receber as postagens diretamente por email, inseri essa ferramenta para facilitar a leitura dos posts pelos irmãos que frequentemente leem o blog.
      .
      Um abraço fraterno, no amor de Cristo,
      mz

  8. Luciano Silva disse:

    Mauricio, bom dia!

    Mais uma vez recebo com alegria e carinho as suas sábias palavras. Peço a Deus que ele continue te abençoando ricamente para que a igreja seja edificada através da sua vida, assim como eu tenho sido.

    O que você tem me ensinado compartilharei com outras pessoas que estão ao meu redor, seja na igreja ou fora dela principalmente.

    Um forte abraço!

    Luciano

    • Meu amigo Luciano, salve,
      .
      muito obrigado por essa oração, uma das mais importantes que posso desejar. Só por meio da graça manifesta em minha vida eu sou capaz de fazer algo pela Igreja de Cristo ou mesmo por quem está fora dela. oObrigado!
      .
      Aquele abraço, que Deus te abençoe muito,
      mz

  9. Vanessa disse:

    Perdoar de fato não é algo nada fácil, SE perdoar então… Mas como você tem nos mostrado, esse processo é muito importante para que possamos seguir livres.
    Quero aproveitar o espaço para fazer o desabafo a um desconhecido. Desabafo sobre algo que tem esmagado meu coração me lembrando que eu preciso perdoar e me perdoar… Todos os dias! Setenta vezes sete.
    Fui casada, aos 16 anos, e minha realidade na época não era a mesma de hoje, nem mesmo a maturidade. Entrei num casamento sem entender ao certo o que ele significava, mas saí dele entendendo e sentindo na pele o que um divórcio significa. Aos 17 anos, divorciada, traumatizada, triste, sozinha, sem perdoar e sem me perdoar. As piores atitudes partiram dele, não vou dizer que acertei o tempo todo, mas vivi coisas que gostaria de voltar lá atrás e não permitir que nada do que me ocorreu, acontecesse novamente. Há erros duros, amargos, que por mais que o tempo passe nos marcam para sempre. Esse casamento é o meu.
    Eu o perdei. Houve um dia que senti a necessidade, e guiada pelo Espirito Santo, fui pedir perdão. Me senti fisicamente livre, como se um peso tivesse sido de fato tirado das minhas costas, até para caminhar estava mais fácil. Pude ver à noite o mal indo embora da minha vida, por esse simples ato. E ME perdoar? Houve tempo que achava que meu erro era indigno de perdão. Quando finalmente entendi que precisava seguir em frente, com liberdade em Cristo, já que estou com 21 anos, estudando, firme em no Senhor. No entanto, as pessoas até hoje me relacionam com esse acontecimento, eu não sou a Fulana de Tal, eu sou a Fulana Divorciada, Separada. Chegam sempre pessoas até mim, chocadas, perguntando se é verdade, tentando compreender e dar a sua opinião acerca da minha história. Isso me dó muito, desde piadas de mal gosto até julgamentos desnecessários sobre a minha vida, sobre o meu passado, sobre o meu erro. É aí que fica mais difícil me perdoar, porque há sempre alguém para me lembrar que eu errei, fracassei.

    Disse tudo isso porque tenho tentado entender que o ato de perdoar, é um ato contínuo, um processo diário, eu preciso compreender diante de todos os julgamentos, que Cristo me perdoou e que dEle vem a minha restauração. Aproveitei para compartilhar um pouquinho da minha história ao escritor abençoado que já me aconselhou muito, mesmo sem a intenção de fazê-lo, como você diz: Para concelhos, fale com seu pastor. Que possamos perdoar, nos perdoar e reconhecer que o mais belo perdão vem de Cristo para as nossas vidas, e que nEle podemos ser felizes, plenos, completos e justificados.

    • Olá, Vanessa,
      .
      sem dúvida perdoar e se perdoar são dinâmicas que compõem a essência da nossa vida espiritual. No processo de pesquisa sobre esse assunto pude perceber como isso é indispensável.
      .
      Se você se arrependeu, confessou seu pecado e tem o firme propósito de não mais cometê-lo, o perdão te pertence. Jesus te perdoou. E, se ele perdoou, isso é mais do que suficiente para você se perdoar e seguir em frente. Claro que há muitos pontos a ser abordados, não tenho como resumir o que gerou um livro de 200 páginas neste curto espaço, infelizmente. O que posso te dizer, em síntese, é que, se Cristo te libertou, verdadeiramente você está livre. E não tem de se martirizar pelo resto de sua vida.
      .
      O estrago fica e as consequências ecoam, mas, aos olhos de Deus, você é pura, santa e bela. Não deixe que ninguém te convença do contrário – nem você mesma.
      .
      Oro por você, para que encontre a paz que Jesus te estende. A graça está sobre você. Reconheça essa realidade e a abrace. E, assim, o fardo da falta de perdão sairá de suas costas.
      .
      Um abraço carinhoso, no amor de Deus. O mano,
      mz

  10. Ediná Oliveira disse:

    E aí Mauricio tudo bom?
    Penso que a cada perdão estendido, mais e mais nos tornamos como o Pai deseja: sermos conformados a imagem de Seu Filho Jesus Cristo. Que Deus tenha misericórdia de nós, míseros pecadores e siga nos conformando. Amém!!!

    Abraço!

  11. rosilda disse:

    Um bom dia, e a paz de cristo irmão mauricio,puxa mas uma reflexão sobre perdão que assunto né? lembrei-me que li e participei desse assunto quando foi sorteado livros deixei lá minha reflexão a respeito do perdão. Pois bem tive a infelicidade de viver uma situação no meu casamento por esses dias, casada a 14 anos meu marido um otimo companheiro, 2 filhas enfim tudo ia bem, quando ele me confessou que em uma unica vez a mais ou menos um ano acabou pecando me contou isso em desespero e com muito medo da minha reação..O que fiz? imagine só pra surpresa Dele o perdoei imediatamente ele ficou estatico na minha frente eu o abracei chorei com ele. embora fiquei impactada com a noticia da traição não tive sentimento de ódio ou outra coisa…olhei por nós e pela nossa familia e pensei bóra pra frente temos de avancar conversamos muito e estamos juntos para prosseguirmos.
    Mas meu irmão agora o dilema e outro que não pensei que teria isso…como a confissão foi agora por esses dias ele está decidido em contar ao nosso pastor e estamos cientes da disciplina que será aplicada, até porque também a outra pessoa é da mesma congregação
    Bom pra resumir….estou repleta de medo…medo do escandalo que será,, medo do julgamento das pessoas, e acima de tudo isso descobri que a VERGONHA sim está dificil para mim.
    Mauricio enfrentar a vergonha será a minha dor maior,, tão maior que a dor da traição que não houve dificuldade alguma para perdoar…Sinto Deus na minha vida e como se eu estivesse subindo mas um degrau no âmbito espiritual…e Deus me olhasse e sorrisse pra mim e no manear da cabeça estivesse me aprovando!
    Realmente irmão estamos em um infinito aprendizado nesta vida…olha eu aqui agora entrando nessa “máteria” como lidar com a Vergonha? Um grande abraço..
    .

    • Olá, Rosilda,
      .
      o perdão é um dos alicerces da nossa fé. Sem compreender e praticar o perdão não podemos nos considerar cristãos, por isso sempre devemos tratar e tratar de novo desse assunto. Ele é urgente.
      .
      Minha irmã, primeiro deixe-me parabenizá-la por sua atitude. Perdoar seu marido foi a coisa mais cristã que você poderia fazer. Mas me preocupa muito o que você falou, pois não existe absolutamente nenhuma necessidade de essa situação ser exposta para as pessoas. Se o pastor de vocês vazar essa informação para a congregação ele estará falhando com seu sigilo pastoral, o que é um absurdo. Vocês não têm que relatar isso a absolutamente ninguém e, se acham que devem levar ao pastor, certifiquem-se de que isso ficará entre as quatro paredes do gabinete.
      .
      A disciplina bíblica deve ocorrer para quem não demonstra arrependimento. Não é nem de longe o caso de seu marido. Portanto, é inacreditável que essa situação seja levada à congregação.
      .
      Meu conselho é que, uma vez que tudo já foi resolvido entre você e seu marido, sigam em frente e mantenham essa história entre vocês. Contar ao pastor é bom se houver algo ainda pendente, mas contar por contar não faz sentido. E pensar em expor vocês por um pecado confessado e abandonado é inconcebível.
      .
      Minha irmã, siga em paz. Não há por quê você se envergonhar. Não crie um problema onde Deus já solucionou. E siga em frente.
      .
      Um abraço, que Deus os abençoe muito,
      mz

  12. Olá, Maurício. Adoro seus textos porque você é sempre direto, claro e revelador.
    Eu acredito que já tenha entendido a importância de perdoar, pois já consegui me livrar de muitas correntes da falta do perdão. Quando consegui me perdoar por erros do passado, me arrepender, pedir perdão a algumas pessoas e, finalmente, seguir com a minha alma em paz, pensei que não teria mais que passar por esse fardo.
    No entanto, nós magoamos e somos magoados com muita frequência, principalmente dentro do casamento. Onde há convivência humana, há aborrecimentos. Por vezes pensamos que alguns pequenos desentendimentos não têm importância e você se vê falando sobre algum conflito e a maneira como alguém tratou você sem se dar conta de que está nutrindo um ressentimento e, dessa maneira, alimentando o ódio e o rancor no seu coração: “Você acredita que fulana de tal foi grosseira a esse ponto comigo?” Às vezes num simples desabafo você transmite que na verdade, não foi capa de perdoar aquela ofensa, e você se vê fazendo esse mesmo comentário com outra pessoa na semana seguinte e na outra e na outra.
    O perdão deve ser um exercício diário e eu acredito que isso também o torna mais difícil. Um dia você perdoa, no outro dia você se vê percebe em outro conflito, novamente uma decisão a ser tomada.
    Não é fácil, mas Jesus provou que é possível. Graças a Deus pelo exemplo desse filho.

    • Oi, Amanda,
      .
      fico feliz que as reflexões que compartilho te edificam, certamente isso é fruto da graça de Deus.
      .
      O arrependimento e o perdão são, sim, disciplinas a serem praticadas por toda a vida, diariamente. Devemos nos manter sempre adeptos dessas atitudes, sem as quais não há cristianismo.
      .
      Ao ser indagado sobre qual é a coisa mais importante na hora de se escolher alguém para se casar, Tim Keller respondeu: “Além de ser uma pessoa da mesma fé, deve ser alguém capaz de perdoar e se arrepender regulamente”. Concordo com ele. Não só em casamentos, mas nas relações humanas essas práticas são o sustentáculo de toda convivência.
      .
      Abraço carinhoso pra ti, no amor de Deus,
      mz

  13. Suellen disse:

    Boa noite Maurício, tudo bem?

    Tenho uma dúvida, quando somos altamente injustiçados, por um pecador quase que desacreditado pelas pessoas, mas que mesmo assim, me causou grande mal pela palavras maldosas lançadas em minha vida, eu tenho que pedir perdão pessoalmente, ou apenas oro e clamo pra Deus, de modo que eu libere o perdão?

    • Oi, Suellen,
      .
      desculpe, nao compreendi. Você foi injustiçada por uma pessoa mas quer pedir perdão a ela? Nesse caso, não vejo por que pedir perdão, mas, sim, perdoá-la. Isso deve fazer, quanto antes. Se tiver dúvidas a esse respeito, converse com seu pastor e explique a ele a situação.
      .
      Abraço fraterno,
      mz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s