Já fui vítima de alguns desgraçados erros médicos, que me fizeram pensar muito sobre desgraçados erros bíblicos. Vou contar apenas duas histórias para depois chegar ao ponto. Anos atrás comecei a sentir uma dor forte na sola do pé, que mal me permitia andar. Fui a um centro de reumatologia e ortopedia, daqueles de plano de saúde, onde você tem de ser atendido em dez minutos para que se possa atender muita gente e os donos da empresa faturarem muito. Peguei minha senha, sentei na filinha e esperei minha vez. Depois de muito tempo, me chamaram e entrei no consultório. A médica, sem sair de trás da mesa, perguntou o que eu estava sentindo e descrevi o problema. Sem nem ao menos me examinar ou mandar eu tirar o sapato, ela decretou de sua cadeira: “É fascite plantar, você precisa pôr o pé em água gelada e fazer fisioterapia”. Ela é a médica, eu sou um leigo, logo obedeci caninamente o que ela disse: passei a pôr o pé todo dia em água gelada e a fazer a fisioterapia. Mas a dor não cedia. Pelo contrário: piorava. E piorava. E piorava. Chegou a um ponto em que, não aguentando mais, paguei uma consulta cara com um médico maravilhoso. Ele gastou tempo comigo. Mandou tirar o sapato e a meia, mexeu, apertou, fez diversas perguntas e diagnosticou: eu não tinha fascite plantar coisa alguma, tinha um músculo contraturado. O tratamento: pôr o pé em água quente, a água gelada fazia o músculo se contrair mais e a dor piorar. Com um dia pondo o pé no calor a dor desapareceu.

Ou seja: uma médica inconsequente, despreparada, que não fez o seu dever de casa, não só não resolveu meu problema como ajudou a piorá-lo. E ela tinha todo o aspecto de uma pessoa muito bem capacitada, vestia jaleco e roupa branca, ocupava um consultório numa clínica aparentemente muito bem estruturada. Tinha toda a aparência de deter o conhecimento que me auxiliaria, que me mostraria o caminho. Mas piorou a minha vida. Piorou a minha saúde. Cometeu um erro médico sério, que poderia ter causado lesões piores.

O segundo erro que relato foi ainda pior. Pois foi o erro de 4 médicos, todos com aparência de ter todo o conhecimento, alguns famosos, com nome na praça. Uma baixa de imunidade causada por estresse me fez ter candidíase na virilha. Trata-se de um fungo que todos nós temos mas que, quando as defesas do corpo baixam, isso permite que o fungo ataque seu organismo. Com muita coceira e inchaço, procurei um médico. Ele olhou e me receitou uma pomada que “me deixaria bom em 5 dias”. Apliquei pelo tempo prescrito mas o local continuava inchado. Erro médico número 1.

Como eu viajaria para passar uma semana numa conferência teológica numa cidade pequena e sem muita estrutura, resolvi procurar uma dermatologista, para não ter surpresas desagradáveis durante a viagem. Ela olhou e disse que realmente a doença ainda não havia cedido completamente. “O outro médico não te receitou nenhum antifúngico oral?”, perguntou em tom condenatório. Eu disse que não. Ela então me receitou um comprimido em dose única e mais um antifúngico de aplicação local, que chamarei de X, para aplicar por 14 dias. Foi o que fiz. Erro médico número 2.

Toda vez que aplicava o remédio X sentia o local arder. O 14o dia coincidiu com meu primeiro dia na Conferência, uma 2a feira. No dia seguinte, quando bati os olhos no local da doença fiquei apavorado: estava cheio de bolhas, inchaço, feridas em carne viva e sangrando. Tremi. Descobri junto ao plano de saúde o único hospital da cidade onde havia atendimento de emergência. Corri para lá e fui socorrido por um clínico geral. Contei a história toda. Ele examinou o local e disse que poderia ser herpes. Falou com uma tranquilidade assombrosa que eu poderia ter HIV. Mandou passar somente uma pomada no local “até melhorar”, pomada que na verdade é um coquetel de antibióticos e antifúngicos. Erro médico número 3.

Voltei na 6a feira ao Rio e já sábado de manhã procurei um especialista, pois em 5 dias não havia aparência de melhora. Novamente contei a história toda. Ele olhou o local e disse que achava que era herpes. Mandou tomar aciclovir e continuar passando a mesma pomada. Erro médico número 4.

Quando chegou na 5a feira seguinte, sem nenhum sinal de melhora, já cansado emocionalmente e cheio de dores, decidi procurar mais um médico. E graças a Deus que o fiz. Contei a via-crúcis inteira, ele examinou o local e disse: “A médica te passou o remédio X? Ela está louca? Ele é usado para micose de unhas! Isso parece ser uma queimadura causada pelo remédio”. Eu perguntei sobre a herpes. “Nenhum desses médicos a que você foi pediu um exame de sangue? Não temos que especular, existe um exame para isso, vamos fazer”. Depois me pediu para ver a pomada que estava passando. “Essa pomada é uma mistureba que não resolve nada, por isso o local está infeccionado, você tem que passar a pomada Y”, e me deu a receita. Saí do consultório, fiz o exame de sangue e passei a usar a pomada Y.

Resultado: no dia seguinte a dor sumiu e as feridas começaram a cicatrizar. O exame de herpes? Deu negativo. Não, eu não tinha herpes. Nem HIV. Tinha feridas provocadas primeiro porque um médico não soube me tratar, o que me levou a uma médica que me passou um remédio errado e piorou o meu problema gerando queimaduras químicas na pele, que um terceiro médico não soube diagnosticar e me receitou uma pomada que não resolveu nada e por um quarto médico que, tendo recursos para fechar um diagnóstico, só especulou, me apavorou e não ajudou em nada. Desgraçados erros médicos.

Quando finalmente encontrei alguém que sabia o que fazer, fiquei bom.

Essas duas histórias mostram o estrago que aparentes especialistas que na verdade são completamente mal-preparados são capazes de fazer com uma pessoa.

O mesmo acontece em nossa vida espiritual.

Muitas vezes, tomamos como referências pastores, pregadores, teólogos e até mesmo blogueiros que têm toda a aparência de conhecer Deus, a Bíblia, a Verdade, a sã doutrina. Nos apaixonamos por eles. Os seguimos cegamente. Cada receita que eles nos passam nós cumprimos. Afinal, somos leigos e eles, os detentores do conhecimento, os ungidos, os que sabem apontar o caminho. Falam bonito. Citam poetas. Escrevem coisas lindas em seus blogs e twitters. Gravam vídeos atraentes e bem produzidos no Youtube. São charmosos. Muitos não usam “aquela ultrapassada toga sacerdotal” nem terno e gravata, são in, falam a linguagem de nossos dias. Uns até falam palavrão. Outros citam Vinícius de Morais, Cecília Meirelles e Clarice Lispector.

Há também o que nos conquistam porque falam como machos. Gritam. Poem o dedo na cara dos pecadores. E daí se seus programas de TV só servem para vender produtos de suas empresas e se defender das acusações dos blogueiros pensantes? São nossos porta-vozes. Dizem aos gays o que gostaríamos de dizer. Esbravejam. Batem na mesa. Chamam outros cristãos de “trouxas”, “bundões” e adjetivos similares que demonstram como estão cheios de “poder de Deus” ou da “graça de Deus”. Os amamos.

Mas o que não percebemos é que muitos deles cometem desgraçados erros bíblicos. E, assim como os erros médicos que fizeram comigo e que tinham a aparência de solução mas só me prejudicaram, esses formadores de opinião arrastam multidões para longe de Deus. Pregam doutrinas de demônios. Receitam práticas, crenças e conceitos “bíblicos” que vão causar bolhas e feridas sanguinolentas em sua alma, meu irmão, minha irmã, e vão deixar sua alma em carne viva. Por isso, é essencial sabermos identificar esses homens.

Se algum pregador que você admira diz que é possível ser salvo por caminhos que não Jesus de Nazaré, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que Deus abriu mão de sua soberania e não age nas tragédias do mundo, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que Deus não controla as forças da natureza e que essa ideia é só influência de ensinos gregos, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que se você der 900 reais ao ministério dele receberá unção financeira, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira traz representantes da Teologia da Prosperidade do exterior para dizer a você em seu programa de TV que você deve dar-lhe dinheiro como forma de semeadura, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira usa palavras torpes – como falar palavrão em púlpito, ofender outros pastores chamando-os de “bundões” ou afirmar que quem oferta para a obra de Deus por amor e não querendo receber dinheiro de volta é “trouxa” – ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira fala sobre graça mas é agressivo ao mencionar outros pregadores, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira manda você “tomar posse da bênção” ou “decretar/declarar a vitória”, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira realiza exorcismos na TV em que o suposto demônio diz que líderes de outras igrejas são guiados por Satanás, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que é a favor do aborto, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira pede dinheiro e com isso compra fazendas ou jatinhos particulares com os recursos sagrados que os fieis dão à igreja, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que é possível viver a fé cristã fora de uma comunidade, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que não tem problema algum ir a shows de artistas do naipe de Ozzy Osbourne, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que irmãos na fé são malditos porque creem em doutrinas em que ele não crê, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira diz que a Bíblia é apenas um conjunto de mitos que revelam uma verdade maior, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira ama mais o dinheiro do que pessoas, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira é visivelmente vaidoso ou arrogante, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira participa de campanha política, ele está te prescrevendo veneno.

Se algum pregador que você admira trai seu chamado sacerdotal e se candidata a um cargo político, ele está te prescrevendo veneno.

E se algum pregador que você admira não admite ser criticado…ele é o veneno.

Desgraçados erros bíblicos. Desgraçados não por ofensa, meu irmão, minha irmã, mas simplesmente porque estão totalmente fora da graça de Deus. E fora da graça de Deus não há salvação.

Deus tenha misericórdia de sua Igreja.

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

.

.

Direitos Reservados
O conteúdo deste site é de divulgação livre para fins não comerciais. É mandatório quem for reproduzir um post creditar: 1) Nome do autor. 2) URL do blog (com link). 3) Nome do blog: “APENAS”.

Licença Creative Commons Blog APENAS by Maurício Zágari is licensed under a Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 2.5 Brasil License.

Anúncios
comentários
  1. Eunice disse:

    Muito bom o texto!

    • Muito obrigado, Eunice.
      Deus a abençoe!

      • Andréia disse:

        Excelente texto, Mauricio!

        No processo em que buscamos crescimento espiritual, acabamos ouvindo e lendo muita coisa absurda.
        A oratória atraente de muitos desses homens(pastores,teólogos, blogueiros etc), acabam chamando nossa atenção e despertando o nosso interesse por satisfazer nossas necessidades, aparentemente, não só espirituais, mas também carnais(ambições, sonhos, desejos). Essa vontade desacerbada do homem de querer juntar o útil ao agradável, pode acabar o deixando em maus lençóis.
        Que Deus nos dê sabedoria e sensibilidade espiritual para julgar o que realmente vem dEle.
        Abraço!

      • Muito obrigado, Andréia.
        E vc tem toda razão. Satanás não usa tridente, usa Armani.
        Só mesmo essa sabedoria e sensibilidade que vc disse podem abrir nossos olhos.
        Abraço e paz!

  2. Alex disse:

    Eu vejo alguns, que inclusive fazem parte do mesmo ministério ao qual eu pertenço, que estão deixando de lado o ministério pastoral por causa de um cargo político. E quando eu falo eles não gostam. Parabéns pelo texto

  3. Elenir Coimbra disse:

    Ótimo… aqui em casa, todos concordamos com seu texto, bem que poderia virar uma epidemia esse tipo de pensamento…já chega de pseudos-evangelhos por aí…

  4. Lelê (Alessandra) disse:

    Se vc me permite fazer alguma inserções….

    Se algum pregador que você admira prega o amor sem compromisso. Ele está prescrevendo veneno
    Se algum pregador que você admira mente e acha que ninguém está vendo. Ele está prescrevendo veneno.
    Se algum pregador que você admira não dobra o joelho no chão com você em busca da resposta de Deus. Ele está prescrevendo veneno.
    Se algum pregador que você admira não escuta na hora que tem que escutar, ele está prescrevendo veneno.
    Se algum pregador que você admira não fala na hora que tem que falar, mesmo sendo aquilo que vc não quer escutar, ele está prescrevendo veneno.
    Se algum pregador que você admira não usa o amor no sentido singular da palavra, como começo, meio e fim de todas as coisas, ele está prescrevendo veneno.
    E por fim, se algum pregador que você admira não faz nada do que a bíblia diz, ele tb está prescrevendo veneno.

    Cabe à nós, ovelhas, colocarmos à prova tudo o que é dito de acordo com a palavra de Deus. Pois somos serers pensantes e temos a bíblia como base para tudo. Em parte a culpa é nossa tb!

    Obrigada por mais este post!
    Com carrinho para a familia toda!
    Lelê

  5. Vania Vianna disse:

    Gosto muito dos seus textos. São bastante claros e coerentes com a Palavra.

  6. Marco Juric disse:

    Bom dia Zágari!

    Muuuuuuuito bom o post!!!!
    Analogia com muita propriedade e de compreensão fácil.
    Realmente, tem muitos “líderes” desgraçados guiando multidões para o abismo.
    Mas glória a Deus pelos sãos e cheios da Graça Divina, que nos guiam pelas veredas da Justiça.
    Glória a Deus por sua vida Zágari!

    God bless you!

  7. Darlan disse:

    Muito boa a alegoria. Curioso é que estava ontem à noite falando mais ou menos sobre essas coisas, como que através das igrejas muitas pessoas vêm a Cristo e como também que através de muitas outras “igrejas” as pessoas não vêm ao Salvador. Por essas “igrejas” ensinarem coisas que o Senhor Jesus nunca ensinou; Exigir coisas que Ele nunca exigiu; Condenar coisas que Ele nunca condenou e aprovar outras que Ele desde sempre reprovou – como destramente foi citado no texto acima. Não conheço todos os textos desse blog, mas nesse, concordo em grau, número e gênero.
    Deus continue te usando meu irmão. Que o temor, discernimento, a graça, sensatez… Estevam sobre você ao redigir cada texto.

    • Muito obrigado, Darlan, muita gentileza sua.
      Sinta-se convidado a ler quantos quiser, todos estão listados na barra à esquerda do blog. Há cerca de 165 reflexões já postadas.
      Faço das tuas palavras finais a minha oração.
      Deus te abençoe com a verdadeira vitória do cristão.

  8. Zágari, sabe tenho pensado algumas coisas. Depois do meu êxodo que comentei com vc, vi uma mensagem de crítica mais ou menos assim no FB: “Onde as polemicas tem te levado? em que nivel de espiritualidade vc chegou? Onde estão as almas alcançadas com questionamentos sem futuro? Enquanto vc perde seu tempo fala dos que fazer alguma coisa as almas que Deus confiou a vc pra resgatar estão indo pro inferno enquanto vc tentar se promover com seu fariseimo.
    ANTES QUE ME PERGUNTEM PRA QUEM É VEJA SE SERVE PRA VC.” – (esta foi uma mensagem que vi 2 dias depois). Fico me perguntando e choro por dentro por ver um declínio de parte da Igreja de Cristo. Se por criticar e expôr alguns erros estou pecando. Estou sendo insensato, ou como diria alguns, “cuspindo no prato em que comeu”. Mas sabe, não consigo ver um montem de coisa sem ficar calado. Confesso também que já senti vontade de dizer algumas coisas, mas fico calado. Mas choro, principalmente em ver muitos jovens sem norte, sem crescimento, sem saber quem é Cristo, sem saber o que é disciplina. Jovens que acham que o cristianismo ou a vida cristã é muito fácil, com palavras mágicas de “eu decreto”, “eu profetizo” etc. sem saber o real significado ou entender o por que de tantas expressões sem cabimento muitas vezes. Sei e tenho certeza do chamado do Senhor para a minha vida. Quando eu ouço pregação, ministração da Palavra, pregar o evangelho meu peito queima. Sinto prazer e alegria em falar do verdadeiro evangelho… não o “você irá prosperar”, “Jesus vai te restaurar”. Eu acredito em prosperidade, eu acredito em cura, mas o Evangelho não é isto. Eu sinto prazer no verdadeiro mesmo… Arrependa-se, Jesus está voltando! Para onde você irá depois que partir. Vc precisa nascer de novo. Não penso e sinto repulsas ao apresentar um Deus que está vinculado à bênçãos terrenas. Mas e as espirituais onde ficam?! Desculpa.. apenas um desabafo, pois o seu post diz tudo o que eu gostaria de dizer.

    Choro…. pq eu estou ferido. Preciso de cura e entender os propósitos do Senhor para mim. E choro principalmente, pq muitos estão feridos e não consigo vê-los penar por erros, heresias, doutrinas, testemunhos de outros que os levam a somente reproduzir.

    • Querido, eu te entendo plenamente.
      quando postei o texto “Cristãos críticos que criticam cristãos críticos” ouvi cada coisa…rs
      Quando falei do Festivel Promessas, então!
      A apologética séria e o chamado à sã doutrina são praticados desde Paulo, João e Pedro nas epístolas canônicas. Quem não entende isso precisa, pelo menos, voltar à EBD.
      Quem ama a Igreja, mano, vai sofrer em nossos dias. É inevitável. É como ver a mulher que vc ama toda leprosa e não poder fazer nada.
      Os propósitos do Senhor para vc? Me permita, se vc ainda não leu, sugerir a leitura desse texto:
      https://apenas1.wordpress.com/2012/04/22/como-eu-sei-os-planos-de-deus-para-minha-vida/
      Aqui creio estar a resposta.
      Que vc encontre a paz. Eu ainda não encontrei, pois a Igreja que amo está leprosa e sofro por vê-la sofrer. Enquanto isso, fazemos a nossa parte. Uns pregam aqui. Outros escrevem um blog ali. Alguns escrevem livros acolá…e nesse caminho oramos para que Jesus resgate alguns dessa cegueira e podridão.
      Abraço, querido.

    • jaqueline disse:

      Anderson, vc nao esta só nessa, essa dor de ver o evangelho tao distante é real e acontece nesses dias como normais, passamos ( eu e marido e amigos )pela experiencia do G12 e hoje vejo o quanto somo feridos, ja vi e presenciei a “lider” chamar a discipula de PROTITUTA por causa de uma causa jeans,como posso eu hoje olhar para um lider e confiar nele? NUNCA, por isso eu digo que hoje olho somente para Cristo ( ja deveria ser assim,mais isso nao nos ensina nessa heresia) meu marido diz que nao quer ser curado para nao voltar a ser besta?! Nao! ate onde ele tem razao? nesses dias estou me deleitando nesse blog que tem me ajudado tanto a nao desistir de tudo isso…. Paz !!!

      • Jaqueline,
        é triste ver líderes mal preparados. Louvo a Deus pq há os 7 mil que não dobraram seus joelhos a Baal.
        Entendo suas feridas e choro com vc e seu marido por terem caído nesse grupo tão réprobo.
        Mas se me permite, lembre-se que Evangelho não se vive só. 1 Co 12 fala do corpo: uma mão decepada é uma aberração. Temos de estar ligados ao corpo, para darmos a nossa contribuição. Se há os errados, que os exortemos em amor. A Igreja não é perfeita, mas podemos fazer nossa parte para tentar cicatrizar muitas feridas. Deus certamente deu a vc e seu esposo dons e talentos que podem usar para contribuir e ajudar o próximo.
        Temos que combater os falsos líderes. Vc vê que eu faço isto aqui no APENAS. Combater suas heresias. Mas jamais podemos nos esquecer que há os bons líderes. Se a Bíblia diz que “Deus deu uns para pastores” é fato que existem pessoas verdadeiramente vocacionadas por Deus para pastorear o rebanho. No meio há os infiltrados. Mas há os vocacionados. Busque-os. Não se abstenha de pertencer a uma família de fé. Não deixe que uma queimadura no fogão impeça você de no futuro preparar boas refeições. É minha sugestão em amor e carinho a vocês.
        .
        Deus os abençoe muito!

  9. Bacana Mauricio. Muito bom e pontual!!!

  10. Jacy disse:

    Nossa, Maurício! Que texto excelente! Sem mais…
    Parabéns! Deus te abençoe. 🙂

  11. Carina Cardoso disse:

    Concordo TOTALMENTE! Acorda igreja!

  12. Elinton Oliver disse:

    Paz,
    Muito bom, direto e objetivo, seria bom se alguns crentes pudessem ler este post.
    eim só me fala o nome dos médicos para eu não consultar com eles rsrsrsrsrsrsr

  13. João Amaral disse:

    Simplesmente, fantástico! Mauricio Zágari, mais um texto excelente! Parabéns.

  14. Sandra disse:

    Muito esclarecedor, gostei demais!

  15. Paulo Vitor disse:

    O pior é que hoje existem mais “desgraçados erros.”
    Isso cria em mim uma angustia muuito grande!

  16. Carla disse:

    Maurício, mais uma vez seu texto me “provocou” a pensar. Essa admiração que nutrimos por certos pregadores precisa migrar para uma verdadeira adoração ao Deus Eterno, pois eles deveriam ser apenas veículos, canais daquilo que Pai tem para nos dizer e ensinar. Acho que nossa preguiça de pensar e “matutar” bem na Palavra é que faz com que venhamos a transferir esses sentimentos. Obrigada pelo convite à reflexão. Continue a provocar! Deus o abençoe.

  17. Luiz Felipe disse:

    Boa tarde irmão Mauricio.
    .
    Segue minhas contribuições sobre venenos prescrito. Caso algum não esteja claro ou no seu entendimento incorreto, esteja a vontade para criticar.
    .
    1 – Se alguém diz que sua vida não precisa mudar pois Deus te ama como você é
    2 – Se alguém diz que Cristão não sofre pois Jesus já nos deu a vitória.
    3 – Se alguém diz que você não precisa de estudo (Teologia, seminário, estudo bíblico, etc) para desenvolver a sua fé, somente da revelação do Espírito Santo.
    4 – Se alguém diz que você não está em jugo desigual se pretende se casar com ele (ou ela), nem tampouco em pecado se faz sexo com seu noivo(a).
    5 – Se alguem diz que tomar remédio é falta de fé.
    6 – Se alguém diz que se você ainda não foi curado é porque não teve fé suficiente para a cura.
    7 – Se alguém diz que você deve sair da sua igreja porque ela não tem poder.
    .
    A paz.
    .
    Luiz Felipe

  18. Ih… Eu só conheço víbora então! Esse post me deixou triste, mas é a triste realidade. Por esses dias me convidaram para ir ao “Seminário de Sabedoria” com “o pregador mais sábio de nossos dias”, um americano que vai a um conhecido programa de TV dizer que “quem diz que dinheiro não traz felicidade é porque não tem dinheiro”, pede ofertinha de R$1000,00 e promete mundos e fundos de volta numa barganha descarada com Deus, e, infelizmente, a igreja em Belém do Pará tem se corrompido com esse tipo de coisa, adotando até mesmo dentro do seminário que estudo, essas práticas, ultrajando a Palavra de Deus; parecem que se esqueceram que a igreja corrompida na Bíblia e tratada como prostituta e que Deus não aceita a oferta das tais. Que Deus tenha misericórdia da Sua Noiva.

  19. Luiz Fernando disse:

    ola querido e irmao Mauricio a paz de nosso Senhor e salvador Jesus Cristo. Estou muito feliz do Senhor ter me direcionado a este blog, onde tirei muitas das minhas duvidas e aprendi muito com seus postrs. E louvo a Deus por sua vida e O agradeço por ainda, chamar pessoas como voce para pregar a todo custo, o evangelho da graça, puro, perfeito e simples como o nosso Deus nos deixou. Bom eu concordo plenamente com tudo o que voce disse, confesso que quase cai e segui essas doutrinas e heresias de perfil diabolico. Mas graças a Deus por Sua misericordia de ter me aberto os olhos. Desculpe querido pelo o comentario enorme, mais e motivo de muita alegria, e honra de falar com um verdadeiro homem de Deus.
    Deus te abençoe queridao, eu estou orando por ti e tua familia, e te pesso um grande favor de irmao, continue assim sua vida servira de espelho para muito de nos.
    Graça e paz pra ti amigao, te amo em Cristo.

    • Luiz, meu irmão,
      .
      muito obrigado por suas gentilíssimas palavras. Vc é sempre bem-vindo ao APENAS e espero que aprendamos uns com os outros aqui. Muitos de nós, por desconhecimento, já seguimos alguns desses absurdos. Hoje, nosso papel é ajudar aqueles que ainda estão enredados nas mentiras e falcatruas dos falsos evangélicos – seguindo a são doutrina evangélica, ou seja, do Evangelho.
      .
      Seu comentário em nada é extenso e pode acreditar: peco e peco muito. Estamos na luta, mano, somente dependendo da graça do Senhor.
      .
      Obrigado pelas orações, são preeciosíssimas e preciso muito delas.
      .
      Abraço forte, no amor de Cristo que nos une.

  20. Rejane Miranda disse:

    Perfeito o texto, como a obra de Deus!
    Parabéns, amado do Senhor!

  21. Ivan Pitzer de Souza disse:

    Parabens Querido Conservo do Senhor!

    Pouco sāo os que pregam a Palavra do “kerígma” do evangelho, e com o”Rhema” da unçāo do Santo Espírito, porque dizem ser “chamados” e nem se quer foram escolhidos. Graças as misericórdias do Senhor , ainda há muitos joelhos que se dobram e intercedem diante do trono, clamando ao Senhor que se compadeça desta geraçâo perdida. Ainda podemos contar com os remanescentes, para os dias vindouros do “tempo aceitável” para Salvaçāo, mas precisamos preparar a igreja, como noiva adornada, a espera do noivo, atė o dia dele levå-la arrebatada
    !Há dois peridos distintos na mensagem profėtica de Isaias 61:1-Do tempo da pregaçāo para libertaçāo dos cativos ; e o outro, de aguardar o tempo Do Dia da vingança do Senhor, que fará cumprir Seus Santos designos. ,com equidade e Justiça.
    Enquanto isso, devemos prosseguiir para o alvo da nossa soberana vocaçāo do Senhor, sendo firmes e constantes na Obra do Senhor!
    Abraços,
    Seu conservo, Ivan Pitzer de Souza

  22. Franklin disse:

    Zágari, já passei por coisa parecida…

    Há uns 3 anos tive um pequeno inchaço na coxa que me parecia um pelo encravado, mas depois de 1 mês tinha evoluido de uma forma que parecia um furúnculo mas a dor era incomparável, uma fisgada que ia do quadril ao joelho.
    A médica me disse que era foliculite e pediu que eu lavasse a região com um sabonete de calêndula. De cara aquilo não me conveceu nem um pouco, mas também não me vi em posição de questionar um diágnostico profissional, por teimosia não gastei meu suado dinheirinho com o tal sabonete.
    Daquele bendito furinho minava sangue incessantemente, e uma semana depois da consulta não suportava mais as dores, tanto que fui novamente consultar um médico.
    Só que este segundo camarada, examinando mais atentamente decretou: “é um bernie” (não pesquise antes ou depois de uma refeição).
    Um corte, uma anestesia local, e em menos de 10 minutos eu saia daquele hospital sem dores e sem bernie.

    Já liguei a TV incontáveis vezes para ouvir uma “boa mensagem de Deus” ou uma “eloquente ministração das divinas escrituras”… Agradeço muito a Deus por Nosso Senhor Jesus Cristo que nos concedeu o Consolador:

    “Mas aquele Consolador, o Espírito Santo, que o Pai enviará em meu nome, esse vos ensinará todas as coisas, e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.” -João 14:26

    É lendo o final deste versículo (mas levando em conta todo o contexo) que me pergunto: Será que é isso que falta para as pessoas não permanecerem no engano?

    “… e vos fará lembrar de tudo quanto vos tenho dito.”

    Me parece bem claro que Cristo quer que conheçamos sua palavra, que haja fome, interesse, prazer, submissão por ela. Para que o Espirito Santo nos corrija e nos faça voltar os olhos a ela sempre que nos desviarmos. Ao menos foi (e sempre será, se for vontade do Soberano) o que aconteceu comigo.

    Paz, Graça e Alegria da Parte do Nosso Senhor a você querido Zágari (sempre atiçando as melhores reflexões) e a todos que estão em Cristo!

    P.s Nunca cocem picadas de pernilongos com as unhas!!

    • Olá, Franklin!
      Vc me entende! rs
      É, mano, só quem passou por isso sabe como é.
      E as infecções espirituais e doutrinárias são muito piores no que um bernie (acredite, sei o que é, meu pai foi criado na roça rs).
      Que Deus nos lembre sempre da Boa Palavra, ajudando a lembrar-nos daquilo que Jesus nos disse.
      Abraço forte, na paz de Cristo!

  23. Eide disse:

    Muitos, hoje em dia, estão em igrejas que são verdadeiras sinagogas de Satanás. Que Deus possa abrir-lhe os olhos…

  24. Maravilhoso e muito pertinente.

  25. Fabiano disse:

    Muito bem dito, Maurício!

    Deus te abençoe!

  26. Luciana da Silva de Paiva disse:

    Precisamos de homens de Deus assim que nos fale da verdade de maneira simples e objetiva pois essa é a vontade de Deus.Que venha muito mais para abençoar nossas vidas; um abraço.

  27. roberto disse:

    Leio seu blog desde o começo, mas nunca comentei, apesar de concordar em maior parte dos seus textos mas em alguns de seux textos tenho alguns tipos de questionamento, que nao vem ao caso.

    Uma coisa te digo faz sete anos que deixei de frequentar a igreja evangelica, e qdo cheguei a igreja era uma pessoa cheia de fé e do espirito santo, e foi justamente ao passar a frequentar a igreja, minha fé foi sendo destruida aos poucos e hj nao sinto mais a presença do espirito santo, nao oro mais como orava antes nem leio mais a biblia como lia antes, antes de pisar na igreja eu tinha fome da palavra de Deus, eu lia a biblia o dia inteiro, hj nem chego perto, o motivo de deixar a igreja é que sou homossexual e nao sou, e nunca serei entendido, não é escolha isso te garanto, ninguem escolheria ser perseguido e ate muitas vezes se arriscar ser agredido e expulso de casa por puro caprixo, e uma coisa eu te digo hoje estou melhor fora da igreja, do que qdo estava nela, tenho um irmão que faz faculdade de teologia tbm, ele faz na faculdade mackenzie aqui em sao paulo, acho que vc deve conhecer.
    Não espero que as pessoas me aceitem mas pelo menos me respeitem.
    Conheco muitos pastores com esses adjetivos que vc escreveu aí, e se a igreja é liderado por pastores deste naipe, melhor esta fora dela.
    Obs: se quizer me add no seu msn fica a vontade, pois tenho muita duvidas e questionamentos sobre a biblia, se nao quiser nao tem problema algum, muito obrigado e fica com Deus.

    • Olá, Roberto, meu irmão,
      .
      fico muito triste que vc tenha passado por isso. Pena que a igreja que vc frequentou tenha levado vc a essa situação, é muito lamentável. Mas seria injusto dizermos que todas são assim, não é? É como pessoas que dizem que todos os homoafetivos são “sem vergonha”, como já ouvi: existem os que são e os que não são, assim como há igrejas doentes que arrebentam pessoas e há (muitas) que são autênticas familias de fé, com edificação e comunhão sãs e bíblicas, com pessoas amorosas e que funcionam como hospitais espirituais. A que frequento é assim, com todos seus defeitos e, creia, meus pastores estão muito, mas muito longe do naipe desses falsos pastores que descrevi.São homens de Deus, amorosos e preocupados com as ovelhas.
      .
      Estou plenamente de acordo com vc: eu não só não acredito, como tenho convicção de que a homoafetividade não é uma escolha. Se vc me perguntar o que leva alguém cujo corpo é preparado para unir-se ao sexo oposto a sentir atração por pessoas do mesmo sexo eu não teria uma resposta, mas eu nunca vi um gay ser gay porque quer – como vc bem disse. Mas conheço homoafetivos cristãos, que se mantêm celibatários por entender que o comportamento homossexual é pecado (e, querido, disso não posso fugir, pois a Bíblia é clara sobre o assunto). Então eles permanecem celibatários, como um heterossexual solteiro, que sente desejo pelo sexo oposto mas permanece celibatário até o casamento por amor à vontade do Senhor.
      .
      Meu desejo e minha oração é que você reencontre o caminho da busca do Senhor. De preferência numa comunidade saudável, onde o amor cristão e a Palavra levem as pessoas a se comportar como filhos de Deus. Pois 1 Co 12 deixa claro que viver a fé isolado da comunhão não é o padrão bíblico.
      .
      Querido, se vc me permite um conselho, eu te diria: não deixe que pessoas que erram te afastem do Deus que não erra. Procure voltar a ter uma vida de oração e leitura bíblica. Tenhamos nós passado pelas decepções que passamos, Deus continua sendo Deus e a Bíblia continua sendo Sua Revelação. E tenho certeza que vc sabe disso. Não permita que maus exemplos te afastem do alvo.
      .
      Mano, te respeito e te aceito como crente em Cristo, embora eu não seja hipócrita de dizer que concordo com relacionamentos entre pessoas do mesmo sexo (não por opinião ou preconceito, mas por ter estudado o assunto à luz da Bíblia e ter ficado claro que a homossexualidade levada a cabo não agrada o Senhor). Mas jamais deixaria de ter vc em conta como ser humano feito à imagem e semelhança do Criador, pecador sim como eu e carente como toda a humanidade da graça do Salvador. Temos que ir nos ajudando, nos amparando, nos amando, até aquele grande dia.
      .
      Oro por ti, para que o Senhor te conduza de volta ao primeiro amor. Não passo msn simplesmente pq é dificil por questões de tempo me estender numa conversa (teria de ser às 2h da madrugada rs), mas vou te enviar um email e podemos conversar por ali, se estiver ok para vc. Mas aviso desde já que às vezes demoro muito para responder justamente por falta de tempo e pela grande quantidade de emails a responder. Se isso não for um incômodo para ti terei todo prazer em comungar contigo.
      .
      Deus o abençoe, meu irmão, na paz que excede todo o entendimento e no amor de Cristo que nos une.

      • roberto disse:

        ok, estarei esperando seu e-mail, nao sera incomodo nenhum, sei que seu tempo é escasso e vc recebe muitos e-mais tbm, mas nao terei pressa , eu sei esperar, um forte abraço pra vc e fique com Deus.

  28. Marcos Rodrigues disse:

    Mauricio, seu blog é um resort onde descanso minha alma cansada e estressada todos os dias! Ah e quando saio na sacada vejo o pôr do sol afirmando que o Criador está conosco em todo o tempo. Sem demagogia ou “puxa-saquismo” (desculpa a palavra mano!) eu também penso assim. Que Deus lhe inspire sempre. Abraço.

    • Ô, Marcos, coro pelas tuas palavras, mas me alegro por poder proporcionar isso a vc. Que Deus me ajude a continuar nesse propósito.
      Tomo seu desejo como uma oração.
      Abraço forte e que o Senhor te abençoe muito.

  29. Richard disse:

    Esses erros podem deixar marcas, e é mais dificil tira-los do que coloca-los.
    Por exemplo, se alguem lhe ensina uma doutrina,e outra pessoa vem com outra haverá resistências. Isso significa que erros traz consequencias gravíssimas. Muito bom o texto.

    • Verdade, Richard, por isso a necessidade de um bom discipulado desde os primeiros passos na fé.
      Mas nossa labuta é essa, tentar resgatar os que se perderam por aí em engodos e falácias. Se um ou dois voltarem ao estreito caminho já valeu o esforço.
      Deus o abençoe, querido , e obrigado por tuas palavras.

  30. Patricia Brasil disse:

    Uau! legal! Assim que é. Mesmo que alguém não creia, continuará sendo veneno e os sintomas vão aparecer. Mas infelizmente meche com a mente e é espiritual. difícil da própria pessoa reconhecer…
    Deus o abençoe

  31. Leonardo disse:

    Muito bom o artigo, Maurício! Você tem algum outro artigo, ou alguma indicação de leitura com maiores explicações das doutrinas “tomar posse” e “declarar vitória”? Eu sou muito recente na fé e fiquei receoso há alguns dias atrás quando em uma reunião algumas pessoas começaram a dizer algo parecido. Abraços, Leo.

  32. Edilma Feitoza da Silva. disse:

    Isso tudo é uma pura verdade; Um ministério tem que ser bem administrado, Se não vai tudo por água abaixo… “Quero saber como posso obter esse livro”…

  33. michele disse:

    Deus abençoe a sua vida ,e que atraves dela ,continue abençoando nossas vidas……apaz

  34. Luiz Fernando disse:

    ola querido e irmao Mauricio a
    paz de nosso Senhor e salvador
    Jesus Cristo. Estou muito feliz
    do Senhor ter me direcionado a
    este blog, onde tirei muitas das
    minhas duvidas e aprendi
    muito com seus postrs. E louvo
    a Deus por sua vida e O
    agradeço por ainda, chamar
    pessoas como voce para pregar
    a todo custo, o evangelho da
    graça, puro, perfeito e simples
    como o nosso Deus nos deixou.
    Bom eu concordo plenamente
    com tudo o que voce disse,
    confesso que quase cai e segui
    essas doutrinas e heresias de
    perfil diabolico. Mas graças a
    Deus por Sua misericordia de
    ter me aberto os olhos.
    Desculpe querido pelo o
    comentario enorme, mais e
    motivo de muita alegria, e
    honra de falar com um
    verdadeiro homem de Deus.
    Deus te abençoe queridao, eu
    estou orando por ti e tua
    familia, e te pesso um grande
    favor de irmao, continue assim
    sua vida servira de espelho
    para muito de nos.
    Graça e paz pra ti amigao, te
    amo em Cristo.

  35. Julia Nascimento disse:

    Na verdade, o que a grande maioria está preocupada é com o Ibope, como qualquer programa de entreterimento.Pregar o verdadeiro Evangelho, me parece que ficou com aqueles que ainda não alcançaram notoriedade. Infelizmente, esse é o quadro do Evangelho em nosso País,empresários da fé, transvestidos de Pastores!

    • Olá, Julia,
      Compartilho da sua visão, embora tenhamos que cuidar para não pecar pelo generalismo. Ainda há alguns líderes com notoriedade que não dobraram seus joelhos a Baal.
      Creio que a Igreja mais punjante no Brasil seja anônima, mas ainda consigo ver entre os mais conhecidos alguns sérios homens de Deus.
      No amor de Cristo, que nos une.

  36. muriel disse:

    Simplesmente fenomenalll!!!!
    Mas abe pq tantas pessoas tomam desse veneno,pq nao procuram a verdade que esta escrita na palavra de Deus,nao leêm a biblia.
    Acreditam piamente em td que é pregaram,muitas vezes por pessoas que não tem conhecimento e nem unçao nenhuma.
    Deus nos diz que o povo perece por nao conhecer a verdade,ou seja perece por nao conhecer Jesus verdadeiramente.
    Por isso procuro me alimentar da palavra,leio livros,tiro duvidas.
    A sabedoria vem de Deus mas uma pessoa intruida não é enganada facilemente.
    Não é qualquer pastor que grita,pula,sapateiia,profetiza…que me engana.
    Grça e paz a Todos!!!

  37. Luiz Fernando disse:

    Ola meu irmao Mauricio. Sim voce ja respondeu, desculpe por motivo de eu teclar via celular devido ao tempo que estou trabalhando, achei que avia ocorrido um erro ao postar o comentario. Perdao querido por esse erro. E aproveitando deixando um abraço pra ti irmao. A paz do nosso meigo, amoroso e razao de nosso viver, Jesus Cristo.

  38. «73n £1Øn» disse:

    Maurício Zágari me prescreveu uma receita da Graça de Deus. Ficou difícil segurar as lágrimas dos olhos, mas meu coração anda em prantos há muito, um choro sufocado e sofrido, que me faz a cada dia perceber a morte que habita em mim e na minha miserabilidade, mas em contrapartida, no meu eu mais interior, VIDA.

    Obrigado, Zágari, por mais este texto. Eu que, por um desgraçado erro médico há três meses, me informou um câncer no ouvido, que dois dias depois era apenas… infecção.. e por outros erros desgraçados por teólogos, me pôs um câncer na alma que, graças à Graça, me foi retirado há anos.

    I´am reblog this.

    • Mano Neilton,
      .
      me alegro por minha reflexão ter tocado teu coração. Compartilho do teu pranto, querido, ao ver nossa amada Igrja leprosa como está e ao ver no espelho o quanto há de mal em mim mesmo.
      .
      Não me agradeça, Neilton, agradeça ao Senhor, a quem oro diariamente para que os temas que escolho para escrever sempre alcancem corações. Então não vem de mim, é dom de Deus – sem o qual nada posso fazer.
      .
      De todo modo, agradeço pelo teu carinho e oro para que toda célula cancerosa que puseram em tua alma tenha de fato sido erradicada, pelo enorme amor desse Deus magnífico que servimos.
      .
      Abraço apertado, mano, no amor dAquele que nos une.

      • «73n £1Øn» disse:

        Graças a Deus, foi tudo erradicado. Venho de raiz tradicional, Batista Regular de Diadema, depois Brasileira, nacional… Belo Horizonte, Lagoísmo, pentecostalismo, neopentecostalismo, seminário, volta à Graça,, desigrejamento, pastoreio.
        Achei que estava enlouquecendo e me desviando quabndo comecei a questionar as posições “em-vão-gélicas”, até o relacionamento entre a familia de minha esposa, formada por pastores, ficou quase impossível (por parte deles), mas prossigo para o alvo.

        Espero em Cristo, não a mudança de Laodicéia, mas que os de Filadélfia se encontrem.

        Abraço, mano Maurício.

      • Abraço, querido. Deus te abençoe muito.

  39. […] no Apenas 1 Compartilhe com:EmailFacebookTwitterDiggPrintRedditStumbleUponGostar disso:GostoSeja o primeiro a […]

  40. Deibson disse:

    Eu que estou começando o seminário teológico estou jã estou vendo esse egocentrismo de pastores da tv que só querem encher o bolso mas esquecem que tem pessoas que estão ouvindo essas mensagens, não sabem discernir um evangelho puro e pra eles tudo que esses pastores falam é a palavra de Deus verdadeira, mas quando começam as criticas não aceitam e começam a fazer debates na própria tv tentando comprovar essas teorias como a da prosperidade. Um abraço Maurício e continue postando esses excelentes artigos.

    • É, Deibson, quando começamos a enxergar os fatos é doloroso, eu sei.
      Que essa dor e sua percepção e insatisfação ajudem a empulsionar um você um coração que amas e zela pela Igreja de Cristo. Use o aprendizado do seminário nao para debater, mas para edificar. Conselho de quem já passou por dois seminários.
      Um abraço, querido e obrigado pelas palavras tão afetuosas. Jesus te bendiga.

  41. Oi, gostaria que me respondesse sobre: ”Se algum pregador que você admira diz que não tem problema algum ir a shows de artistas do naipe de Ozzy Osbourne, ele está te prescrevendo veneno.”.

    Concordo ou concordo plenamente com as suas citações no post. Porém, fiquei intrigado com a que falou sobre Ozzy Osbourne. Eu nunca havia ouvido nenhuma música dele, mas depois de ler a sua opinião, procurei por elas. A primeira que encontrei foi: Life won’t wait for you; essa música traz como mensagem força de superação, de seguir em frente, em sua maneira de expor a opinião etc. Agora acabei de ouvir ”No more tears”.

    Gostaria de saber porquê você pensa que faz mal quem vai a um show desse artista.

  42. Anderson Lopes disse:

    Excelente! Curti. Agora é hora de compartilhar.

  43. Raquel disse:

    Ei, Zágari, muito prazer! Cruzei com o seu blog há mais ou menos… sei lá, duas semanas, nem sei como, nem sei o que estava buscando, de qualquer forma… bem, eu cresci no meio do evangelho, a igreja na qual fui criada era bem “rígida” por assim dizer, desde vestimentas até mesmo a doutrina que era pregada e eu nunca me identifiquei, acabei me afastando de Deus (não somente por isso, mas por outros milhares de motivos que não cabe citar). Consequentemente, desenvolvi uma visão muito crítica, meus olhos se apegam a pequenos detalhes que passam despercebidos pela maioria.
    Até que eu mudei de bairro e de igreja, pensando que seria mais do mesmo. Porém, lá eu fui tocada, eu passei a repensar toda a minha fé, toda a minha trajetória e foi muito bom para mim, tive grande parte das minhas dúvidas sanadas.
    Porém, houve uma troca na liderança, por assim dizer. Tive um choque ao passar enxergar coisas que parecia que somente eu enxergava, cheguei a me sentir culpada. O culto principal parecia uma palestra motivacional, sabe? Essas que são suuper populares nos USA, uma verdadeira encheção de linguiça, “palmas para Jesus” a cada dois minutos, receitas fáceis de como conseguir sucesso, palavras e conceitos-chave para se memorizar e NADA de evangelho, nada da palavra de Deus, de repente, a igreja tinha banners gigantes do pastor e sua família (?). Certa vez eles pediram uma contribuição com um propósito, mas a abordagem me chocou, “quem dá dez? quem dá vinte? quem pode dar mais? cem? opa!”. Engraçado é que em algum culto de Santa Ceia no passado falaram algo sobre isso, sobre não questionar o que é dito, que poderia não gerar rachas (não com essas palavras), etc. Deus sabe o quanto eu já orei para direcionar meu coração caso eu esteja julgando, mas a verdade que eu sentia no meu coração e o prazer que eu tinha de ir a igreja vai perdendo um pouco o foco. Todos os seus cultos seguem o mesmo modelo fácil, os crentes adoram, eu fico pensando… sei lá, sabe? Talvez eu esteja errada, eu não sou ninguém na fila da sopa diante da multidão. Fico triste.

    Ótimo post! Beijão! A paz!

  44. Bruno Fernandes disse:

    Impressionante!
    Parabéns pelo texto, mano.
    Contribuiu para a minha edificação.
    Abraço!

  45. Bruno Gomes Leal disse:

    Então, Mauricio como te disse em outros post’s sou irmão novo e não tenho muito conhecimento biblico, então, procuro uma congregassão com a qual possa me indentificar, tipo estou na Assembleia de Deus, mas tem coisa que acho ruim entende, e tem dias que nem vou ao culto, tem igreja Batista aqui, mas sempre tive medo em ir porque ás pessoas dizem que tem igreja Batista que não acredita na trindade e isso é ruim e tals, bom, é uma coisa muito confusa, pois existe mesmo a trindade ? cara estou perdido.

    • Bruno, primeiro: calma. rs Respira fundo.
      Segundo: nunca ouvi falar de igrejas batistas que não creem na Trindade. E sim, existe a Trindade. Na medida em que vc for crescendo na fé, estudando, frenquentando a EBD, lendo bons livros, vai ver isso e ganhar conhecimento.
      Minha sugestão é que vc visite, em oração, algumas igrejas. Quando encontrar uma que lhe pareça adequada a você, marque um gabinete com o pastor e converse com ele sobre como é a doutrina da igreja, suas crenças, praticas, ministerios etc.
      Se sentir segurança, passe a congregar ali.
      Ok? Espero ter ajudado.
      Deus te abençoe!

  46. Renan Tourinho disse:

    Zágari,
    Conheço vários pastores que, por conta do tamanho do ministério e por terem família para sustentar, realizam trabalho secular e também pastoral. Eu imagino que no caso ao qual você se referia na postagem, sobre os políticos, você quis referenciar aqueles que claramente estão sendo movidos por ganância. Todavia, tenho dúvidas em relação a isso. O que recomendam as escrituras? Um pastor deve servir somente o ministério pastoral, sem ter um outro emprego secular? Caso tenha um trabalho secular, não deve ser de cunho político? E os irmãos em Cristo, é lícito que tenham cargos políticos?
    Já ouvi tanta gente dizer que “não devemos nos envolver com os negócios desse mundo”, quando falam sobre a candidatura política de pastores ou irmãos em Cristo, mas não tenho um embasamento bíblico para refletir sobre tal conduta. Qual a sua opinião?

    Abraço, na paz dEle.

    • Ola, querido,
      não vejo nenhum problema de o pastor ter um emprego secular. Paulo fazia tendas.
      Já se envolver com politica partidaria nao tem a ver com trabalho, tem a ver com busca de poder e facilidades. Raros são os que não se corrompem. E, acredite, já estive nos bastidores da política por 1 ano e 9 meses: impossível ser cristão e não se corromper nas esferas do poder. Ou vc barganha o que não gostaria ou não avança o que quer. Acaba se prostituindo.

      E sacerdotes são sacertotes. Têm uma vocação. Se candidatar é trair essa vocação.

      Deus o abençoe, em Sua paz.

  47. Há algum tempo tenho deixado alguns comentários em seu blog, e atualmente no facebook, tenho divulgado seu blog, como alerta do que vivemos na igreja atual. Esta semana uma amiga me emprestou um livro chamado Morte na Panela de Hernandes Dias Lopes. Hoje, lendo seu texto, me lembrou exatamente o que este autor denomina de morte na panela, ou seja, o que o povo tem ingerido, e o que tem ingerido? VENENO! Abaixo um pequeno trecho:
    …Na verdade, temos muita propaganda, mas poucos frutos verdadeiros. Temos muito do homem e pouco de Deus. Vivemos o tempo em que as novidades se multiplicam dentro das igrejas. A Bíblia é usada como um livro mágico e cabalístico para referendar todas as maluquices engendradas no laboratório da religião do lucro, para ludibriar os incautos com uma fé sincrética e para enriquecer os líderes fraudulentos e cheios de ganância. Em nome de Deus, esses pregoeiros de outro evangelho mantêm o povo no misticismo.
    …De forma semelhante, a morte espiritual principia no cardápio espiritual. Muitas pessoas morrem porque estão ingerindo VENENO, em vez de uma saudável refeição. Há morte na panela!
    Na verdade, há muitos que estão se alimentando de veneno, e não de pão. Correm atrás de ilusões, e não da verdade. Buscam respostas para seus dramas em pretensos homens inspirados, em vez de buscarem a eterna e infalível Palavra de Deus. Multiplicam-se os gurus espirituais nos redutos chamados evangélicos.
    Enfim, eis uma pequena porção de um grande livro que deveria ser lido, relido com a bíblia do lado…o povo está indo amado irmão para “atalhos”, deixando o caminho da verdade pelo da mentira, “faz de conta”, o da ilusão. Que Deus nosso Pai tenha misericórdia de nossas almas e nos guarde! É o tempo do fim!! Aquele que perseverar será salvo literalmente das heresias, do engano, da mentira dos falsos profetas, “anti-cristo” do evangelho.
    Graça e Paz abençoado !

    • Oi, Marcia, tudo bem?
      Obrigado pela gentileza de divulgar os textos, que venham para edificar muitos.
      A morte na panela, expressão de 2 Reis 4.40, foi muito bem aplicada pelo Hernandes.
      Creio que as ponderações dele são muito pertinentes. Assim que eu terminar meus 17 livros que tenho na fila (rsrs) acho que vou pôr esse como 18o. Fico muito grato pela dica.
      Graça e paz, irmã amada, o Senhor seja contigo!

  48. Fabiana disse:

    Estou aqui imaginando uma lista dos venenos pregados por esses pastores, anexando as contribuições do irmãos e a lista é infindável.Que vergonha, que vergonha.

    Sem mais comentários para esse seu post.

    a Paz

    Fabiana

  49. Marcia (Kerr) Brochado Severino da Silva disse:

    Tenho sempre lido com prazer os seus textos, ótimas reflexões sobre a “igreja e os evangélicos” de nossos dias…. Graças a Deus pertencemos a uma igreja histórica e mais séria, mas que também tem que ter cuidado para não ser invadida por tantas asneiras dos dias de hoje! Passei 5 dias descansando em uma estação de águas e tive oportunidade de ler o livro mais recente que comprei: o seu – A Verdadeira Vitória do Cristão, realmente você é merecedor dos prêmios que já recebeu! Continue, irmão, Deus abençoe sempre vozes proféticas (o Profeta anuncia a Palavra de Deus ao povo) como a sua. Também comprei os 3 livros de ficção e vou começar a lê-los. Em Cristo, Marcia Severino

    • Querida Marcia,
      .
      primeiro, muito obrigado pelo carinho com meu livro. É fruto de muita oração, pesquisa e suor, espero que tenha de fato edificado sua vida.
      .
      Se vc for ler os da série Geração Ação, apenas leve em conta que são para um público adolescente, logo, com uma linguagem diferente. Mas se te abençoarem (os adultos têm gostado, para minha surpresa), ficarei feliz. Se aceita uma sugestão, leia na ordem em que foram publicados: “O Enigma da Bíblia de Gutemberg”, depois “7 Enigmas e um Tesouro” e por fim “O Mistério de Cruz das Almas”, pois creio que vão mostrando um amadurecimento. E o quarto livro, que considero o melhor, é “O Ritual”, que será lançado em agosto. Que te abençoem.
      .
      Sobre os textos do blog, muito obrigado, vc é sempre muito gentil. Fico feliz que sua igreja é das que não dobraram os joelhos a Baal, louvo a Deus por isso.
      .
      Obrigado pelo privilégio de ler meus devaneios. É uma honra.
      .
      Deus a abençoe muito!

      • Marcia (Kerr) Brochado Severino da Silva disse:

        Eu percebi que os livros da série Geração Ação são para adolescentes e já os coloquei na ordem. Quero ver se depois de lê-los estimulo minhas netas adolescentes para fazê-lo. Grata

      • Que edifiquem a todos, Marcia.
        Beijo e paz!

  50. Letícia Novais disse:

    Parabéns mais uma vez Maurício! Gosto muito de ler suas reflexões.

    Só queria que você me desse uma pequena explicação sobre essa frase: “Se algum pregador que você admira participa de campanha política, ele está te prescrevendo veneno.”
    Porque muitos ao participarem de campanhas políticas alegam que o estão fazendo pelo bem do seu povo, e eu acredito que alguns falem a verdade nesse caso.

    A paz do Senhor 🙂

    • Olá, Leticia,
      obrigado pelas palavras generosas.
      A política partidária é um meio sujo e geralmente quem se envolve tem interesses, Leticia. Eu fui estagiário por 1 ano e 9 meses numa certa instância do governo e posso te dizer: ninguém faz nada na política pelo bem do povo, mas por seu próprio bem e o de seu partido. No final do dia, o que governa a política são dinheiro, poder e influência.
      O papel da Igreja é proclamar Jesus e o Evangelho e não se envolver com política partidária. A Deus o que é de Deus e a César o que é de César. Pastores que apoiam candidatos em geral vão levar benefícios em troca. Por isso, por exemplo, na denominação em que congrego, para manter a lisura e o bom nome da igreja, o manual de ética proibe terminantemente qualquer pastor de se envolver da maneira que for com política. Se um candidato a qualquer coisa sobe em seu púlpito, aquela igreja é sumariamente desligada da denominação. Pois púlpito não é lugar pra isso. E pastores, que influenciam multidões, não são cabos eleitorais. São porta-vozes de Jesus de Nazaré e essa é sua santa vocação.
      Respondi? (:
      Deus a abençoe!

      • Letícia Novais disse:

        Mais do que respondida Maurício, obrigada 🙂
        Concordo contigo, eu só queria que pastores que estimo também concordassem.

        Amém, que o Pai continue te abençoando.

      • Amem e amem, Leticia!
        Deus te abençoe muito!

  51. Higor Machado disse:

    Ótimo texto Maurício, espero muito que não fique cego como muitos, e perdem a graça de Deus. Mantenha sua humildade, Deus te ama muito, e precisamos de você. Que nosso Senhor te guie, parabéns! 😀

  52. Ruthi disse:

    Que o Cristo, pelo seu Espírito Santo em nós, nos direcione sempre a buscar o antídoto para neutralizar os efeitos desses venenos que estão entranhados na Igreja. O antídoto, sabemos: uma vida de obediência aos mandamentos do Cristo contidos em Sua Palavra.

    Mauricio Zágari, Desejo que Deus continue a lhe encher com a sabedoria do alto. Tenho lido seus textos e estes tem vindo de encontro a alguns questionamentos que tenho feito a mim mesmo, em relação aos evangelhos que estão sendo apregoados em nossos púlpitos.

    Abs,
    Em Cristo.

  53. Delrani disse:

    Veja só: É claro que não concordo com tudo que vc escreve. Também tenho minhas opiniões, ora! rsrs… Mas o que está escrito é o que é! Quanto ao que vc expressa sobre o que diz a Palavra não tem opinião. Ela é soberana! Concordo com tudo.

    Vc parece minha boca, minha alma, meu coração gritando: “Cristãos, voltemos ao verdadeiro evangelho!!!”

    Gostaria de saber me expressar com tanta exatidão assim.

  54. Edson Dias disse:

    O grande problema na atualidade é entender realmente o que é prosperidade, pois quase sempre se vincula prosperidade à riquezas. Para mim o real significado de prosperidade é o que está escrito no Evangelho segundo escreveu João no capítulo 10 e versículo 10 na parte B que diz: Eu vim para que tenham vida e a tenham com abundância. Para mim a verdadeira prosperidade advém de estarmos verdadeiramente em Cristo e entendermos o real significado de não apenas crermos Nele e sim sermos seus discípulos…

  55. TONEY FONTES disse:

    Querido Mauricio,
    gostei do seu texto, mas não achei o título apropriado, pois constatei erro pastoral e não erro bíblico.
    No caso dos erros médicos, foram os médicos que erraram, e não a medicina, pois ela teria o remédio certo pra cada situação se os médicos não fossem despreparados.
    No caso dos pastores, acho a mesma coisa, penso que eles erram por ignorância e negligência a Palavra e não por passar alguma “receita” que estivesse errada na bíblia.
    Me desculpa por falar isso, mas é para o Reino e não para glória nossa.
    Se eu tiver errado, por favor me esclareça e me perdoe desde ja.
    Abs
    Toney

  56. […] Desgraçados erros bíblicos […]

  57. Mauricio, tenho visto seu blog e outros a favor de um evangelho puro, pregações de pastores como John Piper, Paul Washer, David Wilkerson, etc. Minha mente entra em colapso.

    Sou de uma igreja Batista Renovada a 20 anos. Eu creio que meu pastor é muito usado por Deus, ungido e tal. Eu sempre concordei com tudo que ele pregava. Já participei de campanhas para arrecadar dinheiro, onde ele levantava ofertas de 1000 reais, 500, etc. Ele atualmente é vereador da minha cidade também. Ao mesmo tempo, ele prega arrependimento, toca na ferida das pessoas como costumamos dizer!

    Não consigo vê-lo como “dando veneno” para mim. Não sei se é porque eu sou pastoreado por ele à 20 anos ou outra coisa.

    Vejo na internet a Palavra de Deus pregada por grandes homens, mas muito pouco de poder de Deus manifestado. Talvez minha concepção do que é poder de Deus seja apenas em milagres, curas, etc.

    Eu realmente não sei em que acreditar. Tenho fome, mas não sei qual alimento comer. Por isso tenho orado nas madrugadas, lido a Bíblia, visitado blogs como o seu (que tem me edificado demais), vou pra uma escola de missões, etc

    Creio que a maioria das coisas que aprendi nesses 20 anos são verdades. Mas se não forem? Entro em colapso…

    • Victor, olá,
      Mano, imagino a confusão que vc enfrenta. Mas não se deixe entrar em colapso. Se a coisa esta confusa, retroceda e busque as bases da fé. Leia a Biblia. Há um livro que vai te ajudar muito: “Cristianismo puro e simples”, recomendo com ênfase.
      Lembre-se que devemos dar mais ênfase em nossa fé ao que Jesus deu: relacionamento com Deus. Amor ao próximo. Perdão. Reconciliação.
      Milagres são mais do que poder, são fruto da compaixão de Deus pelos que sofrem. Já dinheiro ficará todo na terra quando morrermos. Sendo assim, onde devemos acumular nosso tesouro?
      Minha sugestão, querido, é que você busque simplificar sua fé. Menos gana por milagres. Mais por auxilio ao próximo. Amor. Devoção. Isso é o Evangelho. Viver em prol de uma intimidade com Deus em oração e leitura bíblica e da dedicação ao nosso próximo, ao que sofre, ao que peca. Restaurar o pecador. Proclamar a restauração por Cristo. Apontar para a eternidade. Isso, entendo eu, é o Evangelho.

      Oro a Deus que logo vc encontre seu prumo. Tb estou saindo de uma crise pessoal e sei o que é isso. Nessas horas o melhor é se recolher, voltar para a retaguarda e se dedicar a uma devocionalidade silenciosa. É só assim que você conseguira ouvir Deus e a si próprio.
      Abraço forte, mano, e que a paz do Mestre seja contigo.

  58. Danila disse:

    Olá Maurício,
    Parabéns querido irmão pela coragem de expor esses venenos tão claramente, pois quem os oferece são prontos a se defenderem agressivamente!
    Quero q vce me ajude nesses 2 últimos venenos q envolvem o pastor e a política,vce pode me mostrar citações bíblicas sobre eles?Explico,meu pastor foi candidato a vereador nas eleições desse ano,e pra mim,foi veneno,mas ñ só ele como outros pastores q conheço,confesso q meu cunhado é um deles,dizem q na Bíblia ñ diz nada contra o crente ser político e citam José e Daniel como homens de Deus exercendo cargos políticos.
    Antes de encontrar o Apenas pensava como permanecer em uma igreja em q minhas interpretações bíblicas são contrárias à do pastor em vários assuntos,mas acredite,os seus posts me acalentam qdo vejo minhas interpretações sendo tão bem explicadas.Obrigada e aguardo.
    No amor de Cristo.

    • Olá, Danila,
      .
      os exemplos de José e Daniel são totalmente descontextualizados, uma vez que eles não eram sacerdotes, eram civis. Não há mal algum em um cristão, membro de uma igreja, buscar eleger-se a um cargo político. Mas um sacerdote é alguém chamado especificamente por Deus para dedicar-se ao pastoreio e à proclamação o Evangelho. Se ele suspende essa vocação para seguir pela política partidária, das duas uma: ou nunca foi vocacionado ao sacerdócio ou está traindo sua vocação. Leia 1 Co 12 e veja que há pessoas chamadas especificamente para pastores.
      .
      O argumento de dizer que a Biblia não fala nada contra sacerdotes não poderem se candidatar é análogo a dizer que a Bíblia não falar nada sobre o consumo de heroína ou cocaína. De fato não falam explicitamente, mas isso se dá obviamente porque o contexto em que as Escrituras foram escritas era diferente – assim como o ambiente e o sistema político da época também Ser diferente da democracia em que vivemos. É um argumento fraco e uma tremenda forçação de barra.
      .
      Quem quer se candidatar ao governo em geral só está em busca de poder, influência ou dinheiro. E essas não podem ser as metas de um sacerdote. Os levitas da época do tabernáculo foram chamados exclusivamente para o oficio espiritual: construir a ponte entre nós e Deus. Pastores são a mesma coisa.
      .
      Espero ter ajudado. Deus a abençoe,
      mz

      • Danila disse:

        Olá Maurício,
        Obrigada, ajudou sim meu irmão,pois confirmaste o q eu pensava:A vocação e o chamado para pastor são específicos e grandes demais para se abrir mão deles.No caso do meu pastor,se tivesse sido eleito disse q ñ deixaria de ser pastor e exerceria os dois cargos,mas o meu pensamento é o q acabei de comentar acima.Tbém penso q o ideal de quem entra em política, em geral,ñ é a preocupação com o coletivo.Meu marido qdo nos conhecemos era vereador.Depois foi candidato a vice prefeito,aqui já estávamos casados,mas ñ éramos convertidos,perdeu;Quis tentar mais uma vez pois era apaixonado por política, então se candidatou a prefeito porq tava impossível ser vice dos outros por causa da reputação dos candidatos,aqui já éramos convertidos, perdeu.Pensei q ele nunca abandonaria a política, tamanha era a sua paixão e qual ñ foi a minha surpresa qdo depois da última derrota me disse q jamais se candidataria novamente, pois constatou q era impossível ganhar sem comprar votos,fazer acordos corruptos,mentir…a menos q por um milagre Deus o fizesse ganhar,mas” Deus ñ está nisso”,disse ele Chorei de alegria por ouvir o q eu jamais pensei ouvir dele e louvei a Deus pela maturidade espiritual do meu marido que naquele momento estava mortificando a sua carne,matando a sua paixão, por causa do Senhor Jesus.E como Deus tem sido fiel Maurício!Qtas bençãos tem nos dado,mesmo em meio às aflições do mundo.
        Desculpe o texto enorme e um tanto “pessoal”,nem precisa publicar,só quis compartilhar contigo um pouco do que viví na política e o qto me entristeço ao ver pastores abrirem mão de um chamado tão excelente e, principalmente,o meu pastor.
        A paz contigo meu irmão.

      • Danila, olá,
        .
        de forma alguma, não se preocupe com o tamanho. Que belo testemunho! Faço questão de publicar pois essa é uma grande verdade: dificilmente alguém que entra para a vida político-partidária em algum momento não se corrompe. Ser sal da terra e luz do mundo pode ocorrer em qualquer instância de nossa vida, independentemente de cargos públicos.
        .
        Deus abençoe muito você e seu marido,
        mz

  59. Alessandro disse:

    Seus post’s são um bom banho de agua fria que tem me acordado, tirado as escamas dos meus olhos e me tirado da minha zona de conforto, Deus abençoe sua vida querido Irmão, choro quando vejo essas coisas e esses desgraçados caminhos que nossa Igreja esta trilhando ,ainda mais que ja andei por ele, mas gloria a Deus tenho descoberto a verdadeira Verdade, o verdadeiro e genuino evangelho.

  60. Ediene disse:

    Olá, sabe como caí nesta página? Pesquisando sobre Aciclovir pomada, acabei de saber que o médico disse para a minha mãe que ela tem “herpes”, pense na minha cara de espanto!! Como assim, herpes, mãe?? De onde veio isso?
    Não sabemos nem se é herpes mesmo, pq não foi feito exame nenhum, depois do seu textyo fiquei ainda mais encafifada!!!!
    Parabéns, vou me tornar sua leitora.
    Deus abençoe.

  61. Ismael disse:

    Gostei muito do texto, penso da mesma maneira.
    Mas gosto “do som” de Ozzy Osbourne. E não de suas atitudes, exemplo de vida e algumas letras.

    • Oi, Ismael,
      .
      fico feliz que você gostou. Pena que o som do Ozzy não existe independente de suas letras e do resto. Pena mesmo.
      .
      Aquele abraço, mano, Deus te abençoe,
      mz

  62. Thayná disse:

    Amado, qual o problema de um pastor participar de campanha politica? Entao, quem vai mudar o Brasil, se não nós? Crentes?

    • Olá, Thayná,
      .
      o problema não é participar como cidadão, mas fazer campanha política em púlpito de igreja é inadequado. Um santuário não é para isso. É como querer jogar bola num hospital ou usar maiô numa entrevista de emprego. Cada prática tem seu lugar certo e igreja não é lugar de propaganda eleitoral, é lugar de culto a Deus. E, em minha visão, se um dia o Brasil mudar, quem o fará será Deus, não os crentes. Muito menos da forma como certos “crentes” têm se comportado na mídia, incitando ódio, agressividade e prepotência. O caminho não é esse e um conhecimento bíblico das intervenções de Deus na política de uma nação mostra com clareza. Quem ele usou para acertar Israel, por exemplo, foi a Assíria e Judá, a Babilônia.
      .
      Respeito, claro, a sua opinião, é seu direito tê-la.
      .
      Deus a abençoe muito,
      mz

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s