Vivemos na era do cristianismo de massa. Boas igrejas são as enormes. As com milhares de membros. A celebrada congregação do Pr. David Yonggi Cho, na Coreia do Sul, é tão monumental que quem se senta nos lugares mais altos tem à disposição televisores individuais  para enxergar o pregador. Vivemos a era dos grandes eventos evangelísticos, dos enormes shows na praia de Copacabana, da separação pastor-na-plataforma/membro-na-plateia. É um cristianismo externamente vibrante e ululante mas internamente vazio e frágil. Essa é nossa era. Um pastor é considerado “bom” se a congregação dele cresce a cada dia em número de membros – e ele é tão “bom” que nem conhece o nome de seu gigantesco rebanho. O pastor que cuida de perto das ovelhas, as visita, sabe o nome de seus filhos mas não gera um crescimento numérico recebe a ordem de retornar à sede, pois “não está sabendo fazer o trabalho”. Ou “não tem ministério”. Ou “não tem unção”. Em resumo, não é “bom”. Essa é a nossa era. Mas… quero lhe fazer um convite. Vamos viajar a uma outra era e analisá-la em comparação com a nossa.

O ano é cerca de 57 d.C. Um pregador escreve uma carta para uma igreja da qual é mentor. Seu nome é Paulo de Tarso. Um homem do mais elevado grau dentro da hierarquia eclesiástica da época, apóstolo, doutor da lei, chamado pessoalmente pelo Senhor, alguém que conversou de boca com o próprio Jesus, eleito entre milhares para ser arrebatado ao céu e ver coisas inefáveis. Um indivíduo que tinha tudo para subir no salto alto, exigir ser chamado de mil adjetivos alimentadores de vaidade, entrar pela porta dos fundos para não sofrer o assédio dos membros e olhar para a massa como… a massa – um amontoado de rostos sem nome. E para que saber seus nomes, não é? O que importa é subir no púlpito, pregar e descer do púlpito pela portinha lateral. Importante demais para se misturar, que isso fique ao cargo dos auxiliares.

A carta que ele escreve vai para a igreja de Roma. Se fosse hoje, não seria uma carta, mas uma transmissão pela TV, um editorial na revista da denominação, um devocional matinal na rádio de propriedade da igreja. Seria dirigida aos “irmãos e irmãs” ou a “meu amigo, minha amiga”. Mas naquela época não havia essa tecnologia. Só havia cartas. É de se supor, pela mentalidade de nossa era, que o grande apóstolo Paulo escreveu então para o líder máximo da igreja romana, seja ele o pastor, o bispo, o presbítero. Será?

Te convido para analisar Romanos 16, o último capítulo da epístola. Vamos ver como aquele importante homem de Deus tratou as massas sem nome da igreja Romana:

“Recomendo-vos a nossa irmã Febe, que está servindo à igreja de Cencréia, para que a recebais no Senhor como convém aos santos e a ajudeis em tudo que de vós vier a precisar; porque tem sido protetora de muitos e de mim inclusive”. Hmmm, nada mal, Febe deve ser uma alta dignatária da igreja romana, para merecer ter seu nome mencionado por tão reverendo homem. Prossigamos:

“Saudai Priscila e Áqüila, meus cooperadores em Cristo Jesus, os quais pela minha vida arriscaram a sua própria cabeça; e isto lhes agradeço, não somente eu, mas também todas as igrejas dos gentios”. Mais dois nomes. Mas, também, o casal arriscou a vida pelo grande apóstolo, não é de admirar que os tenha citado nominalmente. Mas deve parar por aí, Paulo é muito ocupado, não tem tempo de se dedicar a indivíduos, tem uma enorme rede de igrejas espalhadas pela Ásia Menor para administrar. Não é…? Continuemos.

“Saudai meu querido Epêneto, primícias da Ásia para Cristo”. Estranho. Outro que Paulo conhece pelo nome.

“Saudai Maria, que muito trabalhou por vós”. Hmmm.

“Saudai Andrônico e Júnias, meus parentes e companheiros de prisão, os quais são notáveis entre os apóstolos e estavam em Cristo antes de mim”. (Silêncio)

“Saudai Amplíato, meu dileto amigo no Senhor”. (O-O)

“Saudai Urbano, que é nosso cooperador em Cristo”.

“E também meu amado Estáquis”.

“Saudai Apeles, aprovado em Cristo”.

“Saudai os da casa de Aristóbulo. Saudai meu parente Herodião. Saudai os da casa de Narciso, que estão no Senhor. Saudai Trifena e Trifosa, as quais trabalhavam no Senhor. Saudai a estimada Pérside, que também muito trabalhou no Senhor. Saudai Rufo, eleito no Senhor, e igualmente a sua mãe, que também tem sido mãe para mim. Saudai Asíncrito, Flegonte, Hermes, Pátrobas, Hermas e os irmãos que se reúnem com eles. Saudai Filólogo, Júlia, Nereu e sua irmã, Olimpas e todos os santos que se reúnem com eles”.

Até aqui contei pelo menos 27 nomes. Há algo errado. Quem explica? Como pode? Como compreender à luz do cristianismo da nossa era essa intimidade, essa proximidade, esse carinho, esse afeto, esse…

…amor?

Como entender que um pregador de tal envergadura ministerial conheceria as pessoas da igreja pelo nome? Seriam grandes dizimistas? Dignatários do governo? Intelectuais e artistas famosos? Não, eram pessoas comuns. Então como explicar tanto amor vindo de um homem com tamanha intimidade com Jesus?!

A explicação é exatamente essa: Paulo era um homem de tamanha intimidade com Jesus.

Quem conhece intimamente Cristo preocupa-se em conhecer intimamente sua noiva. A noiva por quem Ele deu a própria vida numa cruz. Quem é intimo do Senhor preocupa-se com aqueles que lhe são caros. Um ministro do presidente do Brasil não está no cargo para servir somente o presidente, mas para servir também os brasileiros. É algo indissociável. Dizer que ama Deus e não amar cada um de Seus filhos é uma prova de que, na verdade, só ama Deus da boca para fora.

Deus conhece você pelo nome. Importa que quem pastoreie sua vida também o conheça pelo nome. Se foi por falta de oportunidade ou porque você chega e sai do culto sem nunca ter se apresentado… faça isso. Vá até seu pastor e lhe diga: “Quero ser discipulado”. Megaigrejas não permitem isso. Quem avalia um pastor pelo crescimento numérico da congregação que ele pastoreia não entendeu nada do que Paulo ensinou. Em vez de apenas contar o número de membros ou batizados na igreja que ele lidera, para se perceber seu tônus ministerial deve-se conversar com as ovelhas dele. Perguntar se o pastor já foi a sua casa. Se já conversou sobre sua vida. Se já o amparou em momentos de angústia. Se desce da torre de marfim para o nível do chão. Se sua com o povo. Se chora com os pequenos. Se abraça os malcheirosos. Se beija os pecadores arrependidos. Se os conhece pelo nome. Esse é o bom pastor. Os outros podem ser bons pregadores ou bons qualquer-outra-coisa. Mas pastores?

O bom pastor sabe a razão de conhecer as ovelhas pelo nome: pois, ao fazer isso, está glorificando com sua vida – como bem mostra Romanos 16.27 – o “Deus único e sábio”, a quem “seja dada glória, por meio de Jesus Cristo, pelos séculos dos séculos”.

Amém…

Paz a todos vocês que estão em Cristo: Eliana, Marco, Luiz Felipe, Bianca, Lelê, Carla, Robson, Nanda, Alexandre, Isabelle, Poliana, Luiz Fernando, Cranudo, Fábio, Solange, Felipe, João, Danila, Ricardo, Jacy, Amanda, José, Gamaliel, Elinton, Luciene, Gutemberg, Alfredo, Tarciso, Alex, Dayana, Rodrigo, Juliana, Teresa, Edson, Artimes, Willian, Ruben, Marcos, Líbia, Anderson, Luiz Henrique, Carina, Regina, Katia, Katiana, Elias, Renan, Daniel, Gessé, Davi, Gleiscon, Raquel, Simone e tantos outros que só não menciono aqui por falta de espaço.

O mano, Maurício.

About these ads
Comentários
  1. Mery disse:

    Ah! Maurício,como é bom ler seus textos ,graças a Deus meu Pastor é um Pastor que conhece suas ovelhas,ele e sua esposa visitam as famílias ,tenho um amor muito grande por ele .

  2. Paz a você também, Maurício!!

    Graças a Deus que Ele tbem nos conhece, e Nele somos um!!!

    Receba meu abraço meu amigo!!!

  3. Amado irmão Maurício ,

    Essa palavra falou profundamente ao meu coração , a minha igreja está inserida na visão de células familiares … Sou uma líder de célula …. ardeu em meu coração o fato de chamar pessoas pelo nome , o fato de ser realmente íntimo do meu irmão principalmente aqueles que de uma certa forma eu acompanho mais do que o próprio pastor … Engraçado, que as vezes somos tão hipocritas , que é tão mais fácil conhecer intimamente aquelas pessoas extremamente ativas e participantes , e por muitas vezes nos esquecemos daquele caladinho , do que não participa , não que não se mistura , do tímido que fica no cantinho sem abrir a boca ! Agora eu me perguntei , será que realmente eu o conheço pelo nome ? será que ele não abre a boca por não se sentir importante para isso ?

    Louvo a DEUS por sua vida , não tenho dúvidas que é usado como instrumento nas mãos de DEUS !

    Abraços ,

    Talita

    • Olá, Talita, tudo bem?
      .
      me alegro por o texto ter tocado teu coração. Se sou um instrumento de Deus o valor está no tesouro, mana, e não no vaso de barro.
      .
      Oro ao Senhor que de algum modo essa reflexão tenha feito você se questionar e, quem sabe, mudar para melhor. É o que todos precisamos fazer diariamente.
      .
      Louvo a Deus por sua vida, minha irmã,
      mz

  4. Alessandra (Lelê) disse:

    Mauricio,
    Sim, Deus me conhece pelo nome!
    Ele ouve todo dia o meu clamor, a minha oração de arrependimento e pricipalmente o meu louvor!
    As vezes eu penso na quantidade de igrejas cristãs que existem no mundo e na quantidade de mega igrejas com centenas de milhares de pessoas! E eu lá, na minha igreja bem pequena, atrás da pilastra, onde nem o pastor me vê. Eu tenho certeza que Deus me ve! Sim, Deus me ouve e digo mais ele fala comigo!!!!!!
    Eu tb não gosto de mega templos! Mas isso é um gosto pessoal!
    Gostei da personalização da saudação! rs
    Com carinho para toda a familia,
    Lelê

    • Oi, Lelê,
      .
      com certeza Deus te conhece. Leia o penúltimo post do blog e você verá o QUANTO Ele te conhece e te ama. rs
      .
      Deus te abençoe muito. Esperamos você e Sérgio amanhã para a comilança. Com carinho,
      mz

  5. luiz Fernando disse:

    Ola, amado. A paz do Senhor pra ti.
    É verdade, amo a historia de vida de Paulo, um exemplo de seriedade, humildade e compromisso com Cristo. Quando crescer, eu quero ser igual a ele. Obrigado por lembrar do meu nome, mano, fiquei mt feliz.
    Se Deus quiser que eu seja pastor um dia, já está aí um texto que me direcionou à um caminho agradável aos olhos de Deus. Texto perfeito como aquEle que o inspirou.
    Deus te abençoe, meu irmão. Abraços no amor do Senhor.

  6. Mauricio bom dia,

    Essa tendência de mega templos e mais uma moda que chega atrasada no Brasil, isso já foi um fenômenos nos Estados Unidos, e hoje esses templos estão praticamente sendo deixado por igrejas menores, Deus no fez para termos relacionamento não consigo acreditar em pastores que entram por uma porta especial pregam a palavra, e não estão dispostos a escutar seus membros, não exemplos contemporâneos em minhas postagens, mas cheguei ao ponto de escutar num programa de Radio um pastor aqui em São Paulo, falando que não tinha tempo para escutar problema de ninguém, pois já tinha os deles, e pra piorar ressaltava em alto e bom som, “que ele não era amigo de ninguém, você pensa que eu sou mais eu não sou”. Lamentável Deus nos livre desses modismos, menos shows e mais evangelho e mais relacionamento.

    • Olá, Elieser,
      .
      me choca esse exemplo que você citou. O que dizer a isso, não é? Digo amém ao teu “Deus nos livre”, que o evangelho seja sempre de calor humano, amor, perdão e auxílio – algo impossível sem relacionamentos.
      .
      Na paz de Cristo, te abraço,
      mz

  7. Olá Maurício!
    Que Deus continue te abençoando com essas preciosas mensagens.
    Concordo plenamente que o bom pastor precisa conhecer seu rebanho. Não sei se é a impressão que passa, mas observo que a preocupação com números advém de outros interesses que não seja a pregação e salvação das almas. Quem sabe para orgulho próprio, ou para aumentar a soma dos dízimos, por que esse afã de pregar a grandes multidões, televisões, enquanto membros da própria igreja passam momentos difíceis, materiais e espirituais. Por que não há tempo para esse cuidado com as ovelhas? Bem, cada um dará conta de si a Deus.
    Um grande abraço, Maurício.

    • Salve, Marcio, tudo bem?
      .
      Obrigado pelas palavras carinhosas, querido.
      .
      Para não pecar pela generalização, creio que há muitos pastores que de fato creem em megaigrejas. Mas a preocupação de muitos é exatamente a que você citou. Infelizmente e lamentavelmente. Que Deus tenha misericórdia dos que têm interesses pessoais para que mudem antes do dia da prestação de contas, oro por cada um que vê a igreja como um negócio.
      .
      Outro grande abraço pra ti, no amor de Cristo,
      mz

  8. Pri disse:

    Olá Maurício, faz tempo que não comento aqui, mas leio todos os seus posts. Por causa do seu blog deixei de ser desingrejada, fiquei tão contente de voltar a igreja que queria me envolver, ajudar de alguma forma. Fui ser voluntária no escritório, lidava com dois pastores, um mais experiente e outro que havia acabado de começar. Mas, aconteceu uma coisa que me deixou triste e desanimada. O pastor principal, nunca em nenhum momento se interessou em conversar nem que fossem 5 minutos comigo, para saber que eu sou, o que fazia, etc.. Ele simplesmente me dava oi e tchau. Estava sempre ocupado. Mas eu via o carinho e atenção que ele dava a membros mais antigos da igreja. Eu, sinceramente, esperava um cuidado maior da parte dele, como Paulo fazia com suas igrejas. Fiquei tão triste, me sentindo indigna de sua atenção que pedi para sair. Ele nunca mais nem me cumprimentou na igreja. Depois li um post seu falando sobre os pastores, que eles erram, e o perdoei por nunca ter vindo falar comigo. Mas confesso que não entendo o porquê deste comportamento até hoje. Quase deixei de frequentar a igreja. Mas continuo indo. Acredito que ele um dia pode vir a querer saber quem eu sou. Acredito também que ele não tem a menor idéia da tristeza que me causou por me ignorar.
    Um abraço pra você!

    • Oi, Pri, como você está? Espero que tudo bem.
      .
      Não tenho palavras para exprimir minha alegria pelo fato de o APENAS ter reconduzido você à comunhão da igreja. Deus é bom demais e age de maneiras sublimes. Louvo a Ele por tua vida, mana.
      .
      Sabe, Pri, lembre-se que todo homem de Deus é antes de tudo um homem. Erra. Peca. É desumano. É egoísta. É insensível. E por aí vai. Creio que nosso papel é perdoar. Até mesmo exortar, pois muitas vezes o Pastor nem repara que magoou alguém. Uma conversa franca e carinhosa pode ser muito útil para ele.
      .
      Não deixe a igreja não. Pense que você pode ajudar os que não estão caminhando como deveriam ao permanecer ali. Seja sal e luz – inclusive dentro da igreja, onde há muitos cantos sombrios. Seja uma bênção sempre, mesmo que não sejam com você.
      .
      Abraço carinhoso, no amor do Cristo perfeito que morreu por homens imperfeitos,
      mz

  9. Luciano Costa disse:

    Excelente… Extraordinário… Fico muito feliz, pois vejo que estou no caminho certo! Muito obrigado amigo e mano Maurício!!!

    • Luciano!!!!!! Que alegria saber de você!!!! Que saudades, meu amigo!!!!
      .
      Homem de Deus, sinto tanto a sua falta! Quando vier ao Rio por favor me avise, quero te ver nem que para isso seja preciso me despencar para a Ilha.
      .
      Um beijo enorme em ti, na Adriana e no Natã, com todo meu amor,
      mz

  10. José Jr disse:

    A paz do Senhor, nobre irmão Maurício.
    Lembro-me de uma vez que li uma irmã chamando-lhe de pastor. Você refutou, mas fiquei imaginado o quão dedicado você seria. Prova disso é o empenho como membro do corpo. O que diria como pastor!
    Esse post é inquestionável. Real. Atual.
    Eu mesmo já lhe escrevi, sobre precisar de orientação pastoral e para isso tive que “marcar hora” com semana de antecedência, e mesmo assim era um entra e sai de “assessores” para pegar “visto pra isso”, “visto pra aquilo”. E ao final, o famoso tapinha e o “vamos orar”.
    Mas amem. A gente supera.
    Você, apesar de não ser pastor, nos trata com zelo, dedicação, fidelidade e… amor.
    Isso já vale o pastoreio!
    Que aqueles pastores que insistem em apenas buscar fama sejam tocados, transformados e vivam para a gloria do nome do Senhor e para a Igreja dEle.
    Abraço fraterno,
    José.

    • Salve, José! A paz de Cristo!
      .
      Obrigado pelo carinho, mano, mas uma ordenação depende de Deus e de nossos líderes, não de minha vontade. Que cumpra-se o que o Senhor determinar.
      .
      Fico triste pelo que te aconteceu, mano. Oro ao Senhor que mostre ao servo que te atendeu os caminhos que Ele deseja para seus ministros. Gosto de crer que não fez por mal, mas talvez por estar tão acostumado que o discipulado torna-se quase mecânico. Oremos por nossos líderes, todos imperfeitos e carentes de nossas orações – como nós mesmos.
      .
      Abraço grande e obrigado por tão gentis palavras,
      mz

  11. Robson Dias disse:

    É verdade meu caro Maurício!
    Hoje em dia se vê muitos líderes de igreja preocupados só em criar um status sobre si.
    Uns se denominam pastores, bispos, presbíteros e até apóstolos e as vezes nem sequer sabem do que precisam pra se tornarem o tal.

    E o maior prejudicado nisso tudo, são os fiéis, ou melhor, as ovelhas, que não sabem se defender, são inofensivas, fáceis de se enganar, de serem persuadidas, serem encantadas pelos olhos e com líderes que só se preocupam consigo mesmo, com isso, torna mais fácil com que tal fato aumente cada vez mais.
    Não é atoa que Deus escolheu a ovelha para melhor se identificar conosco, pois somos iguais elas. Frágeis e indefesas.

    É lógico que também não somos perfeito, e Deus não exige isso de nós, pois Ele não e Deus de por fardo insuportável, pelo contrário, o que Ele exige de nós é humildade, coração aberto, contrito, sinceridade, ou seja, um coração confesso a todo tempo a Ele.Mas, justamente isso que falta em grande parte desses líderes de mega igrejas.

    Uns se desligam de tais denominações, abrem outras ao lado, e fazem as mesmas coisas, ou criam teorias de várias espécies, como da prosperidade, do “pare de sofrer”, “crente não sofre “(aiaiai meu coração), venda da graça, fazem até parcelas, (credicard e visa agradecem).
    Tem também a do G12 que um que se autodenomina apóstolo, Terra Nova, o mesmo citou que o G12 é a nova reforma protestante..( como?). Não sei muito bem, mas ao meu ver, o G12 é algo que afasta cada vez mais as ovelhas dos pastores e os pastores, deixam de ser pastores.

    É triste, mas o que se vê, é que estão mais preocupados com seus ternos, casas e aeronaves do que com vidas e passando suas responsabilidades para outros.

    Gostaria até meu amigo, sua opinião quanto ao G12, pois se vê defesas e ataques quanto a essa teoria, porém ninguém explica.

    • Salve, Robson, tudo bem?
      .
      De fato há falsos pastores. Paulo e João já falaram sobre eles em suas epístolas. Hoje não seria diferente. Temos que orar pelas lideranças e pelo rebanho, para que ninguém seja enganado. Mas também há muitos homens de Deus, sérios, tementes, abnegados, que pensam mais nos pequeninos do que em si mesmos. Meu pastor é assim, por isso sei que existem.
      .
      Sobre o G12, não tenho nada contra grupos pequenos, são uma bênção. Mas quanto a outras práticas do G12 especificamente sou radicalmente contra. Ungir genitais, fazer regressão e outras atrocidades é algo que me cheira muito pouco a Bíblia. Aqui no Rio igrejas antigas e sólidas, como a Assembleia de Deus de São Cristovao, por exemplo, foram destruidas por adotar o G12. Como pode isso vir de Deus?
      .
      Abraço grande, no amor de Cristo,
      mz

  12. Texto abençoado, Mauricio!

  13. Elias disse:

    Me sinto honrado com a citação do meu nome neste post, apesar de saber que vc não pode me esquecer, afinal sou seu afilhadinho… rsrsrs… Mega abraço Dindinho. Deus abençoe sua vida cada dia mais.

  14. Simone disse:

    Amém Maurício,

    A paz a você também e a todos que acompanham o apenas.

    Abraços.

  15. Juliana disse:

    Mais um artigo maravilhoso querido Maurício! Uma verdadeira revelação dos céus! Em muito me ensinou e edificou!
    Tenho lido as epístolas escritas por Paulo, e me surpreendo a cada versículo, todos eles são fontes inesgotáveis de conhecimento e sabedoria. Temos que nos espelhar nesse padrão evangélico, não podemos nos contentar ou achar que as coisas mudaram porque muito tempo se passou desde a era de Paulo. Porque Como está escrito pelo próprio Paulo, aos Hebreus (13:8-9): “Jesus Cristo, ontem e hoje, é o mesmo e o será para sempre. Não vos deixeis envolver por doutrinas várias e estranhas, porquanto o que vale é estar o coração confirmado com graça e não com alimentos, pois nunca tiveram proveito os que com isto se preocuparam.”

    Que a paz do Senhor Jesus seja contigo.

    • Oi, Juliana, tudo bem?
      .
      Que bom que o post foi tão abençoador assim para você. Sinto-me feliz.
      .
      Creio que você disse tudo, mana. Louvo a Deus por Paulo, um homem tão imperfeito e pecador mas ao mesmo tempo tão sensato e abençoador. Um exemplo.
      .
      Abraço carinhoso, na paz de Cristo,
      mz

  16. Dayana disse:

    Sabe Mauricio, ler esse texto me deixou mais convicta da necessidade que temos de relacionamentos, e o próprio Cristo manifestou essa necessidade, quando Ele disse que “o servo não sabe o que o seu senhor faz, mas o amigo sim”, ou seja, Cristo queria uma intimidade tal, ao ponto de tudo dEle ser conhecido por aqueles que o servem, e esse mesmo evolvimento Ele queria que tivéssemos uns com outros. Quando lemos o livro de Atos sobre a igreja primitiva, percebe-se que a ideia que eles comungavam era a de serem uma “família”. Mas, infelizmente isso se perdeu em meio ao aglomerado de igrejas existentes, não que eu pense que a quantidade promoveu isso, mas que outros valores que não concernem ao reino se sobrepuseram ao que contribui para um crescimento sárdio, firmado em amizade e relacionamentos, e isso entre ovelhas e ovelhas e pastores e ovelhas.

    • Olá, Dayana, prazer te ver aqui novamente.
      .
      Sem dúvida relacionamentos são essenciais. Como amar a Deus e amar o próximo sem se relacionar, não é? Isso exige envolvimento, comunicação, devoção, preocupação, abnegação e muito mais. Você está certíssima. Essa perda que você observa é um fato e se dá por muitos motivos diferentes.
      .
      É um desafio para nossas lideranças: conseguirem desbanalizar sua rotina e enxergar o sentido de Igreja que vem da Bíblia. Os que conseguem fazer isso são os melhores pastores, pode reparar.
      .
      Abraço fraterno, no amor do Senhor,
      mz

  17. Marco Juric disse:

    Boa tarde Zágari!!!(comecei a escrever logo cedo, mas o trabalho urge…rssss)
    Sua reflexão sobre as megas igrejas e seus “super-pastores” faz todo sentido, pois é o que vemos e ouvimos em várias denominações. Obviamente não devemos colocar todos os pastores de todas as grandes igrejas no “mesmo saco”, ainda que muitas provas e maus testemunhos sejam de conhecimento público, pois sabemos que existem casos e casos. Não estou saindo em defesa dos megas, pois faço parte de uma congregação pequena/média, mas não me parece justo generalizar. Acho também que podemos concordar que numa congregação de 400 membros fica meio difícil um pastor saber os nomes de todos os membros, ainda mais se esse grupo aumenta e/ou diminui de tempos em tempos por variados motivos. Acredito sim que, em analogia ao que aconteceu no êxodo onde Jetro aconselhou Moisés, as lideranças das igrejas deveriam se preocupar mais com o pastoreio do rebanho, não nos modelos A, B, C etc (prefiro não explicitar para não suscitar celeuma) que surgem de tempos em tempos como modismo, mas sim com pastores (acredito mesmo que poderiam ser ministros, diáconos, obreiro, blogueiro…rsss) em número suficiente, cheios da graça e do conhecimento, para que contribuíssem para o crescimento bem ajustado do corpo.
    Bem Zágari, esse assunto dá mesmo para ter um longo bate papo.

    Obrigado por ajudar no crescimento do corpo!

    Deus continue o abençoando!!!!!!!

  18. Rapha disse:

    a cada texto que leio em seu blog, minha vida espiritual se sente encher um pouco mais. venho crescido cada dia mais, ao ler essas palavras de consolo de exortação. me sinto exortada com tamanho amor, que chego a me emocionar. obrigada mano, por estar me ajudando a entender ainda mais a palavra e a vontade do nosso Pai. Fica com Deus,

    • Oi, Rapha,
      .
      só posso louvar a Deus por sua vida ser edificada por meio do APENAS. Não me agradeça, mana, agradeça ao Senhor. O mensageiro não é importante, a mensagem é.
      .
      Deus te abençoe muito,
      mz

  19. Carina Cardoso disse:

    Que legal!! Eu vi meu nome!! rsrsrs Grande abrao! =)

    Date: Thu, 13 Dec 2012 09:30:48 +0000 To: carinacardoso_belem@hotmail.com

  20. Amanda disse:

    Mais um texto maravilhoso!!! Sem palavras!!!
    Da vontade de enviar esse texto para o meu pastor…desabafo!!!

    Abraço

    • Oi, Amanda,
      .
      fico feliz que te abençoou. Mas… ore pelo seu pastor, não o condene. E se ele faz algo que te chateia, vá até ele e converse com amor. Você poderá estar o ajudando.
      .
      Deus te abençoe muito, abraço fraterno,
      mz

  21. solange disse:

    Olá Mauricío !
    Deixa eu te contar uma experiência pessoal ? Eu sou membro da ICNV tem quase 2anos ,apesar de vir de outra denominação,por quase 15anos,disseram-me que como eu não aceitava determinadas coisas,eu era um figado estragado.Afinal era uma desigrejada, ai resolvi assistir um culto,gostei,fui ficando, ficando,e não me apresentei ao Bispo de minha igreja local,entrava,saia,e comecei um estudo bibblico com o Pastor, e assim fui, há uns 3meses descobri que tinha um cancêr de mama,meu chão desabou,porém,tudo foi muito rápido ,em menos de 1mês,me internei para cirurgia,e qual minha surpresa,minutos antes da mesma,quem me liga ? a esposa do Bispo, e depois o Bispo em pessoa,dizendo irmã Solange ,estamos e CRISTO estará junto de ti,fez uma oração por mim, aquietou minha alma. Senti o próprio DEUS me dizendo,eu te conheço,não esqueci de ti,estou aqui.Por 30dias ,não havia um dia que a igreja não intercedesse por mim em oração.O Milagre chegou, fui curada, e o melhor de tudo , descobri o amor de meus pastores, o cuidado com as almas,e sei que todos eles me conhecem não como um membro da Igreja,mais pelo meu nome.
    Jesus é o nosso bom pastor,mais capacitou e vocacionou verdadeiros pastores poara cuidar de suas ovelhas perdidas,e eu posso dizer tenho,bons pastores.
    Deus abençoe a todos nós e nos conceda a graça de termos ainda bons pastores.
    Abraços no amor de CRisto.

    • Olá, Solange,
      .
      amém, minha irmã, que testemunho lindo. Louvo a Deus por sua cura e pelas descobertas de amor na sua família de fé. Posso perguntar quem é seu Bispo?
      .
      Deus continue te abençoando, frutificando e dando experiências com Ele. Tuas palavras me enchem de alegria. Abraço carinhoso,
      mz

  22. Gibson Nascimento disse:

    Querido Amigo e Irmão Zágari, que Deus continue te usando, essa é uma verdade que esta oculta em muitos lugares, tenho visto isso quando pastoreio em favelas e lugares onde o crime da as ordens. Longe dos grandes centros, longe das luzes. Ser Pastor é correr riscos e mesmo na dificuldade e na falta de apoio dos “grandes” poder dizer Obrigado Senhor Deus pela oportunidade de ser útil a meu irmão não importando de onde ele vem.

    Abraços meu amigo.

    • Salve, Pastor,
      .
      lindas palavras, reverendo. Denunciam teu coração vocacionado e real interesse pelas almas. Bendigo o Senhor por tua vida e teu ministério.
      .
      Um abraço fraterno, naquele que nos une,
      mz

  23. Gutemberg Howe disse:

    ….

    Gutemberg concorda plenamento com seu post…. e se sente lisonjeado!!

    Abracos

    • Oi, Gutemberg,
      .
      imagina, mano, mesmo só vendo nomes em nossa tela a gente se apega, pois sabemos que por trás de cada comentário sei que há uma vida fascinante. Obrigado pela presença e pelo afeto, meu irmão.
      .
      Abraço, Deus te abençoe muito,
      mz

  24. ANDERSON ARAUJO disse:

    Mauricio saudades de ti meu amado irmão Deus te abençoe muitíssimo !!!

  25. Eliana disse:

    Paz, Maurício, a quem Deus também conhece pelo nome!
    O Senhor, por me conhecer pelo nome e me amar, me abençoou com uma amizade tão especial: a sua. Me edifica , me abençoa, me enche do amor de Deus a cada novo post ou nova conversa. Me ensina o valor desta comunhão, mesmo que a gente more tão longe.
    Vou mostrar esse texto para meus pastores. Edificante!
    Deus o abençoe e aos seus. Estão sempre em minha lembrança e em minhas orações.

    Vc não tem ideia do quanto Deus te usa. Sou eternamente grata. =)

    Beijo!

    • Minha amiga!
      .
      você, alguém a quem devo tanto, me dizer palavras tão carinhosas assim é extremamente constrangedor para mim. Eu quem devo sempre te agradecer e você sabe disso.
      .
      E se Deus me usa, minha amiga, tenha certeza que ele te usa muito mais. E, para não ser nem um pouco original: Sou eternamente grato.
      .
      Deus abençoe sempre e muito você, o maridão e toda a sua família. Um beijo,
      mz

  26. Ree disse:

    Estou chorando aqui, mano! Que conforto é a Palavra para nossa vida, que preciosidade encontrar irmãos como você.
    Senhor, em nome de Seu Filho amado Jesus Cristo, obrigada por tanto Amor por todos nós.

    • Minha querida Regina, companheira fiel de caminhada,
      .
      louvo a Deus por tua vida e pelo teu coração sensível. Faço tuas ações de graças também as minhas.
      .
      Beijo fraterno, mana, no amor do Amor,
      mz

  27. Zulmira Borges disse:

    Olá,

    Ah Maurício onde eu encontro esse pastor?! O que pudesse me ouvir e me aconselhar, e também orar comigo quando fosse muito necessário, e de preferencia que não pregue absurdos.
    Desde que comecei a ler seu blog muita coisa na minha cabeça mudou, muita coisa edificou, abriu meus olhos também para erros que eu achava que eram coisas da minha mente e não eram, mas também foi endurecendo meu coração…
    Eu já morei em Manaus, São Paulo,Goiânia e DF então consequentemente já passei por algumas igrejas, e para ter um aconselhamento com pastor tem que agendar e, a orientação é que eu fale ou seja aconselhada pelo líder de célula, que na maioria das vezes é imaturo, recém casado, não tem experiência com filhos adolescentes com problemas.
    Não quero aqui ficar expondo minha igreja, mas ando tão desanimada com essa geração de pastores, se você “responde” como eles querem, aí então vc é bem vinda, senão…tenho me sentido tão manipulada na minha denominação, mas não queria sair de lá,poque os irmãos são jóias.
    Agora estou morando numa cidade pequena, e pensei que seria diferente, mas já ouvi duas vezes o pastor falar na mensagem dele que morrer na cruz foi fichinha(exata expressão que ele usou), que o supra-sumo seria reinar por mil anos com Cristo.
    As vezes penso que a igrejinha bem tradicional onde me converti, e que nem ensinava sobre os dons do Espírito Santo por exemplo, mas onde eu era bem cuidada e apascentada é onde fui feliz e não sabia.
    Desculpe-me irmão por tão longo comentário, e aqui nem é lugar de terapia e desabafo, mas é que ando tão incrédula com o que tenho ouvido.
    Minha denominação começou em 1999, eu cheguei lá em 2000, era tudo uma benção, a mensagem era sempre sobre a maravilhosa graça, o sacrifício de Cristo, milhares foram salvos, aí o crescimento chegou e se tornou uma mega denominação e mega empresa(é o que parece).
    Será que consigo encontrar esse pastor parecido com o apóstolo Paulo? Vou orar por isso.

    Deus o abençoe.

    • Zulmira, oi,
      .
      acredite, minha irmã, ainda há muitos homens de Deus no ministério. É preciso garimpar bem, mas há, Meus três pastores são exemplos disso.
      .
      Minha recomendação é que você ore e peça a Deus uma direção. E, se desejar mesmo, comece a visitar outras igrejas. Se chegar em uma onde a doutrina seja bíblica e você sinta paz no coração, procure o pastor para uma conversa. Nesse momento você certamente sentirá como ele é. E se sentir nele um pai e um mentor, ali é seu lar.
      .
      Não peça desculpas, por favor, você não escreveu demais. Estou aqui para isso, mana, o que seria de nós se não carregássemos os fardos uns dos outros, não é? Conte comigo no que precisar, mas com Jesus em primeiro lugar.
      .
      Oro por ti, Zulmira, e peço ao Senhor que te conduza a pastos verdejantes,
      mz

  28. Marco Aurélio disse:

    Romanos 16 é a melhor prova de que esse negócio de hierarquia não existia na Igreja Primitiva do I século da Era Cristã. E liderança feminina não era proibida, não, senhoras e senhores. Aí estão Febe, Priscila e Júnia(s), entre outras, que não nos deixam mentir…

    • Salve, Marco,
      .
      com todo carinho, na verdade havia sim hierarquia na Igreja primitiva. Havia divisão por funções e havia aqueles que lideravam o rebanho. Eram presbíteros, pastores, diáconos e bispos. Claro que a configuração era bem diferente da atual, mas não podemos fugir da realidade de que havia uma divisão hierárquica. Se você vir as sete cartas ás igrejas de Apocalipse, por exemplo, verá que elas são enviadas “ao anjo da igreja”, ou seja, ao líder, ao pastor. É uma realidade. Havia bispos também, já no século I (Clemente foi um deles), responsáveis por um determinado grupo de igrejas da sua região. A questão que devemos refletir não é se havia ou não hierarquia (pois havia), mas como essa hierarquia deve se apresentar e ser exercida em prol do Reino de Deus e não de benefícios pessoais.
      .
      Abraço fraterno, mano, na paz do nosso Deus,
      mz

  29. melinamartins disse:

    Gostei muito do texto! Saudade de ler o apenas.
    Bom seria se nós refletíssemos de fato este amor com o qual Deus no amou. Que todos os nossos pastores fossem assim zelosos. Glória a Deus pelos que são que Ele conceda graça p/ continuarem cumprindo fielmente o ministério que receberam.

  30. Danila disse:

    Olá Maurício,
    Ôwm meu irmão…se vce fosse um daqueles na Etiópia tbém seria chamado de Cristão,por causa da semelhança com Cristo. O amor de Jesus pela igreja,o amor de Paulo pelos irmãos,o amor do Maurício pelos irmãos…
    Como precisamos de Pastores imitadores de Cristo!Como é esplêndido qdo encontramos homens q entendem a missão de cuidarem de um rebanho “de almas”e q sabem q excelente coisa almejaram.
    No amor de Cristo meu irmão.

    • Danila disse:

      Retificando,ANTIOQUIA e não Etiópia,foi um lapso rs

    • Oi, Danila,
      .
      minha irmã, obrigado pelas palavras tão bondosas, mas estou longe de ser alguém tão bom assim. É uma luta, dia após dia, para tentar chegar à semelhança de Cristo e amar o próximo como a mim mesmo. Sou só um esforçado, só isso.
      .
      Obrigado pelo carinho. Deus te abençoe muito,
      mz

  31. heverton prado disse:

    Meu irmão Mauricio Zágari eu sinto o tamanho do grandioso amor de DEUS para salvar pecadores que foram destruidos pelo pecado, que eu não poderia ter uma concepção de que DEUS não conheca todos em amor para com aqueles que foram ordenados para vida eterna desde a fundação do mundo. E em um servo de DEUS irá fluir continuamente esse amor o conduzindo a querer orar por cada vida que está em sua mão para poder ser guiada nos caminho do seu bendito mestres jesus, esse rapais que vc sitou o nome (Pr. David Yonggi Cho) no início repudio seus ensinamentos que são destrutivos para com as doutrinas de DEUS… Também temos que ter em mente que muitas das vezes DEUS nos chama para pregarmos e pocas pessoas serão salvas em nosso ministério é o caso de isaias que pregou 20 anos e niguem se arrependeu pelo o que DEUS JÁ TINHA DECRETADO QUE NÃO IRIAM DA OUVIDO PARA SUA PREGAÇÃO!!! então devemos fazermos tudo para glória de DEUS… Seu artigo é muito honrado por que exalta a integridade de um servo de DEUS para com aqueles que DEUS le deu para serem pastoriados, que DEUS te abençoi com seus artigos que nos edifica bastante

    • Olá, Heverton,
      .
      fico feliz que o artigo te edificou, mano. De resto, fico feliz por saber que você tem uma concepção de Reino focada no amor ao próximo. Louvo ao Senhor por tua vida.
      .
      A paz do Senhor seja contigo,
      mz

  32. Rogerio Lázaro disse:

    Graça e Paz!

    Maurício, o que eu li neste texto não é nenhuma novidade e é algo que salta aos olhos de qualquer cristão que tenha um mínimo de conhecimento bíblico, sensatez e discernimento espiritual.
    Apesar disso pouquíssimos cristãos são responsáveis o suficiente (como você) para se posicionar de forma radical contra essa postura por parte dos líderes que aí estão!
    O que tenho observado é que a esmagadora maioria dos evangélicos aceitam de bom grado essa situação para continuarem a praticar a velha idolatria, agora disfarçada sob a capa do cristianismo. São homens e mulheres que se dizem salvos e vivem a idolatrar ídolos de carne e osso. Abominam aqueles que idolatram ídolos de pau e gesso, mas vivem a endeusar pessoas que se intitulam pastores (ou bispos ou apóstolos) porque ainda não se converteram de todo o coração.
    Se mantivermos nossa posição de defesa do Evangelho puro, simples e genuíno de JESUS CRISTO esses “pastores” que não pastoreiam ninguém terão a seu favor uma legião enfurecida de fãs… quis dizer, seguidores enfurecidos dizendo que estamos emprestando nossa boca para o inimigo e que “não devemos tocar nos ungidos do Senhor”(sic).
    Tudo o que você escreveu eu endosso e é exatamente aquilo que tenho denunciado sempre que posso, mas… Vamos ser bem realistas? Já deu para perceber que é disso que a maioria gosta!
    Esses “pastores” que não apascentam estão se criando justamente porque há um público que gosta de dar “IBOPE” para essa raça de lobos! No final das contas, eles se merecem!

    Obs.: Mas enquanto CRISTO não voltar continua sendo nosso dever fazer o trabalho de “formiguinha” apregoando o verdadeiro Evangelho, mesmo com toda idolatria gospel que nos cerca!

    PARABÉNS PELO SEU EXEMPLO!!!

    No amor dAquele que nos amou primeiro.

    • Olá, Rogério,
      .
      de fato você tem razão. Quando reflito sobre o problema vejo que a esmagadora maioria dos que seguem tais líderes e abraça tais modelos o faz não por maldade, mas por ignorância. É o que dizem as Escrituras: “Pode um cego guiar outro cego?”. Por isso acredito no poder dos ensinamentos, da verdade e do esclarecimento – sempre em amor. Entendo que nosso papel é esse: não atacar os que creem no diferente, mas abraçá-los, mostrar os problemas , expor a Palavra e deixar o Espírito de Deus fazer o trabalho.
      .
      Quanto aos líderes corruptos… Deus será seu juiz.
      .
      Abraço, mano, Jesus te abençoe muito,
      mzs

  33. Dalva disse:

    Olá Mauricio;
    Saudações Portuguesas;

    Tu tinhas que ver o rosto do meu esposo quando terminou de ler esta mensagem.
    Acertaste em cheio neste assunto.
    Passamos um mal bocado devido estar seguindo Igreja de fachada, Pastor? Onde?
    Hoje olhamos para eles e vemos o quanto cresceram…nada.
    Por estarmos a seguir nesta Igreja, conhecíamos parcialmente as pessoas, nem todos que lá estão
    sentados ou ministrando a palavra não vem na testa suas qualidades, pois olhe, nos enganamos…
    Um construtor que lá havia e o filho era Pastor (depois descobrimos que era aspirante em pastor) nem sabia que existisse tal profissão…meu esposo naquele conhecimento mandou construir uma
    casa £230mil euros e fomos passados para trás pelo construtor e seu filho…tivemos que ir para justiça e eles já havia desviado os bens, olhe nos enganaram direitinho…isto foi em 2008 e nos foi devolvido apenas 120mil até agora…o processo ainda corre judicialmente.
    Daí meu caro, te pergunto: Deus conhecia este pelo nome? Um individuo que usa a palavra de Deus para enganar as pessoas?
    Como diz mesmo em 1Cor.5:11 ” Não vos associeis com os que se dizem irmão, for devasso,avarento, ou idólatra, ou maldizente, ou beberrão, ou roubadores…”
    Como diz mesmo 1Pedro 5:3 ” …mas servindo de exemplo ao rebanho.”
    Como diz mesmo em 1Tim.5:20 ” …repreenda na presença de todos para que também os outros tenham temos”.
    Eu, particularmente confesso…tenho medo de Pastor…sinto muito em declarar isto mas fomos expostos a tamanha vergonha, apontados por requerer nosso direito, claro, com a ajuda de outra Igreja hoje nos sentimos fortes, lutamos e percebemos que nós fomos vítimas.Infelizmente.
    De pessoas que Deus não os reconhece pelos nomes, Deus os vê de certeza.
    Perdoe-me pelo desabafo.
    Obrigada por expor este assunto.
    Dou Glórias a Deus pela tua vida, tu és uma bênçãos
    Até breve.
    Dalva..

    • Olá, Dalva, saudações brasileiras!
      .
      Que história triste, lamentável e deprimente, minha irmã. Como me entristeço por isso. Apesar de tudo não me espanta. Vemos Paulo lutar contra os falsos pastores em 2 Coríntios e João fazê-lo contra os falsos mestres gnósticos nas suas epístolas. Não é de hoje que isso acontece.
      .
      O que fizeram com vocês é inconcebível. Essas pessoas precisam de muita oração, muita mesmo. Que o Espírito Santo lhes mostre seu erro e os conduza ao arrependimento enquanto é tempo.
      .
      No entanto, Dalva, não tenha medo de pastores. Há muitos bons. Meus três pastores são homens de Deus, sérios, comedidos com dinheiro, tementes, verdadeiros embaixadores do Reino de Deus. É por exemplos como eles que sei que ainda há o remanescente fiel, os 7 mil que não dobraram os joelhos a Baal. Não desanime. Ore com seu esposo e peça direcionamento de Deus. E que o que foi roubado de vocês seja restituído, conforme a justiça divina. Oro por vocês.
      .
      Deus a abençoe muito, minha irmã, e lembranças a seu marido e toda a família, no amor daquele que nos faz cidadãos da mesma pátria celestial,
      mz

      • Dalva disse:

        obrigada meu querido pela vossa atenção e suas palavras confortantes…
        minha família agradece. Forte abraço, estamos sempre por aqui.
        Fique na Paz do Senhor.
        Com carinho,Dalva.

  34. Jacy disse:

    Olá, “meu querido mano, Maurício”!!! Saudades!
    Ultimamente minha internet anda um tanto quanto ruim, eis o motivo de eu não ter comentado nos últimos posts. Fiz um esforço para registrar aqui o quanto fui edificada por este texto. É isso mesmo mano, esta proximidade entre os irmãos da fé é algo raro em nossos dias. Ser apascentado com amor também é. Graças dou pelo Bom Pastor que dá a vida por mim e me conhece pelo meu nome. A propósito, fiquei muito feliz de ver meu nome listado no texto! rsrsrs Sabes que sua amizade para mim é preciosa!
    Paz a você, Maurício, e a toda sua família!

  35. Falou tudo..! ovelhas devem ser cuidadas de perto, para não serem levadas por falsas doutrinas e nem serem atacadas pelos lobos!
    Muito bom o texto Mauricio, continuemos firmes no proposito do Senhor!

    e eu hoje mesmo eu iria ressaltar aqui… nossa como o Mauricio tem o cuidado de ler e responder todos os comentários, sempre admirei isso em vc , e hoje vc postou esse belo texto.

    Muito Obrigado mano Mauricio pela saudação no final do post e pela consideração.!
    Soli deo Glória

  36. solange disse:

    Oi Mauricio !
    Meu Bispo se chama Bispo Celso das Chagas e esposa Dona Wanda da ICNV Vila da penha,Pr Fábio me acompanhou,me visitou em casa, Pr Celso e Pr Paulo Jorge ,todos sem excessão me demonstraram um amor imensuravel. agradeço A DEUS todos os dias por esta nova familia.

    Toda honra e glória ao nome de JESUS.

    Eu sou um testemunho vivo.

    Abraços em CRISTO JESUS.

  37. Maurício,

    Parabéns pelo Blog, esta muito bom mesmo. Ah… como me identifiquei
    com sua pessoa e suas idéias, oro a Deus pelo sua vida.
    Um grande abraço meu irmão.

    • Olá, Cristiano, tudo bem?
      .
      Obrigado pela sua bondade com as palavras, mano, mostra quão amoroso você é.
      .
      Obrigado também pelas orações, são um tesouro precioso.
      .
      Outro abraço pra ti e todos os teus, na paz e no amor de Cristo,
      mz

  38. Felipe Souza disse:

    Parece que você adivinha como estou me sentindo e posta os textos que servem certinho pra mim rs.

    A ultima vez que fui na igreja e em vez de orar chamaram tudo quanta é nome pra mim nesse dia o Pastor da igreja disse: Eu quero esse ano ir para Coreia porque tem um pastor que esta arrastando multidões por la e quem quiser abençoar essa obra para minha viajem pode deixar uma oferta para essa viajem que Deus vai te abençoar. ( eu acho errado falar isso que Deus vai abençoar porque o dizimo é para igrejae não para o pastor, mas…)
    e Agora com esse texto eu descobri essa igreja do Pr. David Yonggi Cho, na Coreia do Sul.
    Mas também o pastor daqui a cada final do culto ele fica na porta da igreja para comprimentar todos que estão dentro da igreja.

    Nunca para de escrever meu amigo, você é uma pessoa que esta me ajudando muito!

    Abraços!

    • Que bom, Felipe, eu certamente não sei, mas Alguém lá em cima sabe.
      .
      Enquanto Deus permitir estarei por aqui dando o meu melhor para edificar os irmãos, mano. Fico feliz que o APENAS esteja te ajudando.
      .
      Abraço apertado, na paz de Cristo,
      mz

  39. Fábio Costa disse:

    Fala Maurício!

    Passei ha pouco na porta de uma igreja católica e li uma faixa que dizia: Mutirão de confissões aqui. Pensando nisto vou fazer uma confissão, lá vai:

    Eu fico torcendo pra ver minha caixa de emails anunciando que tem novo texto seu para ler! Alguma penitência?! Sim! Pago todas as vezes que leio um texto seu. Pago no sentido de ser desafiado a abrir mão, quando sou confrontado, quando ouço não poucas vezes Deus falando ao meu coração e me levando a quebrar algum paradigma. Comparo esta experiência como um ”pagamento” porque não é fácil ser moldado, as vezes é doloroso o processo, mas graças a Deus que faz em mim esta bendita obra, e para isto tem usado sua vida. Glórias a Deus!

    Mas me diz: Você não é pastor de uma igreja? Seus textos são muito pastorais, impossível você não ser pastor, aliás SER é uma coisa, ESTAR é outra né? E você É!

    Você citou uma lista de nomes no final de seu texto, vi lá no meio o nome de um Fábio, sou eu? kkkkkkkk

    Um abraço!
    Fábio Costa

    • Olá, Fábio,
      .
      querido, só posso agradecer ao Senhor por este blog ser canal de crescimento espiritual para ti. Bendigo o Senhor por isso.
      .
      Obrigado ainda pelas palavras quanto a mim, mano, você é extremamente gentil.
      .
      Abraço grande e que a graça do Senhor seja contigo,
      mz

  40. É a pura verdade irmão. Eu já fiz parte por um bom tempo de uma congregação aonde se conta números, aonde o líder nem sequer visitou a metade do “rebanho”. E hoje faço parte de uma congregação Batista Bíblica, e estamos em alguns irmãos ( aproximadamente uns 11), mas é muito bom a comunhão que temos ums com os outros, de poder ter no pastor não apenas um líder mas um amigo e irmão, de podermos saber o nome e o endereço de cada um, de poder ajudar uns aos outros em momentos difíceis, e de poder preservar mais a qualidade do que quantidade, e é lamentavel o retrato que temos visto do Brasil, mas o Senhor tem os seus em meio a tanta desordem e mentiras. Abraço irmão, fique na Paz para vc que está em Cristo.

  41. Maira brasileira disse:

    Paz seja contigo, amado Maurício!
    Felizes os que são lembrados, mesmo que não sejam citados – por falta de espaço – como esta que subscreve este. Seus post são bençãos para todos nós!

    • Maira, minha irmã,
      .
      Você com certeza está em minhas lembranças, pela sua comunhão tão freqüente por meio do blog e até mesmo por ser minha xará de iniciais (mz). Desejo a ti um Feliz Natal e um ano-novo repleto de graça e paz. Com carinho e afeição,
      .
      mz

      • Maira brasileira disse:

        :) Obrigada, Maurício! Retribuo com carinho os votos de Feliz Natal (que já nos é abençoado, sempre) e um Novo Ano de muita paz e esperança, no Amor do nosso Senhor.

  42. Que devocional abençoada !!!!! Zagari aprendi muito com Rm 16 :) normalmente eu lia esse final de capitulo bem rápido .. Kkk mas agora entendi uma lição megaimportanteee :) gostei muito do ultimo trecho hehe. :) paz e abraço

    • Olá, Roberto,
      .
      meu coração se alegra por ter levado até ti palavras da vida, querido. Louvo a Deus por isso.
      .
      Que o Senhor te abençoe muito, com sua graça abundante,
      mz

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s