Para você que acredita ou professa a Teologia da Prosperidade, este post será esclarecedor, pois aqui vou explicar como surgiu essa filosofia, articulada habilmente pelas forças do mal para escravizar cristãos sérios com argumentos que, de tão bem engendrados, parecem fazer sentido bíblico. Mas que na verdade não passam de doutrina de demônios – e eu provo. Se você não gosta de ler textos mais longos, sugiro que segure um pouquinho e vá até o final deste. Tome posse do que está lendo, decrete a vitória, declare em nome de Jesus que “conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará” e vá adiante. É o destino de tua alma que está em jogo. Então penso que vale a pena. Vem comigo ao longo dos próximos parágrafos e vamos falar um pouco sobre Teologia da Prosperidade.

Tem havido muito ti-ti-ti ultimamente sobre a herética, antibíblica e demoníaca Teologia da Prosperidade. Não por ela ser herética, antibíblica e demoníaca, como sempre foi e sempre continuará sendo. Não também por ela ser alguma novidade: desde os anos 1970 algumas denominações neopentecostais abraçaram esse monte de mentiras “bíblicas” e enriqueceram às custas de pessoas desesperadas, dispostas a dar o que não têm a igrejas e falsos pastores para que Deus supostamente as abençoe. Foi assim com muitas denominações que, enganando seus membros com essa doutrina de demônios, encheram o bolso de dinheiro, compraram canais de TV e estações de rádio, viraram impérios empresariais mundanos cuja única finalidade é o lucro. Seus líderes são tão despreparados biblicamente que alguns defendem o aborto e a masturbação e acusam irmãos em Cristo de estarem possessos. Tá me entendendo, sim ou não?

Mas nada disso é novidade. Programas seculares de TV nos anos 80 já denunciavam as práticas dessas “igrejas”. Só que um fato inesperado trouxe de novo essa teologia vinda do mais profundo do inferno novamente à boca dos cristãos. Aliás, dada a sua origem em religiões satânicas (mais à frente eu conto como surgiu essa “teologia”) tenho certa dificuldade de chamá-la de Teo (Deus) Logia (Estudo), costumo denominar mais de “demonologia” da prosperidade.

De certo modo  nós, que acreditamos professar o Cristianismo bíblico, já olhávamos para esses neopentecostais com um olhar meio “ah, eles são assim mesmo, deixe-os pra lá enganando o povo, vamos tocar aqui a nossa espiritualidade e largar esse turma, depois Deus acertará as contas com eles”. Ocorre que um fato estarrecedor e inesperado trouxe a Demonologia da Prosperidade de volta à luz do dia e das nossas conversas: um telepastor de uma denominação séria, da chamada primeira onda no pentecostalismo brasileiro, a Assembleia de Deus (onde aliás Jesus me converteu, que em sua maioria professa um Cristianismo barulhento mas totalmente bíblico e pela qual tenho um carinho enorme) parou de pregar a verdade e começou a proclamar essa doutrina espúria. E em vez de ficar no seu canto, enganando as ovelhinhas que suicidam-se espiritualmente ao acreditar em suas palavras, lançou-se numa cruzada para promover essa demonologia.

Anos atrás, como comprovam videos do youtube, esse senhor biblicamente desqualificava essa doutrina. Metia o sarrafo nela e a acusava de ser fruto de más intenções. Mas aí os anos foram se passando, sabe-se  lá o quê dentro do coração desse homem foi mudando e aos poucos Mamom foi empurrando Jesus para fora de seu programa de TV, de suas pregações, dos livros que publica… e a coisa foi ficando sombria. Herdou a igreja onde prega e criou uma denominação que está ganhando pelas posturas de seu líder ares de seita.

Quando menos se esperava sua editora lançou uma inacreditável Bíblia que tem como foco a “vitória financeira” – como se Jesus estivesse muito preocupado com esse assunto. Em seguida, importou dos Estados Unidos um pregador da Prosperidade, acusado de estelionato em seu país, mas que chamou de “profeta de Deus”. O cidadão prometeu a satânica “unção dos R$ 900”: quem doasse  esse montante ao dono do programa receberia, ele garantia – avalizado pelo próprio Criador do universo – uma grana do Alto. Consta que com o dinheiro dos que caíram nessa história o apresentador desse programa comprou um jato particular. Já os pobres coitados que deram seu suado dinheirinho para ele até hoje estão olhando para o céu esperando a tal unção descer – e vão continuar esperando até Jesus voltar e explicar a essas inocentes e crédulas almas que Ele não tinha nada a ver com aquilo.

Depois esse telepastor importou outro papa da Demonologia da Prosperidade (dono de uma bela voz, sejamos justos com o homem), que em seu programa de TV novamente lançou uma campanha para arrancar dos inocentes que acreditam no empresário que comanda o show… adivinha? Mais dinheiro. Só o que eu vi foi um pastor americano pedir dinheiro “para a obra do Evangelho”. Em português claro, isso significa dar um montante para a organização do dono daquele programa, o que ele chamou de “a causa de Cristo”. Em troca, o americano garantiu que os que “plantassem essa semente” teriam 12 meses de vida espetacular, que o filho desviado do doador voltaria a Jesus, que cada decisão que o doador tomasse seria vinda direta de Deus e que o doador não tomaria uma decisão errada sequer por 12 meses. Nessa linha.

Durante uma hora inteira não se falou absolutamente nada de vida eterna, de arrependimento de pecados, de discipulado, de crescimento espiritual, de regeneração, de justificação, de ser sal da terra e luz do mundo, da Cruz de Cristo, da ressurreição do Senhor, da glória de Deus, nada, nada, nada edificante. Incrível. Um programa que se apresenta como sendo “evangelístico”. E eu só pensava naqueles que vão tirar do seu suado dinheirinho, mandar para o já abastado dono do programa e… nada disso vai acontecer.

Claro que, como o empresário que comanda o programa sabe que pessoas que pensam e leem a Bíblia criticariam mais essa loucura, voltou a tentar desqualificar os críticos de promessas como essas repetindo seu mantra “criticos nao fazem nada por ninguém”, o que absolutamente não é verdade (leia o post Cristãos críticos que criticam cristãos críticos). Essa frase é um tremendo absurdo. Mesmo se não fosse, olha o contrassenso: o senhor que diz isso vive criticando outras pessoas (inclusive quem o critica). Chamando-as de “trouxa” e outras ofensas, como se pode conferir em vídeos que estão no Youtube. Recentemente criticou um sacerdote para quem quisesse ouvir. Ou seja: ele próprio é o maior dos críticos. A última desse telepastor foi chamar de “idiotas” os que são contra a Demonologia da Prosperidade. “Idiotas e trouxas”. Uau. Que belo exemplo de linguajar cristão.

As origens da Demonologia da Prosperidade

Mas deixe-me te contar como surgiu a Demonologia da Prosperidade. E o que você lerá aqui são fatos. E aqui estão as origens da doutrina que esse líder assembleiano vem pregando e ensinando:

Não sei se você sabe, mas na verdade a Teologia da Prosperidade teria tudo para ser muito mais ligada às religiões não-cristãs do que ao Cristianismo. Simplesmente porque suas raízes estão na Nova Era. Uso como base estudo feito pelo respeitado Pastor Elinaldo Renovato de Lima, da Assembleia de Deus de Parnamirim e escritor de comentários e lições bíblicas – que cita outros autores em seu artigo, publicado em detalhes AQUI, mas vou procurar resumir ao máximo.

Tudo começou com uma mulher chamada Mary Baker Eddy (foto à esquerda), fundadora do movimento herético de Nova Era chamado Ciência Cristã, que afirma que “a matéria e a doença não existem e que tudo depende da nossa mente”. Foi quando, nas décadas de 1930 e 1940, um pastor chamado Essek William Kenyon (foto à direita) passou a admirar os ensinamentos heréticos de Mary Baker Eddy, sabe-se lá por quê. Ele acabou fazendo uma grande salada religiosa, em que misturava as heresias de movimentos não-cristãos (como Ciência da Mente, Ciência Cristã e Novo Pensamento) com partes do Cristianismo, tornando-se assim pai do chamado “Movimento da Fé”.  Todas essas religiões afirmavam que, graças ao poder da mente, “tudo o que você pensar e disser se transformará em realidade”.É quando entra na história o homem que disseminou isso entre as igrejas cristãs: Kenneth Hagin.

Kenneth Hagin (foto à direita) conseguiu dar uma maquiagem cristã convincente às ideias satânicas de Kenyon. Discípulo dele, nasceu em 1918, nos Estados Unidos. Depois de ter sofrido com muitas doenças e de ter sido muito pobre, diz que se converteu “após ter ido três vezes ao inferno”. Aos 16 anos Kenneth Hagin afirmou ter recebido uma revelação e aí descobriu “que tudo se pode obter de Deus, desde que confesse em voz alta, nunca duvidando da obtenção da resposta, mesmo que as evidências indiquem o contrário”. Pronto. Com isso ele inventou a heresia da “Confissão Positiva” – aquela coisa de “eu declaro isso em nome de Jesus”, “eu tomo posse daquilo em nome de Jesus”, “eu decreto isso em nome de Jesus” etc que até hoje é um modismo disseminado como um câncer entre grande parte da Igreja.

O próximo ensinamento que Hagin herdou de Kenyon, que por sua vez herdou das religiões de Nova Era, é o das “promessas da doutrina da prosperidade”. Segundo essa doutrina, o cristão tem direito a saúde e riqueza, o que tornaria doença e pobreza “maldições da lei”.  Usando Gl 3.13,14, Kenneth Hagin diz que fomos libertos da maldição da lei, que seriam: pobreza, doença e morte espiritual. Ele tomou emprestadas as maldições de Dt 28 contra os israelitas que pecassem. Citando Pr. Elinaldo, “Hagin diz que os cristão sofrem doenças por causa da lei de Moisés”.

Depois que inventou seus absurdos, Hagin foi pastor de igrejas de diversas denominações até que fundou sua própria organização, o Instituto Bíblico Rhema. Uma curiosidade é que o inventor da Teologia da Prosperidade foi inclusive acusado de plágio, por ter escrito livros com total semelhança aos de seu mentor, Essek Kenyon. Sua explicação? “Não é plágio, recebi diretamente de Deus”. Tá me entendendo, sim ou não?

Pois é. Aí Kenneth Hagin começou a escrever um monte de livros, onde afirma, entre outras coisas, que “recebe revelações diretamente do Senhor” (Hagin, Compreendendo a Unção, p. 7).  E esse lixo teológico passou a ser devorado por legiões de pessoas, que começaram a propagar a Teologia da Prosperidade. Como seus argumentos trazem soluções imediatas aos problemas da vida, foi fácil arrebanhar multidões. Mas, se você analisar bem, a Confissão Positiva e a Teologia da Prosperidade tentam com suas práticas fazer Deus de escravo – afinal, por esse pensamento, se as pessoas “declaram pela fé”, “decretam em nome de Jesus” e coisa que o valha, o Onipotente e Soberano Criador do Universo não tem o que fazer a não ser obedecer suas criaturas como uma vaquinha de presépio. É só ter fé e vai chover dinheiro.

A coisa está feia

Essa é a verdade, meu irmão, minha irmã. Se você acredita nessa doutrina de demônios, pare hoje. Abandone essas práticas agora. E volte a professar o verdadeiro Evangelho de Jesus Cristo. Enquanto essas mentiras invadiam apenas rincões reconhecidamente neopentecostais, onde quem entra já sabe o que esperar, a gente até entende. Mas quando um representante de uma das mais tradicionais e bíblicas denominações do país, como a Assembleia de Deus, abraça esse pensamento de Nova Era, satânico, elaborado nas profundezas do inferno e começa a pregar aos quatro ventos, chamando de “trouxa” quem oferta por amor e de “idiota” quem se opõe a essa doutrina de demônios… é hora de levantar a bandeira vermelha. É sinal de que a coisa está feia. Feia e cheirando mal.

Mamom – que, em primeira análise, é Satanás – está conquistando adeptos. E eles seguem, achando que estão a serviço de Jesus. É hora de despertar e dizer NÃO a essas Demonologias infiltradas nas pregações e nos programas daqueles que, um dia, já serviram o Deus Altíssimo. Não assista a esses programas, meu irmão. Não doe dinheiro a essas organizações. Mantenha suas ofertas na sua igreja local. Quer doar? Apadrinhe uma criança pela Visão Mundial, uma organização cristã séria. E pare de acreditar em absurdos teológicos e bíblicos que são pregados em nome de Jesus. Por amor a Cristo e a sua própria alma. Afinal, o Jesus da Teologia da Prosperidade não é o Jesus da Bíblia. É um ídolo. E quem deposita sua fé em ídolos não tem a fé que salva. Então o que está em jogo aqui é mais do que o seu dinheiro: é o destino eterno da sua alma.

Paz a todos vocês que estão em Cristo.

.

Anúncios
comentários
  1. Alan Capriles disse:

    Glorifico a Deus por sua vida!

    Estou compartilhando seu excelente texto.

    Um forte abraço,
    na graça e paz do Senhor Jesus Cristo!

  2. Eliana disse:

    Glória a Deus por levantar vozes como a sua para advertir a igreja, irmão.
    Comparando o que esse telepastor pregava há anos atrás e o que prega hoje, fica claro como o coração do homem se corrompe fácil pelo amor ao dinheiro. E, devido à postura que tinha antigamente, muitos o consideram exemplo até hoje.
    Excelente texto. Parabéns. Vou indicar para outros.

    • Estou cansado de te agradecer pelas suas gentis palavras, Eliana, acho que vou passar a responder seus comentários com “O de sempre” rsrsrs.
      Obrigado, querida, compartilho da tua tristeza. Era alguém que servia de exemplo e perdeu-se pelo caminho.
      E obrigado pelo carinho…de sempre. Suas palavras são perenemente valiosas.
      Deus a abençoe e ao maridão.

  3. Jacy disse:

    Excelente texto, Maurício! Que Deus, através de suas palavras, possa alcançar muitas vidas e livrá-las da cegueira espiritual. Deus o abençoe.

  4. Caro Maurício….eu sei bem o que esta Demonologia faz. Já acreditei nesta falácia do inferno num período da minha vida cristã, mas Graças ao Senhor Jesus que nos ensina todas coisas pela sua Palavra, meus olhos foram abertos e pude reconhecer quão distante esta “teologia” está do Deus Verdadeiro e como se trata de doutrinas de demônios. Agradeço a Deus pela tua coragem de falar abertamente sobre esta praga que tem assolado a Igreja do nosso Deus. E creio que o Senhor está no controle de tudo e vai trazer luz aos que ainda estam com o entendimento encoberto para estas verdades. Como sei que o seu blog é muito lido, sugiro o livro do Pastor Paulo Romeiro – Super Crentes…trata deste tema de uma forma bem profunda, inclusive com esclarecimentos sobre as outras heresias defendidas por Hagin e seus seguidores.

    • Ana,
      obrigado pelas suas palavras.
      Fico feliz que Jesus te libertou dessa heresia.
      Não me elogie pela coragem, se nós não falarmos as pedras clamarão, não é? Se tratarmos o assunto sem ofensas e com a seriedade que ele merece, com argumentos sólidos e históricos, não há como rebaterem a verdade.
      Já li o livro do Romeiro, com quem já tive a oportunidade de conversar. É um homem de posições firmes e bem incisivo em suas palavras. A Igreja precisa de homens assim – dentro da ortodoxia e não da heresia.
      Deus te abençoe!

  5. Lucas Banzoli disse:

    Oi, Maurício, como vai?

    Parabéns por mais este texto seu, realmente a teologia da prosperidade é o maior veneno dentro do seio evangélico atual e vem se alastrando pelas igrejas do nosso país. Eu também vi um vídeo do pastor citado por você na época em que ele era contra a teologia da prosperidade. Chamava até de “babaca” essa teologia, e agora ele chama de “trouxa” aqueles que são CONTRA essa “teologia”…rsrs isso é um forte sinal de que ela tem que ser contida, com a máxima rapidez.

    Há algum tempo eu escrevi um artigo em meu site sobre essa doutrina antibíblica. É bem longo, mas com perseverança e “tomando posse do que está lendo” dá pra ler até o final…rsrs

    Se você se interessar, o link é esse:

    http://lucasbanzoli.no.comunidades.net/index.php?pagina=1085202133

    Eu fiz questão de mencionar umas dezenas de dezenas de passagens neotestamentárias, e por fim fiz um contraste entre o evangelho da cruz e a teologia da prosperidade. Tem também um excelente vídeo no final do John Piper sobre isso, vale a pena conferir. Eu sei que você é alguém bem ocupado e que provavelmente já sabe de tudo o que eu escrevi, mas creio que pode ser benção na sua vida assim como todos os seus artigos são bençãos na minha.

    Um grande abraço!!!

    • Oi, Lucas!
      Ocupado eu sou, mas para aprender nunca pode faltar tempo, não é?
      Deus criou as madrugadas pra isso rsrs.
      Obrigado, querido, lerei com prazer.
      Abraço forte, na paz do Mestre.

  6. Eloina Batista disse:

    Que o Senhor Jesus te abençoe por nos trazer textos tão esclarecedores.

  7. Petra Rani disse:

    Meu Irmao, Maravilhoso texto.. O maior ensinamento para todos nos cristao e a Biblia minha Fortaleza e meu ailmento diario. Eu louvo a Deus por vc!

    Muito Obrigado, por tanto aprendizado.

    Paz.

  8. Renata Gutierrez disse:

    Mauricio, parabéns pelo texto!!!
    Espero que nossos irmãos (inclusive eu) tenham o discernimento que você tem.
    Compartilharei o texto com todos meus amigos, para que sejam também abençoados como eu fui.
    Que Deus continue te abençoando!

  9. Lelê (Alessandra) disse:

    Maurício,
    Eu creio que depois desse texto tão esclarescedor que as pessoas não se deixarão mais enganar por esses falsos profetas!
    Pessoas essas que abusam da pessoa sem esclarescimento e que só visa o lucro na sua conta bancária.
    Disse há um tempo que em Mateus 12.36-37 – “Digo-vos que de toda palavra frívola que proferirem os homens, dela darão conta no Dia do Juízo; porque, pelas tuas palavras, serás justificado e, pelas tuas palavras, serás condenado.”

    A justiça de Deus chega e no tempo oportuno!
    Eu aprendi muito com este texto, eu não fazia ideia que tudo surgiu desse modo!

    Muito obrigada por esta aula!

    Carinho para família toda,
    Lelê

    • Lelê,
      quisera eu que um textinho meu mudasse os corações dos enganados.
      Infelizmente penso que depende de um milagre. Só a iluminação do ESto.
      Nós semeamos. Deus dá o crescimento. Lutemos pela verdade.
      Deus te abençoe.

  10. Mery disse:

    Mauricio,seu texto é brilhante,eu por algum tempo ,infelizmente decretei vitória financeira em minha vida e nada aconteceu ….eu que não trabalhe duro para ver se algo cai do céu,claro que Deus nos dá bençãos financeiras ,com nosso trabalho no dia a dia,a medida em que precisamos,mas não com essa imensidão que eles tanto pregam.
    Hoje pela misericórdia de Deus eu freqüento uma igreja séria ,que não faz conchavo com essas heresias ,e tenho tudo que preciso para viver bem e feliz

    • Mery,
      fico feliz que Jesus te libertou do engano e da mentira. Ore e pregue para aqueles que ainda estão lá.
      Eu conheci muitos. Cegos, idolatram essas pessoas. Ignorantes, não conhecem as Escrituras. Precisam de quem os guie e os instrua.
      Fico feliz pela tua vida.
      Deus a abençoe.

  11. Klelber disse:

    Pode-se considerar este texto a quinta-essência da apologética! Deus te abençoe.

  12. Adelson Couto disse:

    Mais uma vez eu digo: excepcional.
    Mas amado Maurício há um grande problema, é que as pessoas pensam que esse caminho é mais fácil (como você disse, essa demonologia está só ganhando adeptos), eu fico triste, pois as pessoas que estão andando lado a lado com essas idéias pensam que nós que somos errados (não que sejamos totalmente certo). Apenas parafraseando “eles tem medo de ler, pois se buscassem a verdade ela iria libertá-los”.
    Já escrevi sobre isso, mas não com todo esse conhecimento apresentado aqui. Essa postagem vai ser publicada no meu blog daqui uns dias.

    Agradeço a Deus ter encontrado esse blog.

    Somente a Deus Seja Toda Glória.

    • Adelson,
      obrigado pelas gentis palavras.
      Eu creio que nosso papel é proclamar a verdade. O resto é com o Espirito de Deus.
      Lamento pelos adeptos. Já ouvi alguns e são cegos, enganados. É uma pena.
      Choro por eles, choro pelos que acreditam nesses falsos profetas.
      Oremos, mano, porque o amor pelas riquezas e seduz muitos que um dia foram sinceros diante de Deus.
      Abraço forte, na paz do Mestre.

  13. Graça e paz Maurício.
    Logo no início da minha conversão eu tive acesso aos livros do Kenneth Hagin. O primeiro que eu li foi “O Nome de Jesus”, te confesso que fiquei impressionado. Daí foi uma febre, comprava tudo que era livro dele, mas havia um problema, eu ficava impressionado com o que ele falava, no entanto aquilo tudo não estava me fazendo bem. Foi quando eu li dois livros questionando o que ele falava aí meus olhos se abriram para os erros que ele ensinava. Num ato de fúria “santa” (rs), queimei todos os livros dele e não me arrependo nem um pouco. Deus abriu meus olhos através de pessoas sérias que viram o engodo que era essa teologia do inferno, por isso louvo a Deus por sua vida por está trazendo a tona esse tema que hoje virou uma epidemia na maioria das igrejas pentecostais e neopentecostais. Que esse post possa abençoar muitas pessoas e livrá-las dessa maldição.
    Fique na Paz!
    Pr. Silas Figueira

    PS: Eu tinha também o livro da Mary Baker Eddy.

  14. Marcelo Freitas disse:

    Fico triste quando vejo que Jesus já não é mais o suficiente para muitos, mano =\ A variedade de jesus’es que estão sendo pregados por aí é de dar nervos: jesus administrador, jesus empresário, jesus executivo, jesus corretor, jesus acionista e muitos outros mais. Basta ler as Escrituras para que pessoa nenhuma seja enganada com uma “pseudoverdade”. Isso é apenas o reflexo da ação de muitos (ou melhor, não-ação).

    O Jesus que eu sigo não tinha nem onde reclinar a cabeça, mesmo sendo o Dono de TODAS AS COISAS. No deserto, o babaca lá ofereceu algo pra Jesus que já é dEle (assim como ofereceu ao homem algo que ele já tem, que é a semelhança a Deus). Mas, mesmo assim, ele não aceitou. Afinal, o que é enaltecido pelo homem há de passar, e Ele não precisa de nada disso. Aceitar toda essa demonologia, como você diz, é a mesma coisa que aceitar o pedido de “se prostrado me adorares” e abraçar toda essa ferrugem (que, naquele Dia, há de dar testemunho contra os que vivem em função dela).

    Tá faltando gente pra falar que, pra Deus, a questão não é “estar” rico (condição momentânea), mas “ser” rico (em Espírito e eternamente). É ter como se não tivesse; ser como pobre, mas enriquecer a muitos; abandonar nosso coração em Cristo, fazendo dEle o nosso Tesouro; considerar-se pobre de espírito (humilde o suficiente pra nunca achar que já aprendeu o suficiente), por mais rico que pareça ser.

    Deus tenha misericórdia de quem ensina esse lixo, e muito mais dos que a aceitam.

    Abraço, meu irmão. Paz seja contigo e com os teus.

    nEle, que me faz rico de Si, e pobre pros homens.

  15. Katia disse:

    E disse-me: Filho do homem, vês tu o que eles estão fazendo? As grandes abominações que a casa de Israel faz aqui, para que me afaste do meu santuário? Mas ainda tornarás a ver maiores abominações. Então me disse: Entra, e vê as malignas abominações que eles fazem aqui.(…)
    E entrei, e olhei, e eis que toda a forma de répteis, e animais abomináveis, e de todos os ídolos da casa de Israel, estavam pintados na parede em todo o redor.
    E estavam em pé diante deles setenta homens dos anciãos da casa de Israel, e Jaazanias, filho de Safã, em pé, no meio deles, e cada um tinha na mão o seu incensário; e subia uma espessa nuvem de incenso.
    Ezequiel 8:6; 9-11
    É Maurício, as abominações tem crescido! Mas, louvado seja o Senhor que levanta vozes para clamar no deserto, alertando o povo para afastar-se de tais práticas e voltar-se para o único Deus. Oro para que você seja sustentado pelo Espírito Santo e que suas palavras ecoem nos corações trazendo mudança.
    Abraços.
    Em Jesus Cristo,
    Katia.

  16. Luiz Renato disse:

    Excelente texto, estou compartilhando-o pelo facebook, não só por ser extremamente esclarecedor, mas por, diferente da maioria dos textos que falam sobre o assunto, não citar o nome do pastor assembleiano. Quem sabe quem é vai se aprofundar no assunto; quem não, vai se prevenir sem achar que esses crentes são um monte de brigões que ficam atacando uns aos outros.
    Obrigado pelo texto.

    • Obrigado por suas palavras, Luiz.
      .
      Não cito nomes no APENAS. O importante, a meu ver, não é atacar este ou aquele, mas discutir ideias e conceitos.
      Isso é algo que parece que a igreja se esqueceu, infelizmente, pois agredimos uns aos outros.
      .
      A, B ou C passarão, os hereges irão para o inferno e a vida continuará. Já ideias são o problema, pois elas permanecem e se perpetuam, enganando as pessoas. Então que adianta ficar mencionando pessoas, não é? Elas estão nas mãos do Justo Juiz, minha preocupação é com as ovelhinhas do Senhor Jesus que esses tais enganam aos milhares.
      .
      Então, se ensinarmos as ideias e os conceitos bíblicos corretos às ovelhas, quando aparecer um lobo em pele de cordeiro (ou de pastor) elas saberão reconhecê-los e repudiá-los.
      .
      Obrigado pelo carinho.
      Deus o abençoe!

  17. Concordo em tudo com o que você apresentou e explicou. Quero apenas sugerir que observe, caso seja possível, as pregações (2ªs feiras às 22 horas) feitas na “AD – MÃE” em Belém do Pará e que são transmitidas pela Boas Novas. Esta semana ao final da pregação foi proclamado o Ano da Unção do Peixe. Houve todo um ritual muito bem elaborado que se iniciou explicando que os heróis da Bíblia normalmente ao se encontrarem com Deus não diziam “aleluia ou glória “, mas, erguiam um altar e ofereciam um sacrifício. A partir desse momento usou-se notas de R$2,00; R$20,00; R$50,00 e R$100,00 e os respectivos “bichos” que estão no verso das mesmas, para no final afirmar que aqueles que semearem R$100,00 estarão aptos a receber a Unção do Peixe.
    Confesso que fiquei estarrecido, pois, afinal tudo aconteceu na “AD MÃE.”
    Abraços.
    Fabio.

    • Fabio,
      .
      estou sem palavras.
      .
      Nunca tinha ouvido essa bobagem. Estão mesmo fazendo isso na AD? Meu Jesus…tem misericórdia dos teus pequenos…
      .
      Isso me deprime, mano.
      .
      Por outro lado, me incentiva a seguir proclamando a sã doutrina. Vamos em frente! O resto é com o Espirito de Deus!
      .
      Abraço forte e muita paz.

  18. Dayana disse:

    Ir.Maurício, como já comentei no twitt, mas direto no assunto, impossível! A mensagem da cruz tem sido usurpada dos púlpitos de diversas igrejas por essa doutrina antibíblica, q infelizmente, tem sido acolhida por muitos irmãos, por não tomarem o mesmo cuidado dos crentes de Bereia, q sempre conferiam o que lhes eram dito. Mas graças a Deus por aqueles que prezam pela sã doutrina e se tem colocado como vozes das verdades do Senhor. Continuemos na luta, paz amado.

  19. ronybrandao disse:

    cari mauricio,

    fico triste em ver o referido pastor não citado nominalmente no seu texto estar metido nessa falacia teológica da prosperidade, também me deixa triste ver as ovelhas que na busca dos interesses próprios caem nessas armadilhas.
    não podemos realmente nos calar diante dessas heresias!

  20. Merivan disse:

    Que Deus lhe de cada dia mais sabedoria para falar de assuntos os quais precisamos estar sempre atentos e que preguemos o evangelho do Jesus Salvador e Senhor que morreu na cruz por causa de toda a humanidade.

  21. Michelle disse:

    Convivo diariamente com pessoas que creem nessa “doutrina”, e a coisa é tão bem colocada que parece que nós estamos errados. Viver “pela lei”, como dizem, é algo absurdo e descabido. Consideram o jejum um sacrifício, mas se esperam algo de Deus se apressam em dar uma Oferta Ousada… “lei” e “ortodoxo” são palavroes. Que Deus nos ajude a vencer estes tempos maus, pois de onde se espera que hajam orientações vem heresia. E que Deus continue te abençoando,para nos abençoar.

    • É, Michelle, vc disse tudo: são tempos maus.
      E a Jesus já disse 2 mil anos atrás que nos últimos dias muitos creriam em doutrinas de demônios. Então…era previsto.
      Mas que sangra o coração…ah, isso não tem como negar.
      Deus a abençoe!

  22. KB disse:

    Eu digo nao pra essa ” Demonologia “. Lamento a conversao do tal pastor a ela. Muitos brasileiros cairam na do Morris pq nao sabem ingles e nao tem noticias da vida dele. Acho que boa parte do problema tambem esta na falha educacional do nosso pais. O povo nao sabe nem pesquisar, analisar, verificar a idoneidade da pessoa.

    O que mais entristece eh perceber que os que creem nesse absurdo criam algo em suas mentes e depois tentam de todas as formas pondera-las na Palavra. Complicado! Crer no que tah na Palavra do Senhor tornou-se dificil demais para muitos. Dogmas…

    Tem famosos no meio gospel brasileiro que estudaram no Rhema do Kenneth.

    Com certeza, muitos olhos ainda serao abertos. Seus textos tem ajudado.

    No amor de Jesus,
    Karina

    • Karina,
      sem duvida. Tanto que o nicho que o tal telepastor explora é, em sua grande maioria, de pessoas que não tiveram acesso a uma educação formal ou que não têm acesso a informações mais amplas. Vivem em bolhas. E isso que me entristece, pois enganam-se os pequeninos e as ovelhas desemparadas.
      Mas Jesus tá vendo. Um dia o juízo virá – e não vai ser mole não. Até lá, tentemos abrir os olhos do maior numero possivel de pessoas.
      Deus a abençoe!

  23. como sempre Deus te usando para abrir nossos olhos, tudo o que voce descreveu é certo, é fato!! um grande abraço e Deus te abençoe sempre.

  24. silvana Ferreira disse:

    olá Mauricio a paz do Senhor, Mauricio vendo como o Senhor tem te usado e usado com muita sabedoria, gostaria muito que voce abordasse o assunto ” uma vez salvo salvo para sempre,” e nos esclarecesse este tema , tem como voce falar sobre isso? desde já te agradeço, Deus te abençoe sempre, Silvana.

  25. Teresa Mesquita disse:

    Essa demonologia tem causado grande estrago na vida desse senhor. Ele anda perdido, atacando, agredindo verbalmente pastores e todos aqueles que são contra sua postura anti bíblica. Recentemente em uma entrevista chamou uma jornalista de vagabunda só porque ela falou em uma determinada revista sobre ele. Isso só faz com que o evangelho seja mais rejeitado ainda em nosso país.

    O evangelho no Brasil tem caminhado para os rumos da igreja de Laodiceia. Que muitos atalaias assim como você Zágari, possam continuar lutando contra essas heresias. Lutando o bom combate em Cristo. Alertando a muitos para não se contaminarem com doutrinas falsificadas como essa da prosperidade.

    Paz em Jesus..

    • Vc tem toda razão, Teresa. Falam de Jesus com os labios mas o Evangelho que pregam com o exemplo é o de Satanás.
      Deplorável.
      Obrigado pelas palavras gentis. Ore por mim, preciso muito!
      Deus a abençoe!

  26. Paz Zágari!

    Postagem esclarecedora.

    Eu não sabia que a origem da Teologia… ops, Demonologia da Prosperidade vinha da Nova Era.

    Nunca concordei com essa falácia, agora que soube de suas origens na Nova Era, piorou a situação.

    Infelizmente muitos cristãos acreditam, os quais creio que deveriam conhecer essa postagem em seu blog, quem sabe abrem os olhos.

    Um forte abraço guerreiro.

  27. Zulmira Borges disse:

    Oh mauricio, obrigada mesmo!!!
    Meu irmão, tenho mandado para todos meus contatos os seus post que recebo via email.
    Minha conversão se deu no final dos anos 80, em uma igreja tradicional, quatro anos depois, fui para uma igreja “renovada”, onde os líderes liam e incentivavam à toda igreja a lerem os livros do Kenneth Hagin, eu devorei todos os livros dele.Vinte anos se passaram, e até hoje não tenho carro zero, e nem a casa dos meus sonhos, apesar de não me faltar o necessário.
    Até hoje tenho que policiar minha mente, para não cair novamente nessa balela toda que vemos na tv, e em várias igrejas pelo Brasil afora.
    Eu sendo convertida sinto nauseas, quando ligo a tv, vendo esses pregadores, imagina então quem não conhece a Palavra? É vergonhoso ver como o sacrifício da cruz, foi trocado pelo sacrifício da maior e melhor oferta!

    • Zulmira,
      glorifique a Deus por vc ter sido liberta desses grilhões.
      Nunca abandone a sã doutrina. Esses pastores da Prosperidade ou estão enganados ou são espertalhões.
      Sendo um ou outro, que Deus tenha misericórdia de suas almas.
      Fico feliz que vc não lê mais a lixologia de Hagin. Se queimar os livros, melhor ainda.
      Deus a abençoe!

  28. Louvado seja Deus! Agradeçamos a Ele pela visão esclarecida que você, irmão Mauricio, tem acerca dessa maldita lixologia da prosperidade! Em mais 2000 anos de história, a Igreja no Senhor Jesus jamais focou o dinheiro. Nem mesmo João Calvino, que cria piamente que o cristão deve ir bem no trabalho. Mas ao mesmo tempo, dizia que o cristão deve viver sem glamour e luxo!
    Que Deus nos ajude!

  29. Walace Alves disse:

    Eita a coisa não ta facil em Zágari!

    Quando mais o tempo passa, mais sombrio ficakkk. Post muito esclarecedor, quando falamos de dinheiro a primeiro coisa que vem a mente é “é de Deus” ou vou semear tanto, quero ter muito dinheiro e blá, blá, blá. Antigamente dinheiro era visto como ajuda, em Atos, o que eles tinham eram depositadas aos pés dos apóstolos, para eles ajudarem AOS NECESSITADOS(ajudar um ao outro). Jesus disse aonde estiver o seu tesouro ali estará o Coração, que o Dinheiro é a raiz de todos os males, que não tem como servir a dois senhores. Não dizendo que todo cristão tem que ser pobre(de forma alguma), mas Jesus não PRIORIZOU o dinheiro, quando dizia, pra não se preocupar com a bebida, comida, vestimenta, porque os GENTIOS que se preocupavam com isso, pra marta disse que estava muito afadigado, ansiosa.

    Temos que ser como maria escolher a boa parte, estar com Cristo, DEPENDER SOMENTE DELE, pois assim abençoados ou não, ricos ou não, doentes ou não, isso ficará em segundo plano.

    Porque o primeiro sera louvar a Deus, pela sua misericórdia, pelo seu perdão, pelo seu amor, pelo o que Ele é, pelo seus cuidados, por Ele nos salvar, regenerar, mudar a nossa vida, nos fazer de novo da semente incorruptível. Glória a Deus.

    Que os nossos olhos estejam sempre abertos pelo Seu Espírito, pois vemos com o exemplo desse pastor, que podemos ser atraído por essa tentação. Que Deus tenha misericórdia!!!

    A Paz a todos! Que cresçamos cada vez mais no Espírito de sabedoria, e HUMILDADE diante do nosso Salvador e TODO-PODEROSO Jesus Cristo.

    • Sempre que penso em dinheiro, Walace, só me lembro do Sermão do Monte e dos ensinamentos de Jesus sobre os lírios do campo e as aves.
      Vamos partir desta vida nus, querido, sem um tostão no bolso. Choro por quem se esquece disso.
      Deus o abençoe.

  30. Vicente Neto disse:

    Paz, Maurício.

    É tudo verdade o que você falou, mas até um cristão que não teve tanta acesso a teologia mas tem um contato com a bíblia (leitura), principalmente com o novo testamento, ele verá que existem muita, muita, mas muita coisa errada nesses tele-evangelistas donos de empresas disfarçadas de igrejas.

    Maurício gostaria muito que você falasse da verdadeira prosperidade cristã, e falasse o como JESUS e os apóstolos davam ÊNFASE que a prioridade dos cristãos era pra ser A RIQUEZA ATEMPORAL … o reino de Deus…, em vez de coisas passageiras….
    isso é bem evidente. O EVANGELHO É MUITO MAIS DO QUE O MATERIAL… MUITO MAIS DO QUE O VISÍVEL….

    • Vicente,
      se vc me permite, eu recomendaria um livro de bolso bem baratinho (R$ 4,90) sobre a verdadeira prosperidade bíblica. Chama-se “Prosperidade”, de Walter McAlister, e creio que ali está bem explicado o que você perguntou. Acho desnecessário eu escrever sobre algo que esse livro já explica tão bem. Vc pode adquiri-lo inclusive pela Internet e mandam pelo correio: http://www.editoraannodomini.com.br/livraria/products.php?product=Prosperidade
      Ok? Espero que ajude e abençoe a vc e a quem se interessar pelo assunto.
      .
      Deus seja contigo!

  31. Vicente Neto disse:

    Também… hoje tem muitos megapastores e megaapostolos nacionais e internacionais que vão de gurus da riqueza a motivadores, outros usam bem a palavra de Deus outros distorcem…

    Mas enfim, eles pegam o que é verdade, coisas relativas a oração, afinal a oração é o principal meio da graça, e acabam introduzindo enfase extraordinária em bens materiais… e esquecem a filantropia, a imparcialidade, a valorização das coisas atemporais em Deus, a generosidade… coisas essas que não se separam na vida cristã!!!!

    A BÍBLIA PROVA

    No mesmo lugar que Jesus diz que tudo que se pedir no nome dele será feito, ele manda que amemos uns aos outros e guardássemos os seus mandamentos…

    JESUS que que sejamos seus ramos, ele é a videira, ELE foi um libertador, ajudou os necessitados, deu oportunidade aos sem esperança… LIBERTOU LIBERTOU… os cativos….

    DEVEMOS FAZER O MESMO…. Ele disse… fareis coisas maiores do eu…., por ELE iria para o PAI… e nós viveríamos em tempos e circunstâncias diferentes…

    Paulo falou que a PAZ…. nos guardaria das nossas preocupações…

    Jesus disse, buscai primeiro o reino….,

    Jesus disse que nos deixava SUA PAZ… que essa paz não era como o mundo…. não era essa felicidade que é ligada ao luxo, exagero, orgulho…, depravação….

    SIM ELE É PRÍNCIPE DA PAZ

  32. Lourayne Natiely disse:

    Maurício uma benção, esse texto como todos os outros, muito explicativo e nos deixa claro sobre essa doutrina de prosperidade, que fico muito triste em vê pastores, que deveriam ser exemplos, que deveriam pregar o verdadeiro evangelho, e ficam fazendo barganhas com Deus e me deixa mais triste ainda quando vejo pessoas fora da igreja que não conhecem a verdade e ficam generalizando e julgando todos os cristãos, e xingando de todos os nomes possíveis.
    Mas o que podemos fazer é clamar pela misericórdia de Deus e pedir que mais pessoas conheçam a verdade e saiam desse engano de teologia da prosperidade!
    Que Deus continue a te usar grandemente!
    Abraçoo!

    • Obrigado, Lourayne!
      Tem outra coisa que podemos fazer também: não dar ibope aos programas de TV das malas falhas que pregam essas doutrinas de demônios.
      Beijo grande e paz!

  33. […] A Demonologia da Prosperidade […]

  34. […] A Demonologia da Prosperidade […]

  35. Uassyr Ferreira disse:

    Tenho lido com admiração os seus textos. Sou seu colega e , também como advogado de uma dessas organizações neopentecostais (pouquissimo tempo)tenho algumas experiências interessantes para lhe contar.
    Se desejar saber, é só pedir. Continue firme.

  36. Soraia disse:

    A paz! aprendi muito com o texto.. infelizmente estava com duvidas sobre o assunto não que acreditasse q se doasse um certo valor pra uma igreja determinada estaria comprando um pedaço do céu como já ouvi, mas bem tenho ouvido muitas pregações que me desanimaram e muito, e cheguei até a me pergunta se tenho uma visão diferente e errada da palavra de Deus pois o Deus da minha bíblia não é o mesmo que muitos pastores que eu conheço e que tem muito mais sabedoria e experiencia que eu estão pregando. Com tudo infelizmente estou em um ministério a qual se ouve muito “tome posse da vitória ou pega a sua bença ai no ar” e pouco tome a sua cruz e siga-me. modestamente já estou cansada escrevo isso muito triste mesmo as pessoas estão em busca de uma recompensa material na terra e outras usam isso pra se gloriar como profeta profetizando carro,casas e dinheiro
    Que Deus abençoe sua vida! prazer em conhece-lo

    • Soraia, a paz!
      Fico feliz que o texto te edificou.
      Uma sugestão bem direta? Mude de igreja. Se na sua igreja estão ensinando isso, estão distantes da Biblia. E vc está percebendo isso, pelo que diz.
      Procure uma igreja bíblica, que não ensine essas heresias. Será melhor para tua alma.
      Deus te abençoe e ilumine!

  37. gustavohoft disse:

    Mauricio, cara, estou virando seu fã! rsrsrsrs Conheci um texto seu no Púlpito Cristão, no que você fala sobres os “Clichês”. Gostei tanto que o republiquei em meu blog: http://gustavo-hoft.blogspot.com.br/2012/05/cliches-os-erros-dos-cristaos-pos.html
    Nesse texto dos clichês, você cita esse texto da “Demonologia da Prosperidade”, e fiquei curioso, e fui lê-lo. Terei que republicar isso também rsrsrsrs. Claro, citando a fonte. Mas Mauricio, gostaria de te parabenizar, pois seus textos são muito edificantes e baseados na Palavra! É isso que falta muitas vezes em nossas igrejas, Palavra de Deus. Hoje, infelizmente, há uma banalização da revelação (não que eu não creia em revelação, creio porque é bíblico) mas há uma banalização. Glorifico a Deus por poder ler textos como esses. e glorifico a Deus pela sua vida, irmão Mauricio! Que Deus possa continuar te usando como ferramenta para desmascarar certas doutrinas. God bless!

  38. Roger disse:

    (PALAVRÃO CENSURADO PORQUE ESTE É UM BLOG PARA PESSOAS COM EDUCAÇÃO), fala sério…. Na boa, nao perde mais tempo escrevendo um texto desses nao…

  39. vanusa disse:

    Gostei muitíssimo do seu texto, é incrível mas eu já havia até sonhado com esse pastor uns anos atrás…Sonhei duas vezes e nessa época ele ainda não estava “contaminado” por essa teologia..No meu primeiro sonho era meio que apocalíptico, como se Jesus teria vindo e ficaram alguns cristãos no mundo e ele junto com sua esposa estivessem ficado para trás..e eles precisavam atravessar um rio e levar só alguns pertences e ele não queria deixar uma montanha de dinheiro que estava dentro de um saco gigantesco que quase fazia o barco afundar de tão pesado que era . Quando o barco parou no porto, ele não conseguiu desembarcar com esse saco gigantesco, porque ninguém conseguiu desembarcar, e sua esposa pediu pra que ele abandona-se mas ele não quis, preferiu ficar dentro do barco do que deixar o dinheiro para trás..E isso acabou fazendo ele voltar para onde estava tendo muitas guerras.fiquei atônita com esse sonho, porque nessa época, não se ouvia falar muito dele.
    O outro sonho que tive é que ele teria ficado louco e que ninguém conseguia entende-lo, pois não dizia nada que se pudesse entender, é triste e lamentável, mas me parece que meu sonho está se tornando realidade.
    Muito obrigada Maurício Zágari! seu site é muito edificante e esclarecedor, que o Senhor te abençoe e te capacite cada vez mais para dar continuidade a seu trabalho.

    • Olá, Vanusa,
      que sonhos, hein! Oremos a Deus que não venham a se realizar e que todas as pessoas enredadas na mentira da prosperidade sejam libertas e salvas pelo Senhor.
      Deus a abençoe muito!

  40. […] 4. A Demonologia da Prosperidade […]

  41. […] A Demonologia da Prosperidade […]

  42. Amadeu disse:

    Boa noite amado Maurício!
    Tenho pedido insistentemente nas minhas orações para que o SENHOR Jesus me tirasse todo o engano, e após ler sua postagem agradecí ao SENHOR pela resposta que eu esperava. Já passei por três igrejas, sem mencionar as visitas feitas em outras tais. E devido a sinceridade ao falar com Deus, sentí falta da pregação do reino de Deus nestas igrejas. Então, continuei frequentando a mesma igreja, achando que eu estava equivocado. Mas meu coração insistia em ter fome e sede dos ensinamentos de cristo. Depois disso, passei a orar ao SENHOR pedindo para Jesus tirar-me o engano e hipocrisia, e hoje o SENHOR me respondeu através de você meu querido irmão na fé. Que Deus continue abençoando você e sua família. Muito obrigado pela revelação. Abraço

    • Amadeu,
      meu coração se alegra ao ler suas palavras. Fico feliz por ter abençoado sua vida.
      Minha sugestão é que você procure uma igreja tradicional, como Batista, Metodista ou Presbiteriana, que dão mais ênfase à Palavra do que a dinheiro ou poluições doutrinárias. Será bom para sua vida neste momento se “desintoxicar” um pouco de ensinos espúrios.
      Deus o abençoe muito.

  43. Alcivando Brito Costa disse:

    Boa noite Maurício!
    Sou católico. Nasci e foi batizado nesta Igreja. Tenho 59 anos.
    Fico imensamente feliz em encontrar um jovem como você publicando texto tão esclarecedor como este acima. O Brasil se tornou um celeiro muito fértil de igrejas pentecostais e neo pentecostais. Uma verdadeira febre que não para de alastrar em todo o território brasileiro. Me dê a licença de oferecer uma explicação. As igrejas protestantes se dividem em três ramificações: As tradicionais, as pentecostais e as neo-pentecostais. As tradicionais compreendem principalmente as chamadas “igrejas históricas” que se originaram na Reforma Protestante ou bem próxima dela. Estas igrejas neo pentecostais são oriundas do pentecostalismo originais ou mesmo de igrejas tradicionais.

    Igrejas tradicionais ou histórica: LUTERANA fundada por Matinho Lutero (1524), PRESBITERIANA fundada por João Calvino (1517), ANGLICANA fundada pelo rei da Inglaterra Henrique VIII (1558), BATISTA fundada por John Smith (1609) e METODISTA fundada por John Wesley). Principais

    Igrejas Pentecostais do Brasil: ASSEMBLÉIA DE DEUS fundada pelos missionários suecos Daniel Berg e Gunnar Vinngren (1911) é a principal expoente do pentecostalismo no Brasil. IGREJA DO EVANGELHO QUADRANGULAR fundada por Louis Francescon (1910), O BRASIL PARA CRISTO fundada por Manoel de Melo (1955), DEUS É AMOR fundada oir Davi M. Miranda (1962).

    Igrejas Neo pentecostais: UNIVERSAL DO REINO DE DEUS fundada por Edir Macedo (1977), IGREJA INTERNACIONAL DA GRAÇA DE DEUS fundada por Romiro R. Soares (1980). SARA NOSSA TERRA fundada por Robson Rodovalho (1980), RENASCER EM CRISTO fundada por Estevam Hernandez (1986).

    Das primeiras Comunidades Cristãs até o século XVI (1517) o que aconteceu neste longo período?
    Me envie algo sobre a Igreja Católica Apostólica Romana e da Igreja Católica Ortodoxa. O que aconteceu nestes séculos com a Igreja de Cristo.

    ” Os reinos e os impérios desmontaram; os povos que a glória de seus nomes assim como civilização os havia tornado célebres, desaparecera. Viram-se nações que, atingidas pela decrepitude, se desagregaram por si mesmas. a Igreja, porém, é imortal por natureza, jamais o laço que a une ao seu celeste Esposo se romperá e, em consequência, a velhice não pode atingi-la; ela permanece exuberante da juventude, sempre transbordante dessa força com a qual ela nasceu do coração transpassado se Cristo morto sobre a Cruz”. (São Pio X).

    • Olá, Alcivando,
      .
      muito obrigado por suas palavras e sua valiosa contribuição.
      .
      Não sou tão jovem como seu olhar bondoso faz parecer, já caminho para os 41 anos. Se você desejar ter um panorama histórico bem amplo sobre a História da Igreja de Cristo, o livro “Cristianismo através dos séculos”, de Cairns, para mim é um dos melhores.
      .
      De fato concordo com Giuseppe Sarto (Pio X) quando ele diz que a Igreja é imortal e que os laços que a unem a Jesus são indestrutíveis. Essa é nossa esperança. E isso só ocorre porque a verdadeira Igreja é formada por indivíduos das mais variadas tradições cristãs, seja católica romana, seja ortodoxa, seja protestante, seja adenominacional. Se formos lembrar de todas as divisões ocorridas dentro da Igreja de Cristo pré-Reforma nos assustamos. É o caso da separação de Roma e Constantinopla, que separou a Igreja de então em Católica Romana e Ortodoxa. Ou os nestorianos que inundaram o Oriente pré-islãmico. Ou os coptas do Egito – e tantas outras. Quando o papa excomunga Lutero e o empurra para fora do catolicismo por repudiar a Reforma, mal sabia o líder máximo da igreja romana que estava criando uma nova tradição (é curioso isso, não é, pois muitos acham que Lutero rompeu com Roma, quando na verdade ele queria consertar os desmandos da época, como as indulgências, ele nunca quis criar uma nova linha cristã. Mas Leão X o expulsou, lamentavelmente, da instituição romana).
      .
      E mesmo após a Reforma, quantas não foram as divisões dentro da Igreja Romana: Igreja Católica Apostólica Brasileira, Movimento Católico Independente, Velha Igreja Católica, Igreja Católica Oriental, Igreja Católica Copta, Igreja Católica Carismática, Igreja Católica Conservadora do Brasil, Igreja Anglicana Missionária do Redentor, Igreja Apostólica Episcopal, Igreja Católica – Padres Clementinos, Igreja Católica Apostólica Carismática, Igreja Católica Apostólica Cristã, Igreja Católica Apostólica de Jerusalém, Igreja Católica Apostólica Ecumênica Contemporânea, Igreja Católica Apostólica Livre do Brasil, Igreja Católica Apostólica Missionária de Evangelização, Igreja Católica Apostólica Nacional, Igreja Católica Apostólica Nordestina, Igreja Católica Apostólica Tributária, Igreja Católica da Primeira Ordem, Igreja Católica Ecumênica, Igreja Católica Ecumênica do Brasil, Igreja Católica Ecumênica Renovada, Igreja Católica e Apostólica Reunida no Brasil – SP, Igreja Episcopal Latina do Brasil, Santa Igreja Velha Católica e tantas outras.
      .
      Então concordo com você que é de se lamentar a falta de unidade da Igreja formada pelo conjunto dos indivíduos salvos por Jesus, espalhados por tantas diferentes tradições cristãs. E, nesse sentido, sem um monopólio de uma única tradição. Imagine na época em que houve vários papas simultaneamente, que confusão seria se cressemos nisso. Por cinco ocasiões, vale lembrar, a igreja romana teve dois e até três papas ao mesmo tempo (os chamados antipapas). A confusão geralmente acontecia por rixas na disputa da sucessão do pontificado. Foi assim em 418, quando Eulálio tentou tirar o trono de Bonifácio I. Em 687, os dois adversários, Paschal e Teodoro, levaram a pior. Não conseguiam obter o consenso do clero: foram substituídos por Sérgio I, um papa mais moderado. O período de maior confusão foi no século 14, depois que Clemente V mudou a sede da Igreja para Avignon, na França. A mudança resultou em quatro décadas do cisma da Igreja, quando as duas sedes, em Avignon e Roma, afirmavam abrigar um papa. A rixa foi resolvida em 1409, com a escolha de um terceiro pontífice, Alexandre V, no Concílio de Pisa.
      .
      Enfim, é reconfortante saber que a verdadeira Igreja de Cristo não tem rótulo. Se distingue por aqueles que têm seus nomes escritos no livro da vida, que tiveram suas vestes lavadas no sangue do Cordeiro e foram salvos pela graça e pela graça somente.
      .
      Deus te abençoe muito, Alcivando,
      mz

  44. Alcivando B. Costa disse:

    Caro, Mauricio.
    Boa tarde!
    “Conta-se que Napoleão o vencedor de tanta batalhas, após ter mantido o Papa Pio VII prisioneiro em Fontainebleu por longo tempo, queria tomar a Igreja Católica sob a sua tutela para assim alcançar a hegemonia total na Europa. com isso em mente, redigiu uma Concordada que entregou ao Secretário de Estado, o Cardeal Consalvi. O imperador disse ao cardeal que voltaria no dia seguinte e que queria o documento assinado.
    Depois de ler a Concordata, Consali informou Sua Santidade de que assinar o documento equivaleria a vender a Igreja ao Imperador da França e, por conseguinte, implorou que não assinaste. Quando Napoleão voltou, o cardeal informou que o documento não havia sidi assinado. O imperador começou então a usar dos seus conhecidos estratagemas: a intimidação. Teve uma explosão de raiva e gritou: “Se este documento não for assinado, eu destruirei a Igreja Católica Romana”. Ao que Consalvi calmamente replicou: “Majestade, se os papas, cardeais, bispos e padres não conseguiram destruir a Igreja em dezenove séculos, como Vossa Alteza espera consegui-lo durante os anos da sua vida?” Consali deixa claro que embora existam inumeráveis pecadores no seu seio, também em posições de Governo, a Igreja conseguiu subsistir por ser a Esposa Imaculada de Cristo, santa e protegida pelo Espirito Santo.”
    Sobre as indulgência; Movido pelo amor e pelo empenho em prol do esclarecimento da verdade discutir-se-á em Wittemberg, sob a presidência do Rev. padre Martinho Lutero, o que segue. Aqueles que não puderam esta presentes para tratarem o assunto verbalmente conosco o poderão fazer por escrito.

    Duas das 95 teses a respeito das indulgências: Tese – 91 : “Se, as indulgências fossem pregadas em conformidade com o espírito e a opinião do Papa, todas essas objeções poderiam ser facilmente respondidas e nem mesmo teriam surgido.”
    Tese – 71 : “Seja excomungado e amaldiçoado quem falar contra as verdades das indulgências apostólicas”.

    “Igreja Católica nunca vendeu indulgência, Lutero rebelou-se incitado por príncipes devassos alemães. O Papa levou dois anos o convidando amigavelmente a comparecer a Roma para reconciliar-se. Escreveu o Papa: “…volte e se afaste de seus erros. Nós o recebemos bondosamente como filho pródigo retornando ao abraço da Igreja.” (Bula: Exsurge Domine, Leão X – 15/6/1520).Lutero recusou, fazia arruaças queimando as bulas, até ser excomungado.

    “A Igreja deve ser julgada com base naqueles que vivem os seus ensinamentos, não naqueles que os traem.”(Alice von Hildebrand. Professora emérita de filosofia do Hunter College da City University de New York).

    Percebo o seu fervor em busca da verdade e mais ainda o amor pela Igreja de Cristo.
    Mauricio, que Deus nos abençoe, nos guarde e nos conduza sempre no caminho da Verdade.

    • Olá, meu irmão, sim, é a Verdade quem me norteia.

      Conheço bem as posições romanas, como estudante que fui do Colégio de São Bento, da ordem beneditina. O que, aliás, foi o que me fez abandonar o catolicismo e seguir Cristo pela Igreja protestante.
      .
      Naturalmente a história, de um lado e de outro, sempre é contada segundo os interesses de quem a conta. Mas é fato histórico que, por exemplo, foi a venda de indulgencias a maior fonte de financiamento da construção da basílica de São Pedro. E também que os convites do papa a Lutero não foram tão amigáveis assim. Tanto que ele se referiu ao monge como um “alemão bêbado que escrevera as teses”, e afirmando que “quando estiver sóbrio mudará de opinião”. Nada amigável, concorda?
      .
      A questão maior creio que é a ideia de que a instituição romana é a única verdadeira, quando vemos que a salvação é pela graça de Deus, mediante a fé em Cristo. E isso qualquer cristão, de qualquer tradição, pode receber, graças a Deus. Monopolizar a fé sob os auspícios de Roma (e ainda mais de pessoas tão imperfeitas como os papas) é subestimar o Evangelho puro e simples de Jesus. A Igreja indestrutível de Cristo é formada de pessoas das mais variadas tradições cristãs, mas uma instituição um dia pode acabar.
      .
      A meu ver importa que o cristão viva seu relacionamento com Jesus na igreja em que encontra-lo (e nunca nos esqueçamos que onde dois ou três estiverem reunidos em seu nome, ele ali estará, a despeito de rótulos denominacionais), mesmo que seja em uma das inúmeras ramificações do catolicismo romano, das quais a igreja liderada por Ratzinger é apenas uma de muitas expressões.
      .
      Deus o abençoe muito, meu irmão, com sua graça salvífica e a justificação que vem pela fé. A paz,
      mz

  45. Alcivando B. Costa disse:

    Caro, Mauricio
    Meu querido irmão em Cristo o Nosso Senhor.
    A verdadeira Igreja de Jesus Cristo está cercada do lobos e infelizmente muitos conseguiram entrar e fazer grandes estragos no seu interior, mas a Igreja não perece, pois Jesus Cristo garantiu ” que as portas dos infernos não prevalecerão contra ela.”
    Concordo plenamente com você, quando afirma que uma instituição um dia pode acabar, mas lembre meu caro amigo, que a Igreja de Cristo não é meramente uma instituição humana , ela vai muito além disso, a Igreja de Jesus Cristo é uma Instituição Divina, ela jamais poderá acabar. Ela não deve está sobrevivendo em ramalhos, espalhadas ou divididas em várias denominações. Se sairmos por ai procurando a Igreja de Jesus Cristo em instituição humana, não vou ficar em nem uma, pois estão cheias de falhas e abusos, escândalos e dos mais terríveis pecados.
    E eu te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a minha Igreja. (Mt 16,18-19). Jesus edificou somente uma Igreja e essa Igreja deve ser escrita com letra maiúscula. As outras igrejas fundada por homens são escritas com letra minúscula. Aperar de papas, de bispos e padres a Igreja viverá. Muito crentes no fim dos tempos vão migrar para esta Igreja, e muitos crentes que se intitulam verdadeiros seguidores de Jesus e que estão nesta Igreja vão perder a sua coroa.
    “Todavia, se eu tardar, quero que saibas como deves portar-te na casa de Deus, que é a Igreja de Deus vivo, coluna e sustentáculo da verdade.” (ITim 3,15).
    Caro irmão, despeço-me na paz do Senhor Jesus. Desejo que você continue firme em sua vocação e sempre disposto a conhecer mais sobre a doutrina da Igreja.

    • Mano, me despeço concordando: foi sobre “esta pedra”, ou seja, Jesus Cristo, que a Igreja foi erigida. A “petra” e nao o “petros”. Não sobre homens, não sobre instituições: sobre o Senhor. Igreja é o conjunto de todos os salvos e não uma organização. A Igreja Romana passará, a Batista, a Presbiteriana, a Ortodoxa e todas as demais. Ficarão os que creram em Jesus como Salvador pessoal mediante a graça do Senhor.
      .
      Respeito a opinião dos católicos, mas confesso que me causa espécie alguém supor que esta ou aquela instituição humana detém o monopólio da graça de Deus. É o que os homens dizem. Mas não é, pelo menos, o que a Bíblia diz.
      .
      Enfim, o romanismo é questionado desde que Gregório o fundou, então não seria agora que resolveríamos isso, não é? Portanto sigamos na paz dAquele que salva quem nele crê e segue a despeito de denominação: Jesus de Nazaré.
      .
      Um abraço, mano, nessa graça que nos justifica e nesse amor que nos une,
      mz

  46. Alcivando B. Costa disse:

    Mauricio,
    Boa Noite!
    Foi um grande prazer ter dialogado com você estes dias. Sinto que algo grandioso vai acontecer entre os cristãos que perseverarem na fé.
    Por fim, rogo a Deus que nos dê sabedoria para captarmos bem o que o Espírito Santo tem a nos revelar.
    Um fraterno abraço, meu irmão.
    A Paz do Senhor Jesus Cristo.

  47. Lucas disse:

    Mauricio, olá.

    Esse texto me deixou muito triste. Explico.
    No começo de 2012 quando eu estava prestes a me converter, estava assistindo alguns videos do John Piper no Youtube e vi um que ele expoe a sua opinião contra essa demonologia. Inclusive assisti o video do pastor citado no texto, quando ele ainda usava bigode e estava criticando a lixologia aí. Concordei plenamente com o video e antes de me decidir por qual igreja me aliançar, saber se ela era adepta ou não dessa demonologia era um dos pontos que eu estava observando. Pois bem, a igreja que eu melhor me adaptei não parecia ser adepta da tal demonologia e eu acabei me batizando e me tornei membro da mesma e isso esta pra completar um ano, um ano de muito paz e alegria graças ao nosso Senhor Jesus Cristo. Mas lendo esse texto agora, percebo que embora a igreja não seja adepta declarada, algumas caracteristicas da tal “teologia” estão inseridas nos cultos, não tão na cara como os pastores citados no post, muito moderado, mas existe e isso me deixou muito triste. Triste principalmente porque onde eu moro, numa cidade do interior de SP, dificilmente eu vou encontrar uma igreja pentecostal em que eu possa confiar.
    Mauricio, acredito que voce deve ser bastante atarefado, mas se puder me enviar um email pra eu trocar uma ideia rapida com voce a esse respeito, serei imensamente agradecido. Mas se não for possível, eu entenderei.
    De qualquer forma, minha fé em Deus só vai aumentar com tudo isso e não será abalada, mas eu confesso que não estou nem conseguindo raciocinar direito. Me falta discernimento nesse momento.

    Graça e paz.

    • Olá, Lucas,
      .
      fico triste pela sua situação e oro a Deus que tudo se resolva em seu coração, mano.
      .
      Infelizmente a verdade é a verdade. Se você conseguir separar as coisas e evitar praticar os descalabros dessa Demonologia talvez consiga permanecer na sua igreja, ajudando a transmitir a verdade para os irmãos e, quem sabe, até os pastores. É uma situação difícil, mas que bom que pelo menos você conseguiu identificar as crenças e praticas espúrias na sua congregação.
      .
      Oro por ti, mano. Um abraço carinhoso, no amor de Cristo,
      mz

  48. moiseslima disse:

    Essa semana no youtube esta circulando a entrevista do silas em de frente com gaby ( https://www.youtube.com/watch?v=Myb0yUHdi14 ), e muitos irmãos espalhados pela internet (facebook) estão defendendo esse pastor que declarou abertamente ser pregador dessa (satânica) demologia da prosperidade .

    Zágari fiz uma coletânea de 3 artigos seu a saber:

    1 – Por que idolatro pastores e artistas gospel;
    2 – A Demonologia da Prosperidade;
    3 – É possível viver longe da Teologia da Prosperidade

    além de um áudio do Ed René Kivitz com o título: Unção 900 reais

    e joguei no meu facebook para tentar esclarecer aos meus amigos, evagélicos, católicos, kardescistas e outras religiões, que nós que tentamos viver a luz da vida de Jesus o Cristo de Deus e seus ensinamentos (evangelho de Cristo), não concordamos com essa babel chamada Igreja Evangélica Brasileira.

    Deus nos abençoe.

    como diz o Zágari

    Paz a todos vocês que estão em Cristo.

    MoisésLima

  49. Danila disse:

    Olá Maurício,
    Meu irmão tô passada! Ainda não tinha visto este post no meio dos outros.
    Já desconfiava que confissão positiva tinha alguma coisa a ver com poder da mente, e mais pasma estou agora pois ultimamente meu pastor tem pregado sobre o poder da mente,pensamento positivo,fez até umas reuniões durante uma semana para falar sobre como conseguir bençãos assim.Não participei e depois dos cultos comentava com meu marido e minha filha de 12 anos que já questiona pregações porque assim a orientamos para que somente o que estiver de acordo com a palavra de Deus seja guardado e praticado.
    Realmente essa demonologia tem entrado sorrateiramente,e olha que a minha denominação é tradicional até o pescoço,mas meu pastor ensina o que ele acha que está certo,não se atrelando mto à denominação.Ele não visa lucro,mas quer que os irmãos alcancem mta saúde,bençãos financeiras,enfim,que comam o melhor dessa terra usando a mente, o pensamento positivo e palavras proféticas pra isso nas promessas da Bíblia. Comecei a desconfiar qdo ele trazia os seus pensamentos e buscava na bíblia textos que embasavam a sua fala,e não a Palavra vindo primeiro,em primeiro plano.Creio que ele não quer explorar a igreja não,mas que realmente crê que a mente tem que trabalhar para alcançar bençãos, mas como vce bem disse,a nossa alma pode estar em jogo.
    Que Deus continue te abençoando mto meu irmão.
    Danila.

  50. Katharinne Viggiato disse:

    Olá, Maurício

    Primeiramente, tenho sido extremamente edificada com os seus posts. Eles são ricos em informações importantes, e, o principal, fundamentados nas Escrituras. Deus te abençoe!

    Mas, gostaria que me esclarecesse algo a respeito desse post sobre a Teologia da Prosperidade. Quando você fala a respeito da Confissão Positiva, você a toma como algo errado/demoníaco? Pois me parece que algo ficou contraditório, pelo menos em minha leitura. Você inicia o post ressaltando: “Tome posse do que está lendo, decrete a vitória, declare em nome de Jesus que “conhecereis a Verdade e a Verdade vos libertará” e vá adiante”.

    E no desenvolvimento ilustra aquilo que consistiria a Confissão Positivista (o que me faz crer que seria uma conduta indevida): “Com isso ele inventou a heresia da “Confissão Positiva” – aquela coisa de “eu declaro isso em nome de Jesus”, “eu tomo posse daquilo em nome de Jesus”, “eu decreto isso em nome de Jesus” etc que até hoje é um modismo disseminado como um câncer entre grande parte da Igreja.”

    Diante disso, há, então, maneiras “corretas” de se utilizar estes “termos” (como a forma que você relata no início do texto, por exemplo), e, talvez, formas erradas?

    Espero que tenha compreendido a minha dúvida.
    Obrigada,
    Deus te abençoe

    • Olá, Katharinne,
      .
      sim, a doutrina da Confissão Positiva é uma heresia. Pois dá ao homem a ideia de que pode mandar em Deus. De que pelo poder de suas palavras, desde que se cumpram certos critérios, qualquer coisa pode ocorrer. Em sua origem, essa doutrina é anticristã. Em sua pratica, é antibíblica. É uma aberração surgida recentemente na historia da Igreja e que contraria dois mil anos de fé cristã.
      .
      O uso das expressões típicas desse movimento no texto do post foi uma brincadeira. Uma forma de assinalar o que os adeptos dessa ideologia apócrifa costumam dizer e crer. Não há contradição, apenas lancei o recurso de figuras de linguagem para destacar a argumentação. Espero que tenha ficado claro.
      .
      Um abraço carinhoso pra ti, no amor do Senhor,
      mz

      • Katharinne Viggiato disse:

        Oi, Maurício

        Muito obrigada. Pensei na possibilidade de ser uma brincadeira, mas como meu marido teve a mesma dúvida, resolvemos esclarecer.

        Um grande abraço,
        Deus te abençoe!!

  51. […] na Bíblia. Sobre a falsa prosperidade, um amigo escreveu um posto legal que é  “A Demonologia da Prosperidade“, que trata da Teologia da Prosperidade a fundo. E para quem me pergunta sobre qual é a […]

  52. […] de forma muito bem alicerçada na Bíblia. Sobre a falsa prosperidade, escrevi o post “A Demonologia da Prosperidade“, que trata da Teologia da Prosperidade a fundo. E para quem me pergunta sobre qual é a […]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s